Browsing Category

Destaques

Brasil, Cultura, Destaques, Educação, Geral, Itaipu, Turismo,

Arremesso de Celular abre temporada de eventos da Itaipu para a comunidade. Veja fotos!

Tradicional torneio foi uma amostra das atividades que vão acontecer no Gramadão da Vila A e em toda Foz do Iguaçu até do final do ano

A 12ª edição do Torneio Sul-Americano de Arremesso de Celular abriu, neste domingo (22), a temporada de eventos que a Itaipu Binacional vai promover no Gramadão da Vila e em toda a cidade até o final do ano. Já na próxima semana, o espaço recebe a abertura dos Jogos de Aventura e da Natureza. Em outubro, o local será palco da festa do Dia das Crianças, e, no final do ano, o tradicional Natal de Foz de Iguaçu, que voltou ao Gramadão há dois anos, terá intensa programação no espaço.

“O Gramadão sempre foi um local de congregar as famílias, que se reúnem aqui ao final da tarde e, agora, podem fazer isso de uma forma mais efetiva”, afirmou o diretor-geral brasileiro, general Joaquim Silva e Luna. “A comunidade local poderá participar destes grandes eventos como os Jogos da Natureza, o Dia das Crianças, o Natal, entre outros. Estão todos convidados”.

Silva e Luna participou do torneio na tarde deste domingo (22). Foi a primeira vez que um diretor-geral brasileiro se aventurou a arremessar o celular. Ele agradeceu a experiência e reforçou o aspecto cidadão da iniciativa. “Quem arremessa o celular joga o egoísmo fora ao ajudar quem mais necessita”, disse em referência à arrecadação de alimentos promovida pelo evento. E conclui: “a Itaipu se incorpora ao torneio por ter um compromisso muito grande com o meio ambiente e com a responsabilidade social em nossa sociedade”.

Desde 2008, quando o torneio foi criado, foram arrecadadas 67 toneladas de alimentos que são distribuídas a várias entidades assistenciais de Foz do Iguaçu e região. Só em 2019, foram repassadas mais de 12 toneladas de alimentos por 20 empresas, além do que foi doado durante o torneio, como inscrição para arremessar o celular.

Temporada de eventos

Mal serão desmontadas as barracas do 12º Torneio Sul-Americano de Arremesso de Celular e o Gramadão já se prepara para outro evento grandioso, já no próximo domingo. São os Jogos de Aventura e Natureza, promovidos pelo Governo do Estado do Paraná, com o apoio da Itaipu Binacional. A abertura dos jogos começa às 16h de domingo (28), com o show da “Banda que Voa”, no Gramadão. O espetáculo mistura música e circo a 40 metros de altura é gratuito e aberto ao público, que também poderá aproveitar outras atividades, como balonismo e parede de escalada.

Os jogos acontecem até o dia 6 de outubro, com quatro modalidades: Skate, Canoagem Slalom, Paraquedismo e Iatismo (Vela). A canoagem slalom, aliás, será disputada nos dias 28 e 29 de setembro, no Canal Itaipu, e terá peso de Campeonato Brasileiro, o maior evento da modalidade no País, com a participação dos principais atletas da canoagem slalom como Ana Sátila e Pedro Henrique Gonçalves.

O Dia das Crianças, celebrado no dia 12 de outubro, tem festa marcada para o domingo (13 de outubro), no Gramadão, com programação para toda a comunidade, com jogos, show, brincadeiras e distribuição de brindes. Já as festividades do Natal de Foz também terão uma série de eventos no Gramadão que, em 2018, recebeu o show de Michel Teló. A organização da festa promete novidades para este ano.

Arremesso de Celular

O 12º Torneio Sul-Americano de Arremesso de Celular movimentou o Gramadão durante todo o domingo. A programação começou com o 7º Passeio Ciclístico Solidário, às 8h com percurso de 14 quilômetros até a Barreira de Controle da Itaipu e participação de todas as idades. Outro percurso, para ciclistas acima de 12 anos, foi de 30 km com ida do Gramadão ao Mirante Central da Itaipu e volta ao Gramadão.

