Browsing Category

Paraná

Leia as últimas notícias sobre o Paraná no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Busão Foz, Foz do Iguaçu, Política,

Vereador Maninho apresenta projeto do Programa de Apadrinhamento Afetivo para crianças e adolescentes

O vereador Valdir de Souza (Maninho) apresentou na Câmara de Foz do Iguaçu o Projeto de Lei nº 22/2021. A proposta dispõe sobre a regulamentação do Programa de Apadrinhamento Afetivo no Município, na forma como prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente. Pelo texto, o apadrinhamento consistirá em proporcionar à criança e ao adolescente, vínculos externos à instituição, para fins de convivência familiar e comunitária, além da colaboração com seu desenvolvimento e sustento.

O artigo 2º do projeto define que poderá participar do programa as crianças ou o adolescentes cujos pais ou tutores foram destituídos (a) do poder familiar; os que integram grupo de irmãos; possuam alguma deficiência física e que haja a possibilidade de colocação em família substituta; que estejam há mais tempo no Programa de Acolhimento; ou que estejam mais próximo de completar 18 anos.

Já quem tiver o interesse em ser um padrinho, deverá cumprir os seguintes requisitos: ser maior de 18 anos, respeitando a diferença de ser 16 anos mais velho que a criança ou adolescente; não ser inscrito nos cadastros de adoção para o perfil de afilhado (a); residir em Foz do Iguaçu; não ter sido destituído ou suspenso do poder familiar nos últimos 5 anos; e não possuir antecedentes criminais.

O vereador Maninho argumentou que os termos de regulamentação do programa foram inspirados no plano criado no município de Francisco Beltrão, que enfatiza a importância deste acolhimento para essas crianças e adolescentes. Maninho entende que o programa pode transformar a realidade dessas crianças e adolescentes que passam a ter um ambiente calmo, confortável e seguro, modificando suas perspectivas e imaginando um futuro. O projeto foi protocolado, lido na sessão de terça-feira, dia 13, e agora tramita nas comissões técnicas da Câmara que devem apresentar os pareceres que liberam o texto para votação no plenário.

Busão Foz, Destaques, Economia, Foz do Iguaçu,

Puerto Iguazú, na Argentina, tenta atrair fábrica brasileira de calçados ‘Beira Rio’, de olho nos empregos

A fabricante brasileira de calçados ‘Beira Rio’ informou que instalará uma unidade na Argentina. O anúncio foi feito durante uma vídeo conferência entre representantes do governo argentino e da empresa, na quarta-feira (21).

Participaram do encontro virtual o ministro do Desenvolvimento Produtivo da Argentina, Matias Kulfas; o embaixador da Argentina no Brasil, Daniel Scioli; o secretário de Indústria, Ariel Schale; o presidente da Calçados Beira Rio, Roberto Argenta; a diretora Comercial e de Marketing, Maribel Silva e o diretor de Indústria, João Henrich.

De olho na geração de emprego e renda, a prefeitura de Puerto Iguazú, na fronteira com Foz do Iguaçu, formalizou ao governo nacional e provincial, faça os trâmites necessários para que a cidade seja a sede da fábrica na Argentina.

A nova unidade poderá produzir 3 milhões de calçados por ano. A Beira Rio possui 11 unidades industriais no Rio Grande do Sul e vende seus calçados para 85 países.

As informações são de Radio Cultura

Economia, Paraná,

Agências do Trabalhador têm 3.370 vagas de empregos no Paraná

A semana está com diversas vagas ofertadas pelas Agências do Trabalhador, vinculadas à Secretaria de Justiça, Família e Trabalho. Estão disponíveis 3.370 oportunidades de empregos com carteira assinada nas empresas do Paraná.

