Browsing Category

Internacional

Brasil, Destaques, Economia, Internacional, Turismo,

Foz do Iguaçu receberá primeiro fórum brasileiro de investimentos no turismo

Evento, inédito no país, reunirá empresários, gestores públicos e representantes de organismos como Banco Mundial, BID, CAF, BNDES e fundos de investimentos nacionais e internacionais

Foz do Iguaçu será palco do primeiro fórum brasileiro de desenvolvimento do turismo. Entre os dias 15 e 17 de maio, a cidade receberá a primeira edição do Encontro de Líderes. O evento, inédito no país e que deverá se tornar anual, será realizado no Wish Resort Golf & Convention.

As vagas são limitadas e as inscrições gratuitas pelo site do Mercado & Eventos, indo no diretório “Encontro de Líderes.

No evento, são esperados empresários, gestores públicos, investidores, representantes de organismos como Banco Mundial, Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Confederação Andina de Fomento (CAF), BNDES, Banco do Nordeste, Caixa Econômica Federal, Prodetur, agências de fomento e fundos de investimentos nacionais e internacionais. Já estão confirmadas presenças de fundos de investimentos dos Estados Unidos, Canadá e China.

A organização do Encontro de Líderes é do jornal Mercado & Eventos em parceria com a Promo Marketing Inteligente, e conta com apoio do Ministério do Turismo, Confederação Nacional do Comércio (CNC), Governo do Ceará, Frente Parlamentar do Turismo, Associação Nacional dos Secretários e Dirigentes de Turismo – Anseditur, e Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu, dentre outros.

Na agenda estão previstos painéis, palestras e entrevistas com conteúdo técnico sobre como e onde captar investimentos. Ainda estão programadas reuniões de negócio e a promoção de ações para o desenvolvimento sustentável do turismo.

Pensando grande
O secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla, destaca que a ideia é que o evento cresça e se consolide como um grande fórum de investimentos do Brasil e da América do Sul. “Nossa referência são os fóruns de investimentos de Cannes, Davos e Dubai. Estamos pensando grande”, afirma.

Ainda de acordo com Piolla, o Encontro de Líderes “é uma oportunidade única para apresentarmos novos projetos de infraestrutura e de empreendimentos que vão transformar Foz do Iguaçu. Temos investimentos da ordem de R$ 1,5 bilhão, tanto do setor público como da iniciativa privada, previstos para acontecer nos próximos três anos”, observa.

Atração de investimentos
“Queremos agregar e gerar conhecimento e ideias para que o setor tenha um crescimento contínuo”, disse Gisele Lima, diretora da Promo. Roy Taylor, presidente do M&E, por sua vez, destacou a necessidade dos destinos em atrair investimentos privados e de melhorar o ambiente de negócios no Turismo.

Segundo ele, o Encontro de Líderes trará justamente esta discussão para gerar ideias e soluções. “A geração de negócios é o objetivo final de todo empreendedor. No entanto, um ambiente altamente regulado e burocrático espanta investimentos e, consequentemente, trava o avanço desta indústria no Brasil”.

Programação
A programação começa com um jantar de boas vindas no dia 15 de maio, onde estarão presentes autoridades e grandes nomes do setor. No dia 16, será realizado um painel com representantes do governo federal, bancos nacionais e internacionais e fundos de investimento para falar sobre diretrizes, formatos de captação e estratégias para o desenvolvimento do Brasil através do turismo.

No mesmo dia, investidores subirão ao palco para falar sua visão sobre o mercado e o que eles buscam no setor. Fechando a primeira parte do evento, instituições financeiras falarão sobre a liberação de recursos no painel “Financiamentos para o Setor Turístico como fator essencial de crescimento sócio econômico”.

Abrindo a segunda parte do Encontro de Líderes, a CNC falará sobre conhecimento e qualificação para o desenvolvimento do setor turístico. O quinto painel volta a falar sobre financiamentos, mas desta vez abordando quais as fontes de recursos para um desenvolvimento sustentável.

