Browsing Category

Turismo

Leia as últimas notícias sobre Turismo no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Viagens para o Sul entre as primeiras opções de lazer dos moradores do Nordeste, adianta a Abav-CE

Os destinos “próximos, de carro” e também do Sul do Brasil, em especial Serra Gaúcha, Foz do Iguaçu e Porto Alegre, estão entre as primeiras opções de viagens de lazer dos “cearenses e moradores do Nordeste como um todo” no período pós-pandemia.

A informação é do presidente da Associação Brasileira de Agências de Vaigens (Abav-CE), Murilo Santa Cruz, ao falar sobre descontos nos preços de pacotes de viagens, ao Diário do Nordeste.

“Os pacotes, de uma forma geral, estão mais baratos do que antes da pandemia. Em alguns pacotes a gente verifica descontos que variam de 40% a 60%. Dependendo do pacote alguns destinos têm descontos maiores”, , informou o presidente.

“Os destinos mais agressivos (no preço) são exatamente para fora do País que é para onde se tem uma demanda menor. Tem pouco cliente querendo ir para fora do Brasil e quem quer viajar está optando viajar pelo Brasil”, completou Murilo.

Segundo a CVC, no geral, hotéis dentro do Brasil estão oferecendo tarifas até 30% mais em conta para o final do ano e em comparação com o mesmo período do ano passado.

Para a agência, a retomada do mercado de turismo se dará pelas viagens de lazer em destinos domésticos, de forma gradativa, a partir deste mês.

“A grande maioria dos hotéis e resorts parceiros da CVC já informaram que estão reabrindo de forma gradativa a partir de julho. A procura por orçamentos está mais concentrada para embarques no final do ano, rumo a destinos nacionais”, destacou.

Leia mais no Diário do Nordeste

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Lado argentino das Cataratas do Iguaçu pode reabrir para moradores de Puerto Iguazú

O governo da província de Misiones avalia a proposta do lado argentino do Parque Nacional do Iguaçu, de reabrir o atrativo para moradores de Puerto Iguazú, no próximo final se semana.

O governador Oscar Herrera Ahuad, disse que a reabertura aproveitando o feriado da próxima segunda-feira (15), em homenagem ao General Martín Miguel de Güemes, seria como um teste para a retomada do turismo no Parque Nacional.

Herrera ressaltou que mesmo com o grande movimento do último feriado de Dia dos Pais, em 21 de junho, a curva epidemiológica se manteve estável.

Em toda a província de Misiones foram registrados 40 casos de Covid-19, com 36 recuperados e três mortes. No último domingo (5) não houveram novos registros da doença.

Por: Rádio Cultura

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Efeito Coronavírus: Dreams Park Show de Foz do Iguaçu suspende atividades por 14 dias

Atendendo à determinação dos Governos Estadual e Municipal, o Complexo Dreams Park Show, em Foz do Iguaçu, suspende as atividades por 14 dias. O objetivo é combater a proliferação do coronavírus.

O Complexo já havia fechado as portas em março e reaberto no dia 10 junho, com várias medidas de segurança, assim como os demais atrativos turísticos da cidade.

“Precisamos fazer a nossa parte na luta contra esse vírus. É uma pausa estratégica. Voltaremos em breve”, afirmou a gerente Comercial do Dreams Park Show, Paula Haito.

O Complexo conta com seis atrativos: Museu de Cera, Maravilhas do Mundo, Vale dos Dinossauros, Dreams Ice Bar, Super Carros e Dino Adventure. Em breve, vai inaugurar o Dreams Motor Show.

Mais informações no Facebook do Dreams Park Show

Foz do Iguaçu, Turismo,

Carlos Silva faz balanço das atividades do Comtur, Conselho de Turismo de Foz do Iguaçu

Conselho Municipal de Turismo elege nova diretoria

O ano de 2020 começou promissor para o turismo iguaçuense, que vinha de recorde de visitação em seus principais atrativos, novos investimentos na rede hoteleira e obras de infraestrutura pleiteadas há décadas saindo do papel. Nesse cenário, eram muitos os desafios e os projetos pautados pelo Conselho Municipal de Turismo (Comtur), definidor das políticas públicas do setor.