Ao longo do dia, quase 400 pessoas se inscreveram para arremessar o celular. A campeã da categoria adulto feminino foi a tenente do Corpo de Bombeiros Janaína Fagundes, que atingiu a marca de 37,79 metros de distância. Janaína é, aliás, a atual campeã e recordista da categoria. No masculino, o arremesso de 76,30 metros foi de Franck Rodrigues de Souza, que se sagrou campeão.

No juvenil masculino, Lucas Gehardt conseguiu o bicampeonato atingindo a marca de 45,06 metros. No feminino, a campeã foi Fernanda Luiza Pereira, com 29,79 metros. Finalmente, na categoria infantil, Rafaeli Paulus foi a campeã com 30,50 metros, e Arthur Arruda foi o melhor no masculino, com 29,60 metros. Todos os primeiros colocados receberam troféus e smartphones da marca Xiaomi Mi 8 lite. Os segundos e terceiros colocados também foram premiados.

“Sem o apoio da Itaipu não teríamos o torneio, ela dá todo o suporte para organização deste evento que tem o objetivo de conscientizar a população sobre o destino correto dos lixos eletrônicos”, destacou Gabriel de Campos Neto, da Divisão de Segurança da Central da Itaipu, idealizador e organizador do evento. “Também com a arrecadação dos alimentos, vamos convidar as empresas e os apoiadores para fazer as doações”.

Outras atividades

Além dos arremessos, as pessoas puderam participar doo 10º Mutirão de Arrecadação de Lixo Eletrônico promovido em parceria com a empresa Krefta Tecnologia em Serviços. Desde 2008, já foram recolhidas 37 toneladas deste material durante o torneio. “O evento ajuda a conscientizar as pessoas sobre o prejuízo deste tipo de material ao meio ambiente, além de fazermos o descarte correto”, afirmou o gerente de produção da Krefta, Djair Freitas Alves.

A comunidade também pode aferir a pressão, passar por atividades de recreação, acompanhar a apresentação de adestramento de cães, prestigiar a exposição de carros antigos, além de conhecer de perto um carro de combate do Exército. “A gente trouxe o material que o soldado utiliza no dia a dia em campo. O público ficou bastante interessado, principalmente, as crianças que olham para o soldado, querem tirar foto”, afirmou o tenente Moraes Júnior, do 34º Batalhão de Infantaria Motorizada.

Fotos: Rubens Fraulini/Itaipu Binacional

Brasil, Cultura, Destaques, Geral, Internacional, Itaipu, Turismo,

Semana Farroupilha dobra o número de visitantes na Iluminação da Itaipu

O Complexo Turístico Itaipu preparou uma edição especial com música e dança gauchescas na sexta e no sábado

Mais do que dobrou o número de pessoas que fizeram o passeio da Iluminação da Barragem na Semana Farroupilha em relação ao mesmo período do ano passado. O aumento é em decorrência, principalmente, do turismo regional, já que a maioria da população do Oeste do Paraná é formada por gaúchos ou descendentes de migrantes do Rio Grande do Sul.

Para receber os visitantes na semana temática, o Complexo Turístico Itaipu (CTI), preparou uma programação que incluiu apresentações de música e dança gauchescas no passeio Itaipu Iluminada. Foram recebidas 974 pessoas este ano – em 2018, foram 431 visitantes. Esta é a segunda vez que há a comemoração da Semana Farroupilha no turismo de Itaipu – a primeira foi em 2017.

A experiência gaúcha começou logo no Centro de Recepção de Visitantes (CRV), onde os turistas foram recebidos por uma equipe toda pilchada, ou seja, vestida com as tradicionais bombachas. O chimarrão também não podia faltar. A espera pelo horário do passeio passou rápido com um verdadeiro bailão no espaço, garantido pelas invernadas Juvenil e Adulta do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) de Foz do Iguaçu.

No Mirante Central, de onde os visitantes têm a vista para o espetáculo de luzes na barragem da maior usina do mundo em geração de energia, teve mais dança e também a apresentação do acordeonista Tiago Rossato, com um repertório todo gaúcho.

O policial civil aposentado Jorge Luiz Vasques, de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul, esteve na sexta-feira pela segunda vez na usina. Dessa vez, ele também conheceu o Ecomuseu e quis prestigiar o show de luzes na Itaipu. Ele ficou grato com a receptividade que teve nos atrativos do CTI. “O show foi excelente. Estou muito feliz, porque sou gaúcho e ser homenageado assim é emocionante”, afirmou.