Dessas vagas, 579 estão disponíveis nas agências de Curitiba e Região Metropolitana. As que mais ofertam vagas são de Marechal Cândido Rondon (221 vagas), Cascavel (418 vagas), Curitiba (258), Palotina (219), Matelândia (178 vagas), Apucarana (137), Umuarama (132), Foz do Iguaçu (129), São José dos Pinhais (108) e União da Vitória (101).

Já as principais vagas disponíveis são para auxiliar de linha de produção (2.172 vagas), auxiliar administrativo (159 vagas) e alimentador de linha de produção (136).

“Intermediamos vagas com a parceria de empresas do Paraná. Gerar empregos é o melhor programa social que um governo pode encampar. Isso é fundamental para que possamos oportunizar ao trabalhador neste momento”, diz o secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost.

Atendimentos – Devido à pandemia, os atendimentos presenciais nas Agências do Trabalhador estão suspensos. Os interessados em vagas ofertadas devem buscar orientações entrando em contato junto as Agências do Trabalhador de seu Município, pelo site http://www.justica.pr.gov.br/Pagina/Escritorios-Regionais, pelo aplicativo Sine Fácil (disponível gratuitamente para celulares Android e IOS) ou pelo site www.empregabrasil.mte.gov.br.

Em Curitiba e Região Metropolitana, o atendimento é feito pelo chat http://sac.trabalho.pr.gov.br ou através dos fones (41) 3883-2200, 3883-2212, 3883-2224 e 3883-2233, de segunda a sexta-feira, das 09h às 17h.

Seguro desempregos – Já o atendimento do Seguro Desemprego está acontecendo de forma presencial, somente com agendamento pelo site www.justica.pr.gov.br/trabalho. O interessado também pode habilitar o Seguro Desemprego através do Aplicativo Carteira de Trabalho Digital, disponível nas lojas de aplicativos de seu Celular Android ou IOS.

Oferta de Vagas – Empresários e trabalhadores de todo o Paraná que procuram ou ofertam vagas e que estiverem com dificuldade de finalizar o atendimento nas ferramentas digitais, tais como Portal Emprega Brasil, e aplicativos da Carteira de Trabalho Digital, Sine Fácil e Paraná Serviços, podem receber o suporte técnico por meio do Chat do Trabalhador, no site da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. Para acessar o chat, basta entrar no link: http://sac.trabalho.pr.gov.br

Em Curitiba, para realizar oferta de vagas poderá ser realizado contato através dos telefones (41) 3883.2220, 3883.2228, 3883.2239 e 3883.2236.

Coronavírus, Destaques, Paraná, Saúde,

Paraná ultrapassa marca de 2 milhões de doses aplicadas contra a Covid-19

Mais de 2 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 já foram aplicadas no Paraná. O número foi alcançado nesta quarta-feira (21), de acordo com o vacinômetroda Secretaria de Estado da Saúde. Foram aplicadas até o momento 2.018.742 doses, todas dos grupos prioritários definidos no Plano Estadual de Vacinação contra a doença. Dessas, 1.470.656 equivalem ao primeiro ciclo da imunização e outras 548.086 à dose de reforço, finalizando o processo. Os números são da atualização das 10h29.

O total de paranaenses vacinados equivale a 12,7% da população do Estado, estimada pelo censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2020 em 11.516.840 pessoas, e a 31% das cerca de 4,6 milhões de pessoas incluídas entre os grupos prioritários. São aquelas que estão mais expostas ao vírus, como trabalhadores da saúde e da segurança pública, ou que correm mais riscos de apresentar piora ou morrer pela doença, como pessoas com mais de 60 anos ou que apresentam alguma comorbidade.

A aceleração no processo de imunização no Paraná está relacionada às campanhas recentes adotadas pelo Governo do Estado junto aos municípios com foco em atingir o máximo possível de pessoas e fazer com que as doses enviadas pelo Ministério da Saúde cheguem rapidamente aos braços dos paranaenses.

