Author

As Últimas Notícias, Destaques, Mundo, Saúde,

Coronavírus: Paraguai reduz R$ 0,30 o preço de combustíveis para incentivar transporte individual

Ao menos uma boa notícia com a chegada da doença do Covid-19 (coronavírus) a América do Sul, pelo menos para os paraguaios.

A estatal paraguaia Petropar vai reduzir em 400 guaranis (R$ 0,30) o preço de todos os combustíveis que ela vende no país.

A medida é para os próximos 15 dias. A intenção é incentivar os cidadãos a evitarem o transporte coletivo e usarem os próprios veículos, como forma de impedir a propagação do coronavírus.

A gasolina mais barata hoje no Paraguai custa 4.950 guaranis (aproximadamente R$ R$ 3,70), e a mais cara 5.890 guaranis (R$ R$ 4,40).

Com a redução, o preço cairá para R$ 3,30 e R$ 4,10, respectivamente. A medida entrou em vigor na quarta-feira (11).

Fotos: Roger Meireles/GDia

As Últimas Notícias, Brasil, Paraná, Política,

Romanelli diz que bancadas estadual e federal estão em sintonia por tarifas mais baixas e mais obras no pedágio

O deputado Romanelli (PSB) afirmou nesta quarta-feira, 11, que as bancadas estadual e federal do Paraná estão em sintonia na defesa de um modelo de pedágio mais barato e com mais obras. Ontem, deputados federais se reuniram na Empresa de Planejamento e Logística (EPL), em Brasília, e reiteraram que o novo sistema a ser implantado a partir de 2021, quando vencem as concessões em vigor, leve em conta a proposta pela tarifa mais baixa. Há poucas semanas a Assembleia Legislativa realizou uma audiência pública para tratar do tema.

“Há uma sintonia entre os deputados federais e estaduais. Defendemos um pedágio com tarifas baixas e mais obras. Esse é o modelo e não pela outorga.  Não há outro caminho. Temos que cobrar ainda que as atuais concessionárias executem as obras previstas quando assinaram os contratos em 1998”, afirma Romanelli.

As concessões do Anel de Integração, formado por 2,5 mil quilômetros de rodovias federais e estaduais, vencem em novembro de 2021. A EPL está elaborando uma nova licitação para conceder 4,1 mil quilômetros de vias estaduais e federais por 25 anos. O estudo deve ser entregue até julho.

Novo estudo – Romanelli já pediu ao ministro Tarcísio Gomes (Infraestrutura) o acesso aos estudos já realizados e participação do Instituto Brasil Transportes no novo contratado pela EPL. 

O deputado explica que o principal ponto de debate é como será feita a licitação: se por outorga, onde ganha a empresa que oferece mais dinheiro ao governo ou se por menor tarifa. Há ainda o estado de um modelo misto, que combina o pagamento de outorga e um desconto na tarifa.

“Repito, não podemos repetir o mesmo erro desse modelo nefasto que já retirou mais de R$ 20 bilhões da economia do Paraná e causou muito prejuízo aos nossos produtores. Queremos um pedágio com tarifas baixas e muito mais obras, em especial, de duplicação”, reforça Romanelli.

Bancada federal – No encontro em Brasília com o presidente da EPL, Arthur Luis Pinho de Lima, e o diretor de Planejamento Rafael Benini, os deputados federais reforçaram a posição de que não abrem mão de um leilão de menor tarifa para as rodovias paranaenses.

“A tarifa mais baixa é a nossa pauta, até convencermos o governo federal. Hoje está encaminhado um sistema misto, com limite de desconto e cobrança de cessão onerosa”, diz o coordenador da bancada do Paraná em Brasília, deputado Toninho Wandscheer (Pros).

A ideia debatida por deputados estaduais em fevereiro e mencionada por Wandscheer é o modelo de outorga com até 12% de desconto permitido sobre a tarifa anunciada na licitação. Esse modelo impediria o superdesconto obtido no leilão do último dia 21 de fevereiro da BR-101, entre Florianópolis e a divisa com o Rio Grande do Sul, com leilão feito pelo menor preço.

O líder da bancada diz que os parlamentares devem voltar a se reunir com representantes da estatal federal na próxima semana. “Ficaram de levantar informações que nós pedimos, vamos aguardar. Possivelmente voltamos a conversar na semana que vem”.