O casal Juliano Gerhardt e Andrialy Bersch é de Ibirubá, Rio Grande do Sul, e já tinha acompanhado algumas apresentações da Semana Farroupilha em outros lugares, mas os dois ficaram surpresos com a experiência na Itaipu. “A noite foi fantástica. A gente tinha noção do tamanho da usina, mas o show à noite surpreendeu”, comentou o casal.

Para o diretor-geral de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, o recorde é reflexo dos investimentos de Itaipu e PTI em novas modalidades e inovação de passeio oferecidos pelos atrativos turísticos da usina. “O turismo é um segmento fundamental pra toda a economia da região”.

O turismo na usina é gerido pela Comunicação Social da Itaipu e gerenciado pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI), por meio do CTI.

Fotos: Kiko Sierich/PTI 

AQUI para ver mais fotos

Brasil, Destaques, Educação, Internacional, Política,

Ciudad del Este tem uma nova Polícia Municipal de Trânsito. Efetivo foi treinado pela GM de Foz do Iguaçu

São 74 novos agentes que durante dois meses receberam treinamento da Guarda Municipal de Foz do Iguaçu, na Reserva Activa Naval del Este

Um dia após demitir todo o quadro da Polícia Militar de Trânsito (PMT), o prefeito de Ciudad del Este, Miguel Prieto Vallejos, voltou a surpreender nesta sexta-feira (20). Logo pela manhã, ele apresentou os novos quadros da corporação, formada agora por 74 agentes treinados profissionalmente pela Guarda Municipal de Foz do Iguaçu e instituições nos últimos dois meses. Eles assumem com o “grande desafio” de recuperar a credibilidade da instituição, informa Ronildo Pimentel, no GDia.

Na quinta-feira (19), Miguel Prieto comunicou o desligamento de aproximadamente 60 agentes da PMT por “falta de confiança” deles com a população do município, localizado na fronteira do Paraguai com o Brasil, na região de Foz do Iguaçu. A maioria dos demitidos, ainda segundo o prefeito, entrou nas gestões dos ex-prefeitos Javier Zacarias Irún e sua esposa, Sandra McLeod de Zacarías. Contra eles, haviam provas e denúncias de corrupção.

Os novos policiais municipais foram “capacitados totalmente” em teorias e práticas referentes a sua função, informa a assessoria da prefeitura. A capacitação ocorreu na Reserva Activa Naval del Este. Os jovens, de acordo com a nota, passaram por “um duro processo” de treinamento.

“Operadores políticos”
Na apresentação dos novos policiais, Miguel Prieto disse que pretende, com a mudança “que realmente trabalhem naquilo que os compete e deixem de serem operadores políticos”, informou Wilson Ferreira, no Última Hora. O prefeito confirmou que há meses os jovens estavam sendo treinados pelos guardas municipais de Foz do Iguaçu.

Ao todo, segundo o prefeito, foram desligados 40 agentes, outros 11 foram comissionados na Divisão de Ordem e Segurança do Município e 10 estão disponíveis para os Recursos Humanos. “Queremos que seja um orgulho prazer parte da PMT, queremos eliminar todo tipo de atos de corrupção e limpar sua imagem”, disse Miguel Prieto.

Capacitação
O programa de formação contou com módulos incluindo aulas de psicologia laboral, primeiros socorros com a Cruz Vermelha Paraguaia e aspectos jurídicos (Regulamentação Nacional de Trânsito e Segurança nas Vias – Lei Federal 5016/2014).

Também práticas com simulações de “ordenamento de trânsito”, relações humanas e públicas e regulamentações de trânsito com a Patrulha Caminera. Representantes da Senatur de Alto Paraná ministraram práticas para uso e operação de rádios, orientação nutricional e outros.

A reorganização com os novos policiais, de acordo com a Prefeitura, tem como meta garantir uma resposta rápida ao caos veicular nas ruas de Ciudad del Este, ainda no combate a corrupção e garantir melhores condições as população local e turistas em relação ao trânsito. Os novos policias vão atuar de uniformes renovados a partir desta sexta-feira.