Um dos destaques do evento será o painel “Competitividade do Brasil no Mercado Internacional para incremento de ingresso de divisas”. Fechando o dia, serão apresentados cases de sucesso dos setores públicos e privado para o desenvolvimento do turismo.

O dia 17 será inteiramente focado em investimentos, captação de recursos e apoio técnico para apostar no setor. Fundos de Investimentos, agências de fomento abordarão temas como “Cenários, comportamento e tendências do mercado por fundos de investimentos”, “Programas e linhas de crédito para o desenvolvimento do setor” e “Financiamentos e apoio técnico para projetos focados na melhoria da qualidade de vida e desenvolvimento sustentável na transversalidade do turismo”. Haverá ainda um painel sobre investimentos em Foz do Iguaçu e nas três fronteiras.

Brasil, Destaques, Economia, Internacional, Meio Ambiente, Turismo,

Mais de 30,5 mil visitaram as Cataratas no feriado da Páscoa

Acessos no Parque Nacional do Iguaçu ficaram abaixo de 2018, mas alcançou a expectativa

A chuva forte que caiu sobre Foz do Iguaçu no último dia do feriado prolongado de Páscoa, atrapalhou um pouco a visitação no Parque Nacional do Iguaçu, principal atrativo turístico do Destino Iguaçu. De sexta-feira (19) a domingo (21), 30.547 pessoas cruzaram os portões da unidade de conservação, em direção à área de contemplação das Cataratas do Iguaçu.

No comparativo do mesmo feriado em 2018, os números totais indicaram uma queda de aproximadamente de 6,2% (1.737 a menos). No ano passado, 32.284 turistas foram até o atrativo no feriado prolongado de Sexta-Feira Santa e Páscoa, que aconteceu entre o final de março e o início do mês de abril. As informações são de Ronildo Pimentel, no Gazeta Diário.

O primeiro dia do feriado da Semana Santa é tradicionalmente o que tem o melhor desempenho na visitação. De acordo com a assessoria de comunicação da concessionária Cataratas SA, na sexta-feira (19), 15.752 pessoas foram até o atrativo. No sábado (20) foram contabilizados 10.130 acessos, mais 4.665 no domingo (21).

Nacionalidades
Os brasileiros, segundo a estatística da concessionária, representaram pouco mais da metade dos acessos ao Parque Nacional do Iguaçu (30.547). De 19 a 21 de abril deste ano, foram 15.687 ingressos. Em 2018, o atrativo recebeu 11.503 turistas brasileira (diferença de aproximadamente 26%).

Os argentinos, com 7.879 e os paraguaios, com 3.046, completam o índice das três nacionalidades que mais visitaram as quedas nos últimos três dias. O atrativo recebeu ainda visitantes do Uruguai (415), Espanha (294), Alemanha (277), Estados Unidos (246) e França (227). No total, foram contabilizados acessos de pessoas representando mais de 50 nacionalidades.

Perspectiva
O feriado prolongado da Semana Santa é considerado um dos melhores do Destino Iguaçu, fora da alta temporada. Para este ano, a expectativa do setor, era que aproximadamente 30 mil turistas visitassem o Parque Nacional do Iguaçu.

Foto: Marcos Labanca

Destaques, Geral, Internacional, Justiça,

Preso casal que vendia alfajores de maconha próximo as Cataratas da Argentina

A Polícia Federal deteve, na quinta-feira (18), um casal estadunidense e colombiano vendendo alfajores dentro do Parque Nacional del Iguazú, próximo as Cataratas do Iguaçu, em Puerto Iguazú, na Argentina.

Os dois montaram uma barraca para “comercializar” o produto, transportado dentro de uma caixa térmica. De acordo com o Clarin, eram 40 unidades supostamente feitas com Cannabis sativa moída e óleo da mesma planta.

A prisão ocorreu próximo ao meio dia, após alguns turistas comunicarem aos policiais sobre duas pessoas com um isopor e um cartaz promovendo a venda de “Alfajores cannabis edibles” (comestível, em inglês) a um preço de 150 pesos (aproximadamente R$ 15,00) por unidade.