Com o Vacina Paraná de Domingo a Domingo, salas de vacinação ao redor do Estado estão funcionando ininterruptamente, todos os dias da semana. Já o Corujão da Vacinação estendeu os horários de aplicação até a meia-noite em algumas cidades para atingir aquele público que por algum motivo não consegue comparecer em horário comercial.

“Não queremos vacina em estoque. O trabalho do Governo do Estado é para que as doses cheguem o mais rapidamente possível às 22 Regionais de Saúde e de lá para os 399 municípios paranaenses. Precisamos vacinar, vacinar e vacinar. É a solução para vencermos essa pandemia”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

APLICAÇÃO – O Paraná recebeu do Ministério da Saúde, até agora, 2,8 milhões de doses da vacina contra a Covid-19. A maior parte já foi repassada aos municípios: de acordo com o Vacinômetro, 2.433.979 vacinas foram distribuídas. Das destinadas para a primeira dose, o índice de aplicação é de 102,4%. Ou seja, foram usadas algumas vacinas reservadas para a segunda dosagem. A taxa de reforço é de 54,6%.

As doses são administradas conforme a ordem prevista no Plano Estadual, iniciando por pessoas idosas em Instituições de Longa Permanência, indígenas, pessoas com deficiência institucionalizadas, trabalhadores da saúde, quilombolas e idosos, que são vacinados regressivamente até chegar à faixa dos 60 anos. A partir daí, será iniciada a imunização das pessoas com comorbidades.

No Paraná, profissionais das forças de segurança e salvamento e das Forças Armadas já estão sendo vacinados. Com a vacina já aplicada em praticamente 100% dos profissionais da saúde e nos primeiros da fila, a vacinação no Paraná está na faixa etária entre os 60 e os 64 anos.

Municípios – Na ordem, os municípios com o maior quantitativo aplicado até agora em números absolutos, somando a primeira e a segunda dose, estão Curitiba (349.093), Londrina (132.402), Maringá (85.414), Cascavel (69.415) e Ponta Grossa (57.130).

As informações são de Agência de Notícias do Paraná

Busão Foz, Coronavírus no Paraná, Foz do Iguaçu, Saúde,

Foz do Iguaçu divulga mais três óbitos e registra 55 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas

A Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu confirma na data de hoje, 22/04/2021, 55 casos de covid-19. No total, são 33.264 casos da doença no município desde o início da pandemia. Destes, 32.088 pessoas já estão recuperadas.

Dos 55 novos casos, 35 são mulheres e 20 homens, com idades entre 2 meses e 94 anos. Entre eles, 47 estão em isolamento domiciliar e 8 internados.

Do total de casos ativos, 293 pessoas estão em isolamento domiciliar, com sinais e sintomas leves, e 136 estão internadas.

Óbitos

Foz do Iguaçu registrou 3 óbitos em consequência da covid-19. As vítimas são 2 homens de 49 e 60 anos e 1 mulher de 64 anos. No total, são 747 mortes pela doença no município desde o início da pandemia.

Busão Foz, Destaques, Economia, Foz do Iguaçu,

Abertura de novas lojas no Shopping Catuaí Palladium fomenta mais de mil novos empregos diretos e indiretos

No ano em que comemora seu 5º aniversário, o Shopping Catuaí Palladium tem diversos motivos para celebrar: recebeu duas novas lojas âncoras – a varejista de moda, C&A, que trouxe para Foz do Iguaçu a primeira loja conceito do Brasil, com espaços digitais e experiências inéditas; e a gigante Cellshop Duty Free, o maior free shop do país em fronteira terrestre, com arquitetura inspirada nos modelos Europeus, incorporando na loja o passeio por uma das 7 Maravilhas do Mundo, as Cataratas: um verdadeiro case de inovação. Para o próximo semestre está prevista a inauguração de mais uma âncora no Catuaí Palladium, segunda loja franca, a Hype Duty free, que promete trabalhar com mix especializado em produtos orientais, além da chegada de um renomado restaurante internacional.

