Browsing Category

Coronavírus em Foz do Iguaçu

Leia as últimas notícias sobre Coronavírus em Foz do Iguaçu no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Em dia com mais dois óbitos, Foz do Iguaçu registra 211 novos casos de Coronavírus

A Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu confirma na data de hoje, 30/11/2020, 211 casos de COVID-19, totalizando 13.748 casos da doença no município. Deste total, 12.795 pessoas já estão recuperadas.

Dos novos casos, 113 são mulheres e 98 homens com idades entre 1 e 94 anos. Nove pessoas encontram-se internadas e 202 estão em isolamento domiciliar.

Dos casos confirmados ativos, 626 estão em isolamento domiciliar com sinais e sintomas leves e 138 pessoas estão internadas.

Óbitos

Foz do Iguaçu registrou mais dois óbitos em consequência da COVID-19, totalizando 189 mortes pela doença no município. As vítimas são dois homens, de 45 e 68 anos. Os dois estavam internados no Hospital Ministro Costa Cavalcanti.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

VÍDEO: Os turistas estão voltando. Não deixe a Covid afastá-los de novo, alerta campanha da Câmara. Assista!

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu lançou uma campanha para conscientizar a população para os riscos que a Covid-19 representa para a retomada do turismo de Foz do Iguaçu.

“As fronteiras estão abrindo, os turistas estão voltando. Não deixe a Covid-19 estragar isto de novo”, ressalta a apresentação a campanha.

Assista abaixo o vídeo institucional:

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Em Foz do Iguaçu, novo decreto restringe o horário de funcionamento de atividades noturnas

A partir do dia 1º de dezembro, bares, casas noturnas, restaurantes, lanchonetes, disk bebidas, pesque pagues e salões de festa deverão encerrar as atividades à meia noite

A Prefeitura de Foz do Iguaçu irá publicar, nesta segunda-feira (30), um novo decreto proibindo o funcionamento de casas noturnas, bares, restaurantes, lanchonetes, food trucks, trailers de alimentos, mercearias, eventos sociais, disk bebidas, lojas de conveniências, tabacarias, associações recreativas, clubes privados, pesque-pagues, balneários e salões de festa após a meia noite.

Também estará proibido o consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas da meia noite às 6 horas da manhã. O decreto entrará em vigor na terça-feira (01/12) e terá validade de até 14 dias.

A medida, anunciada pelo Gabinete de Crise para Enfrentamento da Covid-19, busca frear a onda de contágio da doença, que já atingiu mais de 12 mil pessoas em Foz do Iguaçu. Somente neste mês de novembro foram registrados 4.075 casos e 40 óbitos.

A decisão também considera a ocupação de leitos de UTI, que chegou a 92% neste domingo (29). Também neste domingo, a Vigilância Epidemiológica registrou 241 casos da doença, o maior número em 24 horas desde o início da pandemia. Em Foz, 187 pessoas já perderam a vida para a doença.

Fiscalização

Equipes de fiscalização da Prefeitura verificaram, nos últimos dias, uma série de descumprimento das medidas sanitárias em estabelecimentos comerciais e residências.

“Em poucos dias, a Fiscalização encontrou uma série de descumprimentos por parte das pessoas e estabelecimentos comerciais e levando em conta que estamos quase no limite da ocupação de leitos de UTI, é necessário que adotemos essa medida”, afirmou o prefeito em exercício Nilton Bobato.

“Várias cidades do Paraná estão sendo mais drásticas em suas proibições e restrições. Este é o único jeito de barrar o avanço de casos sem prejudicar a atividade econômica do município”, esclareceu.

Bobato reitera que após a meia noite é quando as denúncias via 199 da Defesa Civil aumentam de forma significativa.

“Nossas equipes de fiscalização puderam constatar que depois de certo horário as pessoas relaxam ainda mais ou ignoram totalmente as medidas de prevenção, principalmente nestes ambientes de maior descontração. A Vigilância em Saúde também constatou diversos casos de pessoas que estiveram em eventos sociais em comum e testaram positivo para Covid. O que nos dá segurança em saber que essa medida não é injusta ou desproporcional.” destaca.

Números

As equipes de fiscalização reforçaram as ações neste final de semana com o uso de drones, o que possibilita verificar a realização de festas clandestinas. No sábado (28), as equipes se dividiram em quatro regiões da cidade, onde foram realizadas mais de 50 vistorias, orientações e em alguns casos, multas e interdições. Duas festas familiares, uma com mais de 150 pessoas, foram interditadas pela Secretaria da Fazenda e outros 4 estabelecimentos comerciais foram fechados por falta do Termo de Responsabilidade Sanitária e descumprimento das medidas preventivas. Aglomeração de pessoas e compartilhamento de narguiles foram algumas das irregularidades constatadas.