Veio a pandemia de covid-19. O horizonte de expansão foi substituído pela necessidade de medidas emergenciais. Nesse momento emblemático pelo qual passam Foz do Iguaçu e o Brasil, o Comtur elegeu sua nova diretoria nessa quarta-feira, 1º, em sessão plenária por videoconferência, seguindo as recomendações sanitárias vigentes.

Empresário e idealizador do Festival das Cataratas, Paulo Angeli foi eleito presidente. O vice-presidente é Yuri Benites, gerente-geral do Complexo Turístico Itaipu (CTI). Eles foram eleitos por aclamação entre os representantes das entidades públicas e privadas do turismo de Foz do Iguaçu.

Carlos Silva. (Foto: Marcos Labanca)

Presidente do conselho em duas gestões seguidas, de 2018 a 2020, Carlos Silva faz um balanço positivo da atuação do colegiado. Silva, que teve como vice-presidente Licério Santos, destaca o fortalecimento institucional do Comtur, a valorização das entidades e dos conselheiros, a ampliação do diálogo com a comunidade e a qualificação das pautas deliberadas pelo plenário.

“Ampliamos o número de instituições que integram o Comtur e valorizamos as entidades e seus representantes, estimulando a participação de cada conselheiro”, frisa. “O Grupo 1, responsável pelo trabalho técnico, também foi fortalecido, objetivando embasar e qualificar as matérias apreciadas nas sessões”, completa Carlos Silva

Além do diálogo natural mantido com a Secretaria Municipal de Turismo e com as instituições que o integram, o Comtur consolidou sua interlocução com a sociedade. Após a eleição dos representantes políticos da cidade, pactuou com deputados estaduais e federais e com gestores as reivindicações e os interesses do turismo de Foz do Iguaçu.

No ano passado, o Comtur foi protagonista da Conferência Municipal de Turismo, que elegeu as metas e projetos para dez anos. “Ajudamos a promover um amplo debate com a comunidade, com pré-conferências específicas para cada setor, envolvendo desde o morador da cidade ao empresário, passando pelo trabalhador, técnicos e academia”, relata Carlos Silva.

A atuação do Comtur com a Gestão Integrada do Turismo e o setor empresarial, aponta Carlos Silva, pode ser analisada a partir do reconhecimento do Destino Iguaçu em níveis estadual e nacional. “Nosso turismo esteve nas principais premiações do país, inclusive com a escolha da Gestão Integrada pelo Ministério do Turismo como uma boa prática.”

Conquistas

De acordo com Carlos Silva, as deliberações da plenária do Comtur responderam às demandas do setor. Ele cita a atuação do conselho em definições orçamentárias, análise e aprovação de projetos e na agenda propositiva ao poder público. 

Entre as matérias que passaram pelo Comtur, Silva enumera, entre outras, a regulamentação do transporte por aplicativo, o novo decreto de eventos e a conquista da Companhia de Atendimento ao Turista da Polícia Militar. A renovação do termo de cooperação da Gestão Integrada do Turismo e o regramento dos serviços de vallet e parklet também fazem parte das ações.

O Comtur ainda atuou junto a outros organismos a favor da melhoria da segurança pública, como no pedido de mais policiamento na região da Ponte Internacional da Amizade e na permanência do efetivo policial durante o verão. Obras de infraestrutura, com a Perimetral Leste, para desafogar o trânsito de caminhões no corredor turístico, também são pleitos defendidos pelo conselho.

Plenária do conselho em sessão para debater pautas do turismo (Foto Marcos Labanca/Arquivo)
Paraná, Turismo,

Audiência pública vai debater ações emergenciais para o setor do turismo

Por proposição do deputado Soldado Fruet (PROS), presidente da Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), será realizada na próxima terça-feira, dia 7 de julho, às 10h, uma audiência pública por videoconferência com o tema “Efeitos da pandemia no setor do turismo e possíveis ações emergenciais”.

Segundo o parlamentar, o objetivo é tratar da situação em que se encontram os trabalhadores autônomos, empresários e funcionários do ramo e possíveis medidas emergenciais para mitigar suas perdas.