Diante da possível existência de um crime federal, foi dada intervenção à Polícia Federal, que logo encontrou os turistas estrangeiros, que foram detidos ​​e seus produtos confiscados para verificar se continham algum tipo de substância proibida.

A mulher, de 32 anos, e o homem, de 25 anos, entraram no parque pela manhã depois de pagar o ingresso correspondente. No lado argentino do atrativo, é permitido o ingresso com refrigeradores portáteis e garrafas térmicas.

Especialistas da Polícia Federal realizaram uma análise e verificaram a presença de maconha nos alfajores, revestidos com chocolate e perfeitamente embalados.

Mais tarde, os policiais foram até o albergue onde eles foram estavam hospedados, onde encontraram há mais “alfajores loucos” e dois vidros contendo uma substância cremosa misturado com maconha moída.

O casal se valeu da grande presença de turistas nas Cataratas (fotos abaixo) para comercializar os alfajores.

Brasil, Destaques, Economia, Internacional,

Oferta de empregos despencou 30% em Ciudad del Este, em 2018. E continua a cair

A crise econômica das cidades de fronteira do Paraguai virou assunto obrigatório nos jornais do país. E os números explicam esse interesse.

Só no ano passado, houve uma queda de 30% no índice de emprego em Ciudad del Este, segundo a Câmara de Comércio e Serviços da cidade. A situação deve se agravar ainda mais em 2019. As informações são do Cláudio Dalla Benetta, no Portal H2FOZ.

E não só em Ciudad del Este. As quatro cidades de comércio forte, com venda a brasileiros e argentinos, vivem em diculdade crescente (as outras são Encarnación, Pedro Juan Caballero e Salto del Guairá).

“Vivemos um 2019 economicamente catastrófico e nos vemos na necessidade de continuar com a diminuição de pessoal”, diz um comunicado do empresário Ramón Alberto Rojas, de Salto del Guairá.

O aumento do desemprego provoca outros problemas a essas cidades, como o crescimento do mercado informal, inclusive em atividades ilícitas, e a consequente evasão de impostos.

AQUI para ler o restante do artigo

Brasil, Destaques, Educação, Internacional,

Egresso de Engenharia Civil da UDC vive e trabalha nos EUA

“Participar do intercâmbio foi um dos principais motivos para eu decidir me especializar nos Estados Unidos”

O Engenheiro Civil Frediany Augusto Alves de Souza Holanda se formou no Centro Universitário UDC em julho de 2018, hoje, vive em Boston, Massachusetts nos Estados Unidos, onde estuda e exerce sua profissão em duas empresas.

Um dos trabalhos é em uma Companhia de Fundações. Também presta serviços para outra Companhia, onde trabalha com a Geotecnia, área da qual o Engenheiro está se especializando nos Estados Unidos.

Quando estava no último período da faculdade, primeiro semestre de 2018, participou do Programa de Intercâmbio da UDC – Texas Tech que durou 45 dias. “Durante esse período acompanhei dois cursos da matriz de ensino da Texas Tech e várias visitas técnicas dos estudantes dos EUA quando estavam na UDC, esse intercâmbio foi um dos principais motivos para eu decidir me especializar nos Estados Unidos”, contou o Engenheiro.

COMO CHEGAR LÁ
Frediany conta o caminho feito para chegar até a realidade que vive hoje. Com o início das aulas no Programa de Intercâmbio, começou a buscar por alternativas para estudar fora do Brasil, com foco nos EUA.

A ideia principal foi estudar inglês juntamente com um curso de especialização das áreas que havia escolhido para trabalhar após a conclusão da faculdade.

“Amigos e alunos da Texas Tech que conheci durante o intercambio tiveram papeis fundamentais nas escolhas que fiz para vir estudar aqui, mostrando-me propostas de ensinos de várias regiões”.