Este trabalho continuará fortalecido nas próximas semanas, com apoio da Defesa Civil, Secretaria de Saúde e órgãos de segurança.

Multa

O descumprimento das medidas será caracterizado como infração, sujeito as penalidades prevista no Decreto no 28.303, de 13 de julho de 2020. A multa varia de R$ 87,08 a R$ 8.408,00 para pessoa física e R$ 2.612,4 a R$ 8.408,00 para pessoa jurídica, independente de prévia notificação, além de cassação do alvará.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Fiscalização da Defesa Civil flagra duas festas familiares com mais de 150 pessoas em Foz do Iguaçu

No fim de semana, quatro estabelecimentos foram fechados por falta do termo de responsabilidade sanitária e duas casas noturnas esvaziadas e multadas.

A Defesa Civil realizou uma série de fiscalizações neste fim de semana em Foz do Iguaçu para cobrar que as medidas sanitárias de contenção à Covid-19. Segundo informações da prefeitura, as ações contaram com o uso de drones, o que possibilita verificar a realização de festas clandestinas.

No sábado (28), as equipes se dividiram em quatro regiões da cidade, onde foram realizadas mais de 50 vistorias, orientações e em alguns casos, multas e interdições.

Segundo o coordenador da equipe de enfrentamento à Covid-19, André Guedes, duas festas familiares, uma com mais de 150 pessoas, foram interditadas pela Secretaria da Fazenda e outros 4 estabelecimentos comerciais foram fechados por falta do Termo de Responsabilidade Sanitária e descumprimento das medidas preventivas.

Guedes informou que as duas casas noturnas esvaziadas porque  estavam com ocupação acima do permitido. Uma delas foi multada.

Aglomeração de pessoas e compartilhamento de narguiles foram algumas das irregularidades constatadas. Este trabalho deve continuar fortalecido nas próximas semanas, com apoio da Defesa Civil, Secretaria de Saúde e órgãos de segurança.

Por: Rádio Cultura

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Em domingo com mais três óbitos, Foz do Iguaçu registra 241 novos casos de Coronavírus

A Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu confirma na data de hoje, 29/11/2020, 241 casos de COVID-19, totalizando 13.537 casos da doença no município. Deste total, 12.576 pessoas já estão recuperadas.

Dos novos casos, 132 são mulheres e 109 homens com idades entre 8 meses e 83 anos, e todos os 241 encontram-se em isolamento domiciliar.

Dos casos confirmados ativos, 648 estão em isolamento domiciliar com sinais e sintomas leves e 126 pessoas estão internadas.

Óbitos
Foz do Iguaçu registrou mais três óbitos em consequência da COVID-19, totalizando 187 mortes pela doença no município. As vítimas são uma mulher de 70 anos, e dois homens com 52 e 85 anos. Os três estavam internados no Hospital Municipal Padre Germano Lauck.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Com alta de casos de covid-19 em Foz, Prefeitura suspende a realização da “Noite do Hawaí”

A Prefeitura de Foz do Iguaçu determinou a interdição e suspensão da licença para realização do evento intitulado “Noite do Hawaí”, também conhecido como “Baile do Hawaí”, previsto para ocorrer neste sábado (28). A decisão do Gabinete de Crise para Enfrentamento da Covid-19 leva em consideração os Decretos 28.755 e 28.303 e a situação de saúde pública enfrentada pelo município, com aumento expressivo dos casos de Coronavírus e a taxa de ocupação de leitos de UTI, que chegou a 94% no Hospital Municipal Padre Germano Lauck.

“Estamos agindo para preservar vidas. Sabemos que um evento com mais 650 pessoas é um verdadeiro risco, tendo em vista que vivemos em uma pandemia, com aumento de casos e óbitos pela doença” afirma o prefeito Chico Brasileiro.

Desta forma, o Iate Clube Lago de Itaipu fica proibido de realizar o evento, que geraria aglomeração de pessoas. Em caso de descumprimento, o organizador estará sujeito a penalidades, como multa e abertura de processo administrativo sanitário.

Foz do Iguaçu registrou neste sábado (28) 194 novos casos da doença e duas mortes. Desde o início da pandemia foram registrados 13.296 casos da doença e 184 óbitos.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Foz registra 194 novos casos de Coronavírus em 24 horas

A Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu confirma na data de hoje, 28/11/2020, 194 casos de COVID-19, totalizando 13.296 casos da doença no município. Deste total, 12.410 pessoas já estão recuperadas.