Com as mais novas marcas regionais, nacionais e internacionais, o shopping contabiliza um número surpreendente de inaugurações recentes: A Página Livrarias, Alisson Acosta Exclusive Salon, Cellshop Duty Free, C&A, Claro, Conforto da Pele, Falls Café, Lond Woman, Markdown, Nuestra Casa, Pandora, Studio da Beleza, Tapetes Schmitz, Asmar’s Doceria Árabe, Havanna Cafeteria e Kami Sushi. Em breve serão anunciadas novidades em serviços e alimentação. Apenas entre as novas operações já inauguradas são geradas mais de mil vagas diretas e indiretas às famílias iguaçuenses; sendo que contabilizando todo o empreendimento e as lojas, o número de empregos diretos ultrapassa 2,5 mil, chegando a 6 mil vagas indiretas.

Desde a fase de construção do Catuaí Palladium, considerado um dos maiores shoppings do Paraná, pertencente ao Grupo Tacla e Grupo Catuaí, o empreendimento foi planejado para atender às expectativas da comunidade e contribuir na geração de empregos e movimentação de diversos setores da economia. Desde o início das obras, em janeiro de 2014, o shopping atuou na geração de aproximadamente 10 mil empregos diretos e indiretos durante as diferentes fases da construção, trabalhando com mão de obra local e trazendo novas e maiores perspectivas no desenvolvimento econômico e social da cidade. “A chegada do shopping trouxe para a região ainda mais perspectiva de crescimento. Estamos evoluindo junto com a nossa cidade, viabilizando a transformação na vida de muitas famílias”, comenta a superintendente do Catuaí Palladium, Daiane Ashidate.

As informações são de GDia

Busão Foz, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

VÍDEO: Prédio em obra desaba e deixa pelo menos dois mortos e três feridos em Foz do Iguaçu

A laje de um prédio em construção desabou na manhã desta quinta-feira (22), na Rua Javaré, fundos do Bosque Guarani, na região central de Foz do Iguaçu.

O Corpo de Bombeiros, adianta a Rádio Cultura, confirmou que até o momento o acidente deixou dois mortos e três feridos.

No vídeo abaixo, integrante do Corpo de Bombeiros detalha como ocorreu o acidente e os procedimentos para resgatar os corpos debaixo dos escombros. Assista!

O tenente Rogério, da equipe de salvamento do Corpo de Bombeiros, informou que a estrutura está instável e corre o risco de cair. Os bombeiros estão em contato com os engenheiros para saber como agir sem colocar a equipe em risco.

A obra pré-moldada está em fase de concretagem e seria futuras instalações de uma clínica.

As informações são de Radio Cultura

Busão Foz, Coronavírus, Destaques, Foz do Iguaçu, Saúde,

Foz do Iguaçu espera vacinar todos com mais 60 anos ainda em abril

A secretária de saúde, Rosa Jeronymo, disse nesta quarta-feira, 21, que a expectativa é vacinar contra a covid-19 todas as pessoas com 60 anos ou mais ainda neste mês de abril, mas para isso precisa receber mais doses que devem enviadas pelo Ministério da Saúde. Na última semana, segundo Rosa Jeronýmo, foram aplicadas 11 mil segundas doses.

Na próxima etapa, cumprida a vacinação dos idosos, serão vacinados outros grupos prioritários. “As estratégias da campanha de vacinação e o estabelecimento de grupos populacionais prioritários a serem vacinados são de definição do Ministério da Saúde. Segundo o que consta no Plano Estadual de vacinação, os próximos grupos serão as pessoas com comorbidades, trabalhadores da educação e continuar vacinando as equipes de segurança”, disse a secretária.

Sobre a compra de vacinas articulada pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Rosa Jeronymo reafirmou a adesão de Foz do Iguaçu ao consórcio da FNP e a previsão é da compra de 30 milhões de doses, “Foz aderiu ao consórcio da Frente Nacional de Prefeitos, o projeto de lei foi aprovado pela Câmara de Vereadores. Mais de 2.000 municípios aderiram e agora o consórcio está negociando com a Rússia, a compra de 30 milhões de doses”, disse.

