1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

80 integrantes da comunidade árabe concluem curso de português ofertado pela UNILA

O projeto de extensão “Português para estrangeiros em Foz do Iguaçu” realizou a cerimônia de entrega dos certificados do curso, aos 80 concluintes do quarto módulo ofertado este ano. Em 2019, passaram pelo projeto 290 integrantes da comunidade árabe, que estudaram a língua e cultura do português brasileiro, nos quatro módulos ofertados.

A coordenadora do projeto, professora Francisca Paula Soares Maia, explica que a procura dos membros da comunidade árabe se dá em razão de exigências para o processo de naturalização. “Antes, só o exame Celpe-Bras era aceito, mas houve mudanças, e cursos reconhecidos pelo MEC também são permitidos”, ressalta. A professora também destaca o período de realização do curso como um elemento importante. “Antes do Ramadã e depois do Ashura, momentos de plena dedicação ao Islã, quando os árabes se veem mais possibilitados para frequentar as aulas e fazer as atividades de estudo requeridas pelo curso”, diz a docente.

Participaram da cerimônia de entrega de certificados, o vice-reitor da UNILA, professor Luis Evelio Garcia Acevedo; o Sheik Mohamad Khalil; o professor Gustavo Oliveira Vieira, ex-reitor da UNILA; a coordenadora do projeto, professora Francisca Paula Soares Maia; e os discentes da Universidade Yasmin Mubarak e André Acosta.

 

O projeto

O projeto de extensão “Português para estrangeiros em Foz do Iguaçu: integração pela diversidade e interdisciplinaridade” está em atuação desde 2014, formando pessoas de diversas nacionalidades, como chineses, venezuelanos, haitianos, libaneses, turcos, sírios e palestinos. O projeto atende os cidadãos estrangeiros residentes em Foz do Iguaçu que têm a necessidade de acesso ao ensino formal da língua portuguesa, suprindo uma necessidade importante de uma cidade de fronteira, rica pela sua diversidade cultural.

Participaram da cerimônia representantes da UNILA e da comunidade árabe de Foz do Iguaçu