Destaques, Estadual, Política,

MDB promove encontro com simpatizantes e lideranças da região de Astorga

O Movimento Brasileiro Democrático (MDB) promoveu, neste sábado (21), um grande encontro com simpatizantes e lideranças da região de Astorga, no Norte Central do Paraná.

“Grande encontro do MDB, no município de Astorga, com a presença de vários diretórios da região”, destacou o presidente estadual da legenda, o ex-deputado João Arruda.

“Estamos juntos, fortalecendo nossos ideais. Dá-lhe 15”, ressaltou Arruda, que é pré-candidato a prefeito de Curitiba.

“Estamos reunidos para tratar do crescimento com novas filiações e ouvir às boas demandas do partido e da região”, disse o vice-presidente, o deputado estadual Anibelli Neto.

Cultura, Curitiba, Destaques, Estadual, Geral, Política,

VÍDEO: Abrabar mobiliza categoria para arrecadar brinquedos à crianças carentes de Curitiba

Pontos de arrecadação serão definidos em reunião no próximo dia 1º de outubro no Provopar Estadual, em Curitiba

A Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar) quer mobilizar ao máximo a categoria de bares e restaurantes de Curitiba para garantir ao menos um sorriso no rosto das crianças carentes dia 12 de outubro (o Dia das Crianças). A estrategia será definida dia 1º de outubro, em reunião ampliada no Provopar.

“Olá amigos. No dia 1º temos um compromisso, com o deputado Francischini e a Carlise do Provopar”, convidou o presidente da Abrabar, Fábio Aguayo, em vídeo nas redes sociais. “Vamos mobilizar nossa categoria para arrecadar brinquedos as crianças carentes, que não tem condições de adquirir lembranças nesta data tão importante”.

A presidente do Provopar Estadual, Carlise Kwiatkowski, comentou no vídeo que já está engajada na ação. “É isso aí meus amigos, a gente espera vocês, no dia 1º de outubro, na Rua Hermes Fontes, 315, aqui em Curitiba”, ressaltou.

“Todos vocês dos bares, restaurantes e casas noturnas de Curitiba, comandados pelo meu amigo Fábio Aguayo, são bem vindos”, emendou o deputado Fernando Francischini, presidente da CCJ da Assembleia Legislativa. “Nós esperamos todos vocês. Tenho certeza, que é uma categoria solidária”.

“E junto com a Carlise, lá no Provopar, vamos organizar a maior arrecadação de brinquedos que Curitiba já viu, para atender as crianças carentes da nossa cidade”, destacou Francischini. Que completou: “São todos bem vindos e com certeza faremos uma grande campanha no dia das crianças”.

Mobilização
A intenção, segundo Aguayo, é organizar a categoria e definir pontos de coletas de brinquedos em bares e restaurantes e incentivar os clientes a doarem brinquedos para o Provopar. A meta é juntar o maior número possível de pessoas nesta ação.

“Como nosso setor é sempre engajados em ações sociais, é mais uma demonstração que somos solidários as pessoas menos favorecidas”, disse. A ideia é atrelar promoções, como forma de incentivar a solidariedade.

“Por exemplo, quem levar um brinquedo ganha um chope, um vale lanche, refrigerante…”. A iniciativa, terá adesão do Sindicato dos Postos de Combustíveis e Lojas de Conveniência do Paraná, segundo o presidente Rui Chichela, pode ser em todo Estado por representantes da Abrabar onde tenham estabelecimentos que queriam aderir.

Foto: Reprodução

Destaques, Geral, Política,

Câmara aprova inclusão de mais dois pontos críticos nas obras de alagamentos em Foz do Iguaçu

A outra matéria aprovada foi liberação de área para implantação do loteamento Remanso Grande

Nas sessões extraordinárias deste sábado, 21 de setembro, os Vereadores discutiram e votaram dois projetos importantes: inclusão de mais dois pontos críticos de enchentes nas obras de alagamentos que estão sendo realizadas e a liberação de área para que o município implante o loteamento Remanso Grande. As matérias foram aprovadas em 1ª e 2ª discussões e seguem para sanção do Executivo.

O projeto de lei 128/2019, que inclui nos R$ 30 milhões aprovados pela Câmara mais duas obras em pontos considerados críticos: Trechos da bacia do Rio Mathias Almada e trechos da bacia do Córrego Festugato/ Rio Paraná.