Mais doses – “Está nas tratativas porque essa vacina precisa da liberação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), mas o Ministério da Saúde está acompanhando e dando apoio para que haja a liberação da Anvisa e na ajuda da importação e na logística de distribuição para os estados, após isso os Estados farão as entregas aos municípios”, completou.

Rosa adianta que com as doses do consórcio, metade dos 250 mil moradores de Foz do Iguaçu será imunizada até o mês de agosto. “Se conseguirmos fazer essa compra (do consórcio da FNP), eu acredito que até agosto a gente consiga vacinar metade da nossa população”.

As informações são de GDia

Destaques, Gilmar Cardoso, Paraná, Política,

‘Distritão Eleitoral’ pode ser novidade das próximas eleições, diz advogado

O presidente da Câmara já se mostrou favorável às medidas que propõe o fim da reeleição, aumento dos mandatos e eleições majoritárias (distritão)

A Câmara dos Deputados criou, esta semana, uma Comissão Especial para tratar da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Reforma Eleitoral 125-A, de 2011. A intenção, de acordo com o colunista e colaborador do Cabeza News, o advogado Gilmar Cardoso, é acelerar a tramitação e viabilizar a implementação de mudanças, já para as eleições de 2022.

A proposta inclui a discussão sobre o voto majoritário para os deputados, o chamado – Distritão Eleitoral -, explica Gilmar Cardoso. Também entra no debate para aprovação de eventuais mudanças o fim da reeleição para presidente da República, e o aumento do mandato para os cargos políticos de quatro para cinco anos. Se aprovada e promulgada até outubro a reforma já passa a vigorar para 2022.

“Os deputados querem usar PEC já aprovada na CCJ para avançar tramitação. Grupo tenta incluir adoção do ‘distritão’, o que pode diminuir representatividade dos partidos”, afirma o advogado. Para ser aprovada na Câmara a PEC precisa obter 308 votos e no Senado 49, ambas as votações em dois turnos.

– Advogado Gilmar Cardoso (Foto: Arquivo Pessoal)

O advogado esclarece que com o Distritão cada Estado, por exemplo, vira um distrito e as cadeiras que cada estado tem na Câmara Federal passariam a ser preenchidas pelos candidatos mais votados. No caso do Paraná, os 30 candidatos de todos os partidos, mais votados em geral seriam eleitos.

Com isso a proporcionalidade de cada partido passaria a ser desconsiderada. Atualmente pelo sistema proporcional, a definição recai de acordo com a votação total dos candidatos e dos partidos (legenda), onde os votos excedentes dos mais votados ajudam a eleger os com menos votos, descreve Gilmar Cardoso.

O advogado disse que as manifestações contrárias à iniciativa alegam que o Distritão poderia favorecer e privilegiar os candidatos que tem mais dinheiro e que prejudicaria os partidos menores, acabando com a identidade partidária e deixando a eleição personalista. No Senado o clima é de indiferença, pois esse sistema já é adotado para a escolha dos senadores por cada Estado.

Segundo Gilmar Cardoso, efetivamente com a adoção desse novo sistema no processo eleitoral onde assumem os mais votados, independente do desempenho do partido nas eleições, a modalidade irá enfraquecer os partidos políticos, avaliou. Por outro lado, o Distritão também interessa às pequenas legendas que hoje tem dificuldades para formar chapas e que disputam preferencialmente vagas no legislativo, com estruturas menores e menos dinheiro para financiar campanhas.

Atualmente cada sigla pode lançar candidatos em número equivalente a 150% das vagas de cada estado ou município; os partidos podem até lançar menos candidatos, mas se assim o fizerem ficam em desvantagem porque as legendas com mais candidatos, consequentemente, tem mais gente fazendo campanhas e pelo sistema eleitoral vigente mesmo quem tem poucos votos ainda ajuda o partido a conquistar cadeiras.