Atualmente se dedica aos estudos e trabalhos. “Minha rotina se resume: de segunda-feira a sexta-feira trabalho/especialização, curso de idioma e nos fins de semana atividades de lazer e turismo”.

QUEM DESEJA SEGUIR ESSE CAMINHO
O Egresso da UDC dá dicas para os estudantes que, estejam pensando em estudar e trabalhar fora, mas imaginam ser uma realidade muito distante.

“Minha dica aos acadêmicos que têm uma ideia parecida, de buscar treinamentos, cursos ou até mesmo viver em outro país é que tenham objetivo, foco, façam um planejamento, busquem por informações diretamente com as instituições, procure participar ativamente das atividades proposta com instituições, profissionais e acadêmicos internacionais durante a faculdade. É muito importante fazer contatos”.


Frediany Augusto Alves de Souza na formatura em 2018 com o Pró-Reitor do Centro Universitário UDC Profº. Dr. Fábio Prado


Alunos da Texas Tech University durante intercâmbio na UDC


Um dos trabalhos do Engenheiro em Boston é em uma Companhia de Fundações

Cultura, Destaques, Educação, Internacional, Itaipu,

Por que todo morador da Tríplice Fronteira deveria conhecer a Unila

Kaká de Souza, no ClickFoz

No último sábado (13) tive a oportunidade de assistir a uma conferência TEDx organizada por alunos da Unila – Universidade Federal da Integração Latino-Americana – que aconteceu no Parque Tecnológico Itaipu – PTI. O TEDxUnila teve como tema “Emergindo das Fronteiras” e levou ao palco do CineTeatro dos Barrageiros 18 palestrantes.

TED é uma organização sem fins lucrativos dedicada ao lema “ideias que merecem ser compartilhadas”. Começou há 26 anos como uma conferência na Califórnia, e, desde então, o TED tem crescido para apoiar ideias que mudam o mundo através de múltiplas iniciativas.

Em uma conferência TED, pensadores e realizadores de todo o mundo são convidados a dar a melhor palestra de suas vidas em 18 minutos ou menos.

Já o TEDx, é uma iniciativa que surgiu a partir do TED, e que concede licenças livres para que as pessoas ao redor do mundo que desejam organizar eventos no formato TED, o façam em suas comunidades. Mais de 5.000 eventos TEDx já foram realizados, e as palestras selecionadas a partir desses eventos são transformadas em vídeos de TED Talks que ficam disponibilizados no site do TED e também no Canal do TED no Youtube para que pessoas do mundo todo possam acessar.

Esta não foi a primeira edição do TEDx aqui na terra das Cataratas, em 2013 tivemos nossa primeira edição, a TEDxAvCataratas com o tema “Conversas Transformadoras” que contou com 7 palestrantes.

Em nove anos de existência da Unila em Foz do Iguaçu, esta foi a primeira vez que me aproximei dela, foi a primeira vez em que ví com meus próprios olhos o que é a Unila ou quem são os “Unileiros”, e lá pela metade do TEDxUnila, eu já estava me sentindo envergonhado por lembrar quantas vezes utilizei a expressão “Unileiros” de forma pejorativa, depreciativa.

Claro, a relação entre estudantes da Unila e grande parte da sociedade iguaçuense, nunca foi das melhores. Talvez, por culpa da própria cidade, que não se preparou para receber alunos provenientes de vários países, que chegaram a Foz, cada um com sua própria bagagem cultural, e talvez, nesse ponto, a própria universidade tenha falhado quando não promoveu, logo no início, a interação entre moradores e estudantes.

Como respeitar aquilo que não se conhece? Os estudantes estrangeiros não conheciam bem a cidade para onde estavam vindo, e assim que chegaram, sentiram na pele o peso da discriminação, provavelmente porque esperavam encontrar aqui uma cidade cosmopolita, a capital da tríplice fronteira, a meca da cultura latino-americana que iria abraçá-los. Mas na verdade, encontraram uma cidade extremamente careta, que agarrada a seus valores morais não aceitou bem as modernidades trazidas na bagagem dos estudantes e nem fez questão de inseri-los nesta realidade.