As melhorias incluem serviços complementares de pavimentação e recomposição com enfoque na preservação ambiental. Essa matéria trata-se de alteração na lei que autorizou o município a contratar operação de crédito com a Caixa Econômica Federal no valor de R$ 30 milhões para realizar as obras de contenção de enchentes nos pontos mais críticos da cidade.

O Executivo informou que na elaboração dos projetos básicos na bacia hidrográfica do Rio Mimbi, foi necessário ajustar o escoamento. De acordo com o Executivo, os valores economizados nas licitações somam mais de R$ 1 milhão.

Liberação de área para loteamento

A outra proposição em pauta foi o projeto de lei 28/2019, em que a prefeitura está cumprindo a exigência da justiça para que haja uma área reservada como loteamento para as famílias que vivem há 24 anos no Arroio Dourado, onde funcionava o antigo lixão. A proposta que tramita na Câmara de Vereadores desde março estava com os prazos regimentais esgotados.

Os parlamentares já se reuniram com lideranças do bairro Arroio Dourado para explicar a situação. Esclareceram, especialmente, que a votação do projeto não implica em retirada das famílias, apenas atende a exigência da justiça dentro do processo que envolve a área.

Enquanto o caso corre na justiça as famílias vão continuar morando no Arroio Dourado. O que os vereadores deliberaram foi por fazer um requerimento conjunto que deverá ser enviado ao Poder Executivo, solicitando que a Prefeitura tome algumas medidas para viabilizar a elaboração de um novo laudo do local.

Brasil, Destaques, Justiça,

Polícia Federal cumpre mandados em Foz do Iguaçu na manhã deste sábado, 21

Foz do Iguaçu/PR – Na manhã deste sábado, 21/09/19, policiais federais da Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu cumpriram Mandados de Busca e Apreensão e de Prisão Preventiva expedidos pelo Juiz Federal da 5a Vara Federal de Foz do Iguaçu.

O alvo foi condenado no processo da Operação Bagre e encontrava-se foragido da Justiça após romper a tornozeleira eletrônica que usava.

A Operação Bagre foi deflagrada pela PF de Foz do Iguaçu em 2017 e desarticulou grupo criminoso que atuava no tráfico internacional de drogas na região da tríplice fronteira.

CS/DPF/Foz do Iguaçu
(45) 3576-5515

Brasil, Destaques, Economia, Internacional, Política,

Governo Bolsonaro revê acordo sobre free shops e abre crise no Mercosul

Países vizinhos se queixam de medida que ampliou produtos vendidos em lojas francas brasileiras

O governo Bolsonaro revisou um acordo do Mercosul sobre a instalação de lojas francas (free shops) terrestres no Brasil e abriu uma crise com os demais parceiros do bloco econômico.

Adianta o jornalista Ricardo Della Coletta, na Folha de S.Paulo, que em reunião do Grupo Mercado Comum (órgão executivo do Mercosul) em Brasília na semana passada, as delegações de Argentina, Paraguai e Uruguai se queixaram da adoção, pela Receita, de uma instrução normativa que ampliou significativamente o número de produtos que podem ser comercializados em lojas francas nas fronteiras do Brasil com esses três países.

A lista é bastante mais extensa do que a de um acordo de dezembro de 2018. Dessa forma, as delegações dos demais estados-membros reclamaram ao Brasil que ela coloca em risco os comércios locais nas cidades fronteiriças.

A instrução da Receita permite, por exemplo, que os free shops brasileiros terrestres vendam, num regime livre de impostos, produtos de cesta básica, eletrodomésticos de grande porte, armas, maquinário agrícola, materiais de construção e pneus.

Segundo os demais países, isso deixa as lojas do lado brasileiro em vantagem em relação às lojas estrangeiras, que em alguns casos ficam a poucos metros de distância.

O desconforto foi tamanho que os sócios do Brasil no Mercosul fizeram questão que a “preocupação” constasse na ata do encontro do Grupo Mercado Comum, segundo texto obtido pela Folha.

Segundo participantes, os free shops foram o principal ponto de tensão na reunião.

Antes proibida, a instalação de lojas francas em fronteiras terrestres do Brasil foi possibilitada com uma lei de 2012. Após a regulamentação, as primeiras unidades começaram a ser abertas neste ano.