As Últimas Notícias, Destaques, Geral, Paraná,

Foz Cataratas Futsal libera entrada para a torcida neste sábado

O Foz Cataratas Poker Futsal faz sua estreia oficial neste ano, neste sábado, 14 de março, às 20h15, no Ginásio Costa Cavalcanti, o Caldeirão Azul. Para celebrar a conquista do bicampeonato com a cidade, a direção do time vai liberar a entrada gratuita dos torcedores para este jogo contra o Ampere, pelo Campeonato Paranaense.

Lançamento do Sócio-Torcedor Campeão 2020
Local: Ginásio Costa Cavalcanti
Data e horário: 14 de março, a partir das 14 horas
Sócio adulto: R$ 256 (4 vezes de R$ 64 no cartão de crédito)
Sócio infantil: R$ 196 (4 vezes de R$ 49 no cartão de crédito)

Foz Cataratas x Ampere
Local: Ginásio Costa Cavalcanti
Data e horário: 14 de março, 20h15

Serviço de autoatendimento ao torcedor pelo Whats
(45) 99137-6713

Mais informações
www.fozcataratasfutsal.com.br
(45) 3025-2141

As Últimas Notícias, Destaques, Paraná, Política,

Clemilda Thomé é cidadã benemérita do Paraná

A Assembleia Legislativa aprovou nesta terça-10, projeto de lei do deputado Alexandre Curi (PSB) que concede o título de cidadã benemérita do Paraná à empresária Clemilda Jesus Rodrigues de Paula Thomé. “Clemilda é exemplo da força da mulher parananense. Seu dinamismo e capacidade de empreender, com ótimos resultados, é uma referência para todos nós. Ela também um excelente trabalho social e contribui muito, de forma muito generosa, com entidades e com o Estado”, disse Alexandre Curi.

Formada em odontologia pela Universidade Tuiuti do Paraná, Clemilda – nasceu em Sapopema, interior do Paraná, fFilha de pais agricultores, mãe do José Guilherme e João Alfredo – é uma das fundadoras da empresa Neodent, especializada em implantes dentários, e do Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico – Ilapeo. Com a dispensa de votação da redação final aprovada em plenário, o texto segue agora para sanção do governador Ratinho Junior.

Nas mãos de Clemilda, a Neodent conquistou o mercado e em 15 anos tornou-se líder nacional em seu segmento e tem um parque industrial de 50 mil metros quadrados e mais de 900 colaboradores. Em 2012, iniciou-se uma fase de transição e parte da companhia foi vendida ao grupo suiço Straumann – líder mundial na implantodontia e finalizando em 2015, quando o grupo suiço adquiriu cem por cento da empresa.

Empreendedora – Com espírito empreendedor e por acreditar que a educação é para promover as mudanças e desenvolvimento do país, Clemilda decidiu continuar com o Ilapeo e transformou em Faculdade Ilapeo em 2016 que oferece formação nos mais diversos níveis de ensino como especialização, mestrado e doutorado.

Fazem parte, também, dos negócios da família e Bee.o Empório Natural – espaço gastronômico com produtos orgânicos e naturis; DSS Aroeira

Empreendimentos e Incorporações Imobiliárias; DSS Importação e Exportação Bravi Outsourcing – Indústria e Comércio de Produtor Odontológicos, BlueM Brasil e BlueM Holanda. Clemilda participa ativamente da gestão das empresas, juntamente com seus filhos, no conselho de administração da holding.

Na área social, Clemilda foi diretora da Associação Brasileira de Odontologia, presidente da Comissão de Ginecologia e Obstetrícia da Associação dos Amigos do Hospital das clínicas e vice-presidente do Instituto Pró-cidadania de Curitiba.

Recebeu uma menção honrosa, pela contribuição a cidade de Curitiba em sua área de atuação e pelo seu relevante trabalho frente ao Instituto TMO da Associação Alírio Pfitter, da Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Em 2017 foi agraciada com a comenda Ordem Estadual do Pinheiro, a mais alta honraria do Estado.

As Últimas Notícias, Geral, Paraná, Política, Saúde,

Rio Bonito do Iguaçu recebe R$ 452 mil de emenda parlamentar para saúde

Na manhã desta quarta-feira, 11, o prefeito Ademir Fagundes (Gaúcho) recebeu das mãos do assessor do deputado federal Aroldo Martins (Republicanos), uma emenda parlamentar no valor de R$ 452 mil para a Saúde do município.

O assessor Emerson Leska e o prefeito Ademir Fagundes comentam sobre a chegada destes recursos para a melhoria do atendimento à população.