De acordo com o Soldado Fruet, o debate se justifica “diante do imenso prejuízo sentido pelo turismo em decorrência da pandemia de Covid-19, setor de suma importância para o Estado, tanto na apresentação de nossas terras a visitantes brasileiros e estrangeiros, quanto pela pujante arrecadação de impostos que gera, mas que agora vive à míngua e sem perspectiva de melhora, em razão das restrições de locomoção e viagens vistas no mundo todo”.

“Esses paranaenses precisam, mais do que nunca, de ações emergenciais, junto aos órgãos governamentais, para saírem dessa triste situação”, argumenta o Soldado Fruet. Por este motivo, explica, se faz necessária a realização desta audiência pública para debater o cenário atual, ideias, sugestões, anseios e possíveis atitudes que possam ser tomadas para auxiliar os profissionais do setor.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Marco das 3 Fronteiras interrompe atendimento a partir desta quarta-feira (1º)

O Marco das 3 Fronteiras estará fechado para a visitação a partir desta quarta-feira, 1º de julho. A suspensão do funcionamento se dará pelo prazo inicial de 14 dias, conforme o Decreto nº 4.942, do Governo do Estado do Paraná, publicado nesta terça-feira, 30 de junho.

O Marco, juntamente com os atrativos turísticos de Foz do Iguaçu, havia sido reaberto para visitação no dia 10 de junho, data de aniversário da cidade de Foz do Iguaçu. A visitação ocorria de forma gradual e com todos os cuidados necessários à saúde coletiva, com funcionamento de terça-feira a domingo, das 15h às 21h.
www.marcodastresfronteiras.com.br

Crédito fotografia: Marcos Labanca / Marco das 3 Fronteiras

(Marco das 3 Fronteiras)

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Parque Nacional do Iguaçu será fechado novamente para visitação

O Parque Nacional do Iguaçu estará fechado para a visitação pública a partir desta quarta-feira, 1º de julho. A suspensão do funcionamento se dará pelo prazo inicial de 14 dias, conforme o Decreto nº 4.942, do Governo do Estado do Paraná, publicado nesta terça-feira, 30 de junho.

A medida visa a garantir a saúde de todas as pessoas para conter a pandemia do coronavírus (covid-19), principalmente na Região Oeste do Paraná, conforme orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde.

Histórico – O Parque Nacional do Iguaçu havia sido reaberto no dia 10 de junho, data de da cidade de Foz do Iguaçu. A visitação ocorria de forma gradual e com todos os cuidados necessários à saúde coletiva, com funcionamento de terça-feira a domingo, das 9h às 16h, com 350 ingressos por hora, mediante agendamento e compra pelo site www.cataratasdoiguacu.com.br.

Mais informações Decreto nº 4.942
Créditos fotografias: Nilton Rolin / Parque Nacional do Iguaçu

(Parque Nacional do Iguaçu)

Paraná, Turismo,

Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa cobra auxílio emergencial para profissionais do segmento

O presidente da Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), deputado Soldado Fruet (PROS), fez um apelo na sessão remota desta segunda-feira (29) para que o Governo do Estado viabilize auxílio financeiro emergencial para os profissionais do turismo em decorrência da pandemia de Covid-19.

“Um assunto que tem demandado uma especial atenção de minha parte durante essa pandemia é a situação em que se encontram os guias de turismo, os motoristas de vans e ônibus de turismo e várias outras categorias de profissionais ligadas ao setor”, afirmou.

O Soldado Fruet relatou que apresentou um projeto de lei (nº 297/2020), que autoriza o Executivo a auxiliar financeiramente os guias de turismo com até um salário mínimo mensal até 30 dias após o fim do estado de calamidade pública. Pelo texto, os recursos seriam oriundos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza. Segundo o parlamentar, “o governador poderia inclusive estender esse projeto para atender também outras categorias de profissionais”.

“O turismo responde por uma imensa parcela do PIB no Estado. Em Foz do Iguaçu, responde por quase a totalidade do ISS gerado, o que significa algumas dezenas de milhões de reais anuais”, enfatizou o Soldado Fruet. Por isso, ele pediu atenção do líder do governo, Hussein Bakri, e do secretário do Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Marcio Nunes. “Se nossa ideia é boa e pode ajudar essas pessoas que tanto precisam, por que não fazermos isso? Não preciso, nem quero ser eu o pai da criança, o que preciso, o que quero, é ver esses profissionais sendo reconhecidos e atendidos nesse momento tão difícil”, afirmou.