O principal estado interessado é o Rio Grande do Sul, onde já há free shops terrestres funcionando em três cidades.

As regras determinam que os free shops de fronteira só podem ser abertos em cidades-gêmeas —as que fazem limite com municípios de um país vizinho. Há no Brasil 33 cidades-gêmeas, 11 delas no RS.

Também existem regras sobre quanto cada pessoa pode comprar: há um limite de US$ 300 em mercadorias, num prazo de 30 dias.

A criação de lojas francas em fronteiras sempre teve resistência na área técnica da Receita, que aponta problemas como a perda de arrecadação. Mas defensores desse mercado encontraram forte respaldo no governo Bolsonaro.

No Planalto, o principal impulso veio do ministro Onyx Lorenzoni (DEM). Ele promoveu reuniões na Casa Civil sobre o tema e patrocinou um encontro entre parlamentares que defendem a pauta e líderes empresariais com o ministro Ernesto Araújo (Relações Exteriores), em fevereiro.

No RS, a agenda é tocada pelo deputado estadual Frederico Antunes (PP).

O parlamentar refuta as críticas e diz que instrução da Receita de agosto teve por objetivo colocar o Brasil em igualdade com os demais membros do Mercosul. Segundo ele, essas nações já podem comercializar diversos itens nos seus free shops terrestres e o Brasil vinha sofrendo prejuízos.

“Não podemos voltar a ter assimetria. Alguns países iriam ficar vendendo esses produtos e não poderíamos fazer o mesmo”, afirma.

O argumento é rebatido pelos outros sócios do Mercosul.

Interlocutores no governo do Uruguai disserem à Folha que, embora o país tenha lojas francas de fronteira com o Brasil desde a década de 80, esses estabelecimentos comercializam só bebidas, perfumes, roupas e produtos de luxo, em regime similar ao aplicado nas lojas de aeroporto.

Com cidades brasileiras vendendo pneus e itens de cesta básica livre de impostos, o Uruguai teme até que alguns produtos terminem em Montevidéu, a 300 km da fronteira.

A Argentina tem situação semelhante, mas menos intensa. Hoje, as lojas francas terrestres funcionam apenas em uma cidade, Puerto Iguazú (Duty Free, foto acima), gêmea de Foz do Iguaçu.

O governo brasileiro refuta as queixas e diz que a instrução normativa retoma regra criada em março de 2018.

Segundo o governo Bolsonaro, a revisão foi necessária porque apenas o Uruguai até o momento ratificou internamente a resolução do bloco comercial. Sem a retomada de uma lista ampla, afirmam, o Brasil teria prejuízos.

“Como a resolução ainda não foi implementada pela totalidade dos países-membros do bloco, o Brasil optou por permitir a oferta de produtos para eliminar a desvantagem concorrencial das lojas brasileiras perante as dos países vizinhos”, afirma a Receita.

O Itamaraty usou argumento semelhante: “Apenas o Uruguai internalizou a resolução do Mercosul até o momento e, consequentemente, a referida norma não se encontra em vigor. O governo brasileiro tem a obrigação de internalizar a resolução ou, alternativamente, deve propor a sua revogação aos sócios do Mercosul”.

O Ministério das Relações Exteriores, porém, não adiantou qual posição o país deve tomar em relação ao tema.

Os quatro membros do Mercosul têm regras diferentes para ratificar internamente a resolução do bloco econômico.

A Argentina possui o processo mais complicado, que demanda aprovação do Congresso. Com o país no meio de um processo eleitoral, a avaliação é que o trâmite levará tempo.

Procurado, Onyx Lorenzoni não se manifestou.

Destaques, Geral, Política,

Foz do Iguaçu mantém vacinação contra o sarampo e febre amarela neste sábado, 21

A ação de imunização contra o sarampo e a febre amarela iniciada no último dia 16, em Foz do Iguaçu, segue neste sábado, 21 de setembro, como parte do Movimento Vacina Brasil nas Fronteiras. A estratégia do Ministério da Saúde prevê o reforço da vacinação em regiões de divisa com outros países e conta com apoio do MERCOSUL e da Organização Pan-americana de Saúde (Opas).