Avulsos à sociedade que não os acolheu, foram obrigados a viver em pequenos bandos, geralmente formados por seus iguais. A distância entre alunos e sociedade iguaçuense ficou ainda maior quando os primeiros casos de depredação de patrimônio surgiram. Primeiramente, nos próprios dormitórios, onde motivados pela solidão que uma cidade, na época com mais de 250 mil habitantes, os fez sentir, começaram a fazer uso de bebidas alcoólicas em grande quantidade. Depois, nas ruas da cidade, quando, movidos pela polarização que atingiu todo o Brasil, tomaram partido das discussões políticas e promoveram protestos e pichações na cidade.

Os cidadão iguaçuenses – e eu me incluo nisso – por sua vez, também não os conheciam, e levados por inúmeras matérias sensacionalistas, trataram logo de, por conta de casos isolados, nivelar toda uma instituição e quem fazia parte dela, pelo nível mais baixo.

Nesse ponto, eu preciso fazer um “mea-culpa”, pois confesso que ajudei muito a difundir a cultura do ódio contra os “unileiros”, fiz inúmeras críticas em meu blog pessoal e em minhas redes sociais. A palavra “unileiro” virou sinônimo de insubordinação, uso de entorpecentes e vadiagem.

Perdoem-me, amigos da Unila, eu não sabia o que estava fazendo, aliás, acredito que até hoje, muita gente não saiba.

É fato que as atitudes de alunos da Unila por mim criticadas foram e continuam sendo erradas. Não estou escrevendo este texto para assoprar depois de dar o tapa. O que eu não poderia ter feito, mas fiz, foi generalizar e colocar todos os estudantes da Unila no mesmo balaio.

Durante as poucas horas em que participei do TEDxUnila, descobri que a Unila é muito mais que alunos insubordinados e usuários de entorpecente. Descobri que a Unila abriga milhares de jovens incríveis, que optaram por deixar suas famílias para vir para cá, desenvolver centenas de projetos de sustentabilidade, integração fronteiriça, saúde e desenvolvimento social, que visam a melhoria de toda a sociedade.

O que eu descobri e o que todos os iguaçuenses deveriam saber:

Os eventos científicos organizados pela Unila atraem milhares de pessoas e pesquisadores anualmente para Foz do Iguaçu movimentando todo o setor turístico. Dos 14 mestrados ofertados por universidades na região, 11 são ofertados pela Unila. Dos 400 docentes que atuam na Unila, 80% são doutores. O tão sonhado curso de medicina em Foz do Iguaçu, só virou realidade graças a Unila. A Unila abriga hoje quase 6 mil estudantes, 70% destes são brasileiros. No curso de medicina são quase 400 estudantes, destes, 20 são de Foz do Iguaçu e 100 são do Paraná. Os resultados de pesquisas desenvolvidas na Unila para o combate do Mal de Parkinson, usando um tratamento à base de canabidiol, substância extraída da Cannabis, estão alcançando os melhores resultados da história da luta contra a doença e já são referência para vários países do mundo. Os projetos de extensão da Unila abrangem toda a sociedade, levando saúde, cultura e conhecimento para todos os bairros, não apenas nos mais pobres, mas em todos.

Eu estou em dívida com a Unila, a cidade está em dívida com a Unila, mas ainda há uma chance para reverter isso. Conheça a Unila, abrace a Unila. A Unila é de Foz do Iguaçu, a Unila é Foz do Iguaçu. Se eu pudesse fazer um único pedido a você que leu este texto até o final, eu pediria; conheça a Unila! Esqueça aquela sua velha opinião formada e dê espaço em sua mente para a o que realmente a Unila representa para a região da tríplice fronteira.

Brasil, Destaques, Economia, Internacional, Itaipu, Turismo,

Atrativos de Itaipu se preparam para receber 8 mil turistas no feriadão de Páscoa. Veja fotos!