Dos novos casos, 100 são mulheres e 94 homens com idades entre 4 meses e 88 anos. Dos 194 novos casos, 192 encontram-se em isolamento domiciliar e 02 pessoas estão internadas.

Dos casos confirmados ativos, 575 estão em isolamento domiciliar com sinais e sintomas leves e 127 pessoas estão internadas.

Óbitos

Foz do Iguaçu registrou mais dois óbitos em consequência da COVID-19, totalizando 184 mortes pela doença no município. As vítimas são duas mulheres, com 62 e 80 anos, que estavam internadas no Hospital Ministro Costa Cavalcanti e Hospital Municipal Padre Germano Lauck, respectivamente.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Foz do Iguaçu é a cidade brasileira que mais realiza testes de covid-19

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) reafirmou quinta-feira, 26, que Foz do Iguaçu é a cidade que mais realiza exames RT-PCR no Brasil, com base per capita.

“Os exames são essenciais para detectar cedo a doença e com isso evitar novos contágios. A parceria com as instituições de ensino e o apoio do governo do Estado possibilitou fazer  mais de 47 mil exames”, disse Brasileiro em transmissão pelo facebook.

Segundo a Diretora da Vigilância em Saúde, Carmensita Gaievski, Foz registra 12.895 casos confirmados de covid-19. Atualmente 12.120 já estão recuperados, o que equivale 93,99% dos casos positivados.  Dados da Vigilância mostram que o município realizou 47.095 exames de covid-19 incluindo RT-PCR, testes rápidos e clínico epidemiológicos, exames de laboratórios particulares

“Foz do Iguaçu é o município que mais tem leitos de UTI para tratamento de covid por habitante. Entre Costa Cavalcanti e Hospital Municipal temos 95 leitos de UTI, para uma regional que tem em 400 mil habitantes dá em torno de 25 leitos por 100 mil habitantes, nem o país mais desenvolvido do mundo conseguiu esse número de leitos disponível para tratar a covid-19”, destacou Brasileiro. 

Chico Brasileiro reconhece que o trabalho conjunto da Itaipu Binacional, Hospital Costa Cavalcanti, Unila, Uniamérica, Unioeste, Governo do Estado e Ministério da Saúde fizeram de Foz do Iguaçu uma cidade modelo de prevenção e combate ao coronavírus.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

‘Não podemos mais fechar o comércio’, afirma o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro

Prefeito falou sobre o novo decreto que proíbe por 15 dias festas com contato entre as pessoas.

O prefeito Chico Brasileiro (PSD) explicou nesta sexta-feira (27), em entrevista à Rádio Cultura, o decreto publicado no dia anterior que proíbe pelos próximos 15 dias, festas com contato entre as pessoas.

De acordo com Brasileiro, o objetivo é coibir festas onde as pessoas não cumprem as medidas sanitárias, resultando em uma cadeia de transmissão e que as ações de fiscalização serão pontuais. “Nós não podemos fechar mais o comércio, não podemos fechar o turismo, a atividade econômica da cidade depois de tanto sofrimento destes setores e toda a sociedade”, afirmou.

O decreto não proibe eventos onde há o comprimento do protocolo sanitário estabelecido e assinado pelos empresários. A música ao vivo segue permitida em bares e restaurantes. A proibição é apenas sobre pista de dança.

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Destaques, Saúde,

Fiscalização fecha mais um estabelecimento por falta de alvará e termo de responsabilidade

46 estabelecimentos foram fiscalizados, 22 estavam sem o termo de responsabilidade sanitária e sete foram readequados.

A Defesa Civil realizou mais uma ação de fiscalização a estabelecimentos de Foz do Iguaçu na noite de quinta-feira, 27. Foram fiscalizados estabelecimentos das Avenidas República Argentina e Mario Filho. Ao todo, 46 estabelecimentos receberam visitas.

Entre os estabelecimentos fiscalizados, 22 estavam sem o termo de responsabilidade sanitária, obrigatório para o funcionamento desde a reabertura do comércio. Sete passaram por readequações e um foi fechado por falta de alvará e termo de responsabilidade sanitária.

RELATÓRIO DE ABORDAGEM / DEFESA CIVIL (26/11/2020)

Av. República Argentina + Av. Mario Filho
– 46 estabelecimento visitados;
– 22 Sem o Termo de responsabilidade sanitária;
– 07 receberam readequações;
– 01 Fechado com o apoio da Fiscalização (motivo: falta de alvará + falta do termo de responsabilidade sanitária).

Por: Rádio Cultura