“É um momento de atualizar a carteirinha de vacina não somente das crianças, mas dos adultos para sarampo, febre amarela e demais vacinas. As unidades estarão abertas para essa imunização. Importante para sensibilizar e conscientizar sobre a importância de se receber as doses das vacinas”, disse a diretora de Atenção Básica, Adriana Izuka.

No Paraná, Foz e Barracão recebem atenção na iniciativa. Os dois municípios se caracterizam por maior suscetibilidade de contágio pelas características de intenso fluxo de pessoas circulando na região da tríplice fronteira. O Paraná tem nove casos de sarampo confirmados do mês passado para cá e, a febre amarela teve, entre julho de 2018 a julho de 2019, 17 casos confirmados com um óbito. Em Foz nenhum caso de sarampo ou febre amarela foi registrado.

A intensificação, realizada pela Secretaria de Saúde, acontece nas 29 unidades básicas de saúde de Foz do Iguaçu, das 8h às 12h. A vacinação acontece de forma seletiva, dirigida para o público que ainda não foi imunizado.

No caso do sarampo, o Movimento Vacina Brasil nas Fronteiras prevê a aplicação da dose da tríplice viral para a faixa etária de seis meses a 29 anos. Para a imunização contra a febre amarela, o protocolo estipula a vacinação para pessoas de nove meses a 59 anos.

Curitiba, Destaques, Estadual, Política,

Amunorpi, Interpol, estrada aérea, reunião em Astorga, sem julgamento e madrugada. Na CabezaNEWS

Amunorpi Os prefeitos da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi) tem reunião marcada às 20h do próximo dia 3 de outubro. O local escolhido é o Centro de Eventos de Joaquim Távora, adiantou ao Blog do Marcos o presidente da entidade, o chefe do Executivo de Pinhalão, Sérgio Rodrigues. A agenda terá presença do Chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Guto Silva.

Amunorpi II “Estamos sempre realizando reuniões com participações de lideranças na área governamental, para podermos levar os pedidos de nossa região com a presença de todos os prefeitos do Norte Pioneiro”, disse Sérgio Rodrigues.

Interpol De passagem pelo Brasil, o especialista contra o terrorismo e membro do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF), Antônio Pombo dos Santos, visitou o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (IDESF). Ele é agente da Interpol e foi recebido pelo presidente, Luciano Stremel Barros.

Interpol II Na visita a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Antônio Santos foi recebido pelo inspetor Luiz Gênova. Ele visitou ainda outros órgãos de segurança da Tríplice Fronteira.

Aérea A nova estrada do colono no Parque Nacional do Iguaçu poderá ser aérea – acima da copa das árvores. A informação é do deputado federal Nelci Colgueto Maria, Vermelho, em entrevista ao Contraponto da Rádio Cultura de Foz do Iguaçu. Ele é autor de projeto de lei que prevê a reabertura de uma via que ligava Capanema, no Sudoeste, a Serranópolis, no Oeste do Paraná.

Em Astorga O presidente e o vice presidente estadual do MDB, João Arruda e Anibelli Neto, são esperados neste sábado (21), em Astorga. Eles são convidados para participar de reunião com lideranças locais e da região, a partir das 11h no salão da Loja Maçônica Filhos de Hiram.

Sem julgamento O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) está notificando mais de 290 câmaras municipais do Paraná, sobre a necessidade de votar os pareceres prévios das prestações de contas dos prefeitos. Relatório emitido nesta semana pelo órgão de controle externo aponta a existência de 795 prestações de contas, relativas ao período entre 2007 e 2018, sem julgamento nos municípios.

Julgamento II As câmaras em maior débito em relação aos julgamentos dos pareceres emitidos pelo TCE-PR são as dos municípios de Imbaú, Inajá e Palmas, onde existem contas relativas a dez anos sem análise por parte dos vereadores. Com nove prestações sem julgamento estão as câmaras municipais de Astorga, Cerro Azul, Quatiguá e Rondon.

De madrugada Conta o Blog do Tupan que o secretário de Justiça, Família e Trabalho do Paraná e pré-candidato a prefeito, Ney Leprevost, percorreu alguns bairros de Curitiba para ver os estragos causados pelo temporal de quarta-feira e auxiliar no socorro as famílias que eventualmente estivessem desabrigadas.

Ronildo Pimentel
Editor