Complexo turístico preparou horários especiais dos passeios para receber o fluxo de visitantes entre a Sexta-feira Santa (19) e o domingo (21)

Os atrativos da Itaipu Binacional estarão preparados para receber quase 8 mil turistas neste feriado prolongado de Páscoa – um crescimento de 5% em relação ao mesmo período no ano passado, quando 7.582 visitantes estiveram na usina. A projeção é para o movimento entre a Sexta-feira Santa (19) e o Domingo de Páscoa (21).

Para receber o público, estimado em 7.961 pessoas, o Complexo Turístico Itaipu, administrado pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI), terá uma programação especial para o feriado, com ampliação dos horários de atendimento.

O passeio Itaipu Panorâmica, por exemplo, um dos mais procurados e que proporciona uma visão privilegiada externa da usina, terá saídas a cada 15 minutos durante os três dias – a primeira às 8h30 e a última às 17h. O pico da visitação deve ocorrer na Sexta-feira Santa, quando é estimado o fluxo de mais de 3.500 pessoas.

A hidrelétrica oferece oito opções de roteiro para os visitantes, que vão desde passeios para conhecer a grandiosidade da usina, como o Itaipu Panorâmica e Itaipu Especial, a uma experiência virtual no espaço, no Polo Astronômico.

Atualmente, os visitantes de Foz do Iguaçu podem conferir a exposição de animais taxidermizados, com a mostra “Itaipu Natureza”, organizada em parceria com o Instituto Harpia e instalada no Cataratas JL Shopping, na região central.

Além destes passeios na usina, o Complexo Turístico oferece visitas ao Refúgio Biológico Bela Vista e ao Ecomuseu, ambas estruturas da Itaipu.

Mais informações, reservas e compras de ingresso antecipadas pelo site www.turismoitaipu.com.br.

Confira os horários dos passeios da Itaipu para o feriado:

Itaipu Panorâmica: saídas a cada 15 minutos, com o primeiro passeio iniciando às 8h30 e o último passeio saindo às 17h;

Itaipu Refúgio Biológico: sexta e sábado, com seis saídas – 8h30 / 9h30 / 10h30 / 13h30 / 14h30 / 15h30. No domingo: 9h30 / 10h30 / 14h30 / 15h30;

Itaipu Especial: sexta e sábado: 8h30, 09h, 10h, 11h, 13h, 13h30, 14h, 15h e 16h. Domingo: 8h30, 9h30,10h30,13h,14h e 15h;

Itaipu Ecomuseu: 9h às 18h;

Itaipu Polo Astronômico: terça a domingo: 10h e 16h; noite – sextas e sábados: 19h30;

Itaipu Iluminada: sextas e sábados, às 19h30;

Itaipu Kattamaram: 10h30, 11h30, 13h30, 14h30, 15h30, 17h (pôr do sol).

Exposição Itaipu Natureza (Cataratas JL Shopping): de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h; domingo e feriados, das 13h às 20h. Ingressos a R$ 15 (valor promocional para o mês de abril).

* (Com informações do PTI)

Fotos: Kiko Sierich/Itaipu Binacional

Brasil, Geral, Internacional,

José Maria Marin é banido do futebol e pagará multa de R$ 3,2 milhões

O Comitê de Ética da Federação Internacional de Futebol (Fifa) considerou o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), José Maria Marin, culpado por recebimento de propina.

Com isso, ele foi banido de qualquer atividade relacionada ao futebol pelo resto de sua vida. Marin está preso nos Estados Unidos desde 2017. As informações da Agência Brasil.

A Fifa também impôs uma multa de 1 milhão de francos suíços (cerca de R$ 3,2 milhões). Segundo a Fifa, Marin, ex-governador de São Paulo de 1982 a 1983, foi notificado hoje (15), data a partir da qual começam a valer as sanções.