O deputado do PROS disse que está disposto a transformar seu projeto em indicação ao Estado caso a iniciativa precise partir do Executivo. “Vamos unir nossas forças para ajudar não apenas esses profissionais, mas o próprio Estado, pois a pandemia vai passar e são esses profissionais que irão mover o turismo novamente”, argumentou.

Segundo o presidente da Comissão de Turismo, atender a todos esses profissionais durante três meses não custará nem R$ 10 milhões ao Estado. “Pode parecer muito, mas a Confederação Nacional dos Municípios destacou, no ano passado, que o turismo já responde por 8% da economia nacional. Os senhores fazem ideia de quantos bilhões isso significa? Todos os anos, aqui no nosso Estado, bilhões de reais são gerados graças ao turismo. Agora é a hora de retribuir uma milésima parte disso para apoiar os responsáveis pela geração de tamanha riqueza”, defendeu o Soldado Fruet.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Prefeito Chico Brasileiro discute ações de combate à covid-19 com trade turístico de Foz do Iguaçu

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) se reuniu com empresários e representantes de instituições do trade turístico de Foz do Iguaçu nessa sexta-feira, 26. O gestor apresentou um balanço das ações de enfrentamento à pandemia de covid-19, incluindo as recentes medidas de bloqueios microrregionais em bairros de maior concentração da doença.

Conforme Brasileiro, Foz do Iguaçu e o Paraná estão enfrentando o que chamou de “segunda onda” da pandemia, que faz aumentar o número de pessoas infectadas em toda a Região Sul do país. Para ele, o Centro e o Sudeste brasileiros passaram pela primeira onda de proliferação da covid-19.

De acordo com informações obtidas pelo H2FOZ com interlocutores do prefeito que presenciaram a reunião, a estratégia da prefeitura é manter os bloqueios regionais para conter a disseminação do novo coronavírus nas comunidades que apresentam mais casos ativos. Esse indicador é fornecido por sistema de georreferenciamento.

“Na reunião, o prefeito disse que o momento é de alerta, mas que não pretende determinar o fechamento dos atrativos turísticos, abertos no último dia 10 de junho”, relatou a fonte consultada pela reportagem. “O objetivo é seguir com os bloqueios nos bairros indicados pela epidemiologia”, completou.

Na avaliação dos participantes da reunião, a partir dos indicadores oficiais, é possível avaliar que o turismo não está contribuindo para o avanço de casos de covid-19 no município. Conforme boletim diário da saúde pública, mais de 80% das infecções causadas pelo novo coronavírus são transmissões comunitárias ou locais; as “importadas” estão relacionadas a viagens de moradores da cidade.

“Chico Brasileiro também disse que os atrativos e hotéis de Foz do Iguaçu estão cumprindo os protocolos previstos para dar segurança e garantir as condições sanitárias a hóspedes e visitantes”, afirmou o participante da reunião entre o prefeito e o trade turístico.

A reportagem apurou que o administrador iguaçuense garantiu não haver colapso do sistema hospitalar e que existem 13 leitos de reserva que poderão ser acionados a qualquer momento, se for necessário. Chico Brasileiro também informou aos representantes do turismo que todas as medidas a serem tomadas serão articuladas com o Governo do Paraná.

Outra medida anunciada pelo prefeito é o entendimento com a Secretaria de Estado da Saúde para a destinação de leitos exclusivos no município vizinho de São Miguel do Iguaçu (PR) ao tratamento de pacientes com a covid-19 de cidades da região.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Vídeo mostra o encanto e a magia do Marco das 3 Fronteiras entre Brasil, Paraguai e Argentina. Assista!

“Visitar o Marco das 3 Fronteiras é viver momentos inesquecíveis no lugar mais charmoso de Foz do Iguaçu”.

A mensagem é da apresentação do vídeo que mostra todo encanto e a magia do ponto onde se encontram Brasil, Paraguai e Argentina.

Assista:

Nesta primeira fase de reabertura, o Marco abre de terça-feira a domingo, das 15h às 21h.

Já as famosas apresentações culturais, ocorrem de terça-feira a domingo, a partir das 17h30.

AQUI para ver mais no blog oficial do Marco

Fotos: Reprodução/Vídeo