Segundo a federação, Marin se envolveu em diversos esquemas de pagamento de propina de 2012 a 2015, em relação a contratos com empresas de mídia e marketing de direitos de transmissão de eventos esportivos da CBF, da Confederação Sul-Americana (Conmebol) e da Confederação das Américas Central, do Norte e Caribe (Concacaf).

Outro ex-presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, já tinha recebido as mesmas punições em abril de 2018, pelas mesmas irregularidades.

Brasil, Cultura, Destaques, Educação, Internacional, Turismo,

Vai começar a edição 2019 das pesquisas nas pontes internacionais de Foz do Iguaçu

De 1º a 6 de maio, as aduanas das pontes internacionais da Amizade (Brasil e Paraguai) e Tancredo Neves (Brasil com Argentina) serão alvo de mais uma pesquisa sobre o trânsito entre os três países.

A pesquisa, que acontece há 20 anos, é coordenada pelo pró-reitor da UDC e propriedade intelectual do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas.

O levantamento de dados envolve aproximadamente 150 estudantes e professores de diversos cursos da UDC.

São quatro pesquisas que novamente levantarão dados sobre o tráfego de veículos e pessoas que atravessam as vias. Também serão levantados dados sobre o perfil de quem passa pela região.

A pesquisa é realizada com autorização e parcerias da RF, PF, PRF, Anvisa, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Dnit, Comtur, Acifi, Prefeitura Municipal, Polo Iguass, Codefoz, Fundo Iguassu, consulados paraguaio e argentino e demais órgãos.

Assista reportagem sobre a pesquisa

Brasil, Cultura, Destaques, Economia, Internacional, Turismo,

Maior evento turístico trinacional será em junho no Brasil, Paraguai e Argentina

A Tríplice Fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina está pronta para mais uma edição do maior evento turístico trinacional. Nos dias 12, 13 e 14 de junho acontece o IV Congresso Binacional de Marketing Turístico, o I Congresso Trinacional de Turismo e o III Encontro Gastronômico Jesuíta Guarani e o 1º Encontro de Integração Trinacional entre estudantes de Turismo e afins.

Os eventos irão acontecer em três diferentes sedes fronteiriças – Puerto Iguazú (Argentina), Foz do Iguaçu (Brasil) e Encarnación (Paraguai).

A programação começa em solo paraguaio, das 9h às 17h do dia 12 de junho, com a presença de palestrantes e representantes de empresas como Google, Facebook e influenciadores internacionais.

No dia 13 de junho, os participantes serão transferidos para Foz do Iguaçu, onde participarão do Festival Internacional de Turismo Cataratas no Rafain Palace Hotel Resort, até às 19h.

A partir das 21h eles participarão, em Puerto Iguazú, do primeiro encontro de Integração entre Estudantes de turismo e relações públicas (comunicação social).

No dia 14 de junho continua o Congresso Trinacional de Turismo no Rafain Palace Hotel Resort em Foz do Iguaçu, das 9h30 às 13h com o tema Turismo de Reuniões e Eventos, com a presença de influencers turísticos renomados. O encerramento do mesmo será com entrega de diplomas aos participantes.

O investimento aos estudantes, para participar de toda programação, é de US$ 50 dólares, mais US$ 45 incluindo transporte ida e volta a partir de Encarnación a Puerto Iguazú e Foz do Iguaçu e pernoite em hotel.

o investimento para profissionais de turismo e afins é de US$ 100 dólares a inscrição, mais US$ 45 o pacote com transporte e hotel incluído.

Grastronomia
O III Encontro Gastronômico Jesuítico Guaraní na tríplice fronteira, com a presença de renomados chefs do Paraguai, Argentina e Brasil acontece dia 14 de junho, em Foz do Iguaçu, a bordo de um Cattamaram, das 15h às 18hs , com preparação e promoção de pratos regionais.

Na edição anterior, os chefs Vidal Dominguez, Carlos Losh, Ariel Leguiza entre outros, demonstraram ao vivo pratos variados com ingredientes extraídos do rio e da floresta.

Mais informações e reservas no whasapp +595 995 672460.