Coligações

Também é ventilada a volta das coligações, vedadas para eleições proporcionais pela mesma regra, de 2017, que estabeleceu a cláusula de desempenho. As coligações facilitavam partidos menores elegerem representantes porque todos os partidos da aliança somavam votos para a divisão das cadeiras em disputa.

As eleições municipais de 2020 foram as primeiras sem essa possibilidade e os partidos nanicos elegeram só 1,1% dos vereadores, ante 2,4% na eleição anterior. Efeito semelhante é esperado nas eleições para deputados estaduais e federais reforma numa casa e no meio da obra já está mudando, afirmou.

A comissão especial deverá analisar o modelo do distritão e outros temas que envolvem a alteração da Constituição. O presidente da Câmara delegou a negociação sobre a reforma eleitoral à deputada Renata Abreu (PODE-SP), que deverá ser a relatora da comissão especial. Para isso, a parlamentar precisará ter uma proposta aprovada por Câmara e Senado até outubro, data limite exigida pela Constituição. A ideia é conseguir alterar as normas já para o próximo pleito.

Segundo Gilmar Cardoso, a escolhida de Lira disse que a comissão tratará de “qualquer mudança constitucional”, inclusive o voto impresso, uma das principais bandeiras do presidente Jair Bolsonaro. Outra reivindicação prioritária dos parlamentares é debater o distritão e outros assuntos que devem ser discutidos pelo colegiado são a cláusula de barreiras, que limita o uso do fundo partidário para enxugar o número de legendas, pesquisas eleitorais e o financiamento de campanhas, concluiu o advogado.

Economia, Paraná,

Senar-PR abre inscrições para 38 cursos gratuitos de capacitação

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-PR) abriu inscrições para 38 cursos gratuitos de capacitação. Conforme o serviço, as aulas serão ofertadas em formato remoto entre 3 e 31 de março.

São oferecidas vagas limitadas em diferentes áreas de aprendizado, como cursos na área de gestão rural, informática, matemática e português. Veja todos os cursos abaixo.

De acordo com a entidade, os alunos podem assistir às aulas em diferentes formatos, como videoaulas ou textos interativos, e em qualquer horário e local. Para participar, é necessário ter um computador com acesso à internet.

Cursos
Veja abaixo os cursos oferecidos:

Agrinho – A integração do filme em ambientes digitais de aprendizagem
Agrinho – aprendizagem colaborativa e mapas conceituais
Agrinho – atuação dos educadores facilitando a autoria colaborativa de jogos pelos alunos
Agrinho – Complexidade, transdisciplinaridade e produção do conhecimento
Agrinho – escola digital e o educador 3.0
Agrinho – escola e tecnologias digitais na infância
Agrinho – Escola, educação e ética: Contributo para uma reflexão pedagógica
Agrinho – estilos de aprendizagem e as tecnologias
Agrinho – Geração móvel 2.0 – O “poder” do digital na criação de cenários sustentáveis de inovação pedagógica
Agrinho – Habilidades de RRI, metodologia de projetos de design e escolarização aberta
Agrinho – inovação na educação básica e tecnologias educacionais: aplicando os 4 Rs do REA
Agrinho – Instruir, mediar ou comunicar: contributo para uma reflexão sobre o ato de ensinar
Agrinho – interatividade e metodologia de projetos
Agrinho – mapas do conhecimento
Agrinho – novas linguagens, novos desafios: a internet no contexto escolar
Agrinho – portfólio como ferramenta metodológica e avaliativa
Agrinho – tecnologias digitais, linguagens e currículo
Gestão da propriedade rural – competência para o sucesso no trabalho
Gestão da propriedade rural – integração no trabalho
Gestão da propriedade rural – mercado de trabalho para jovens
Gestão da propriedade rural – princípios de qualidade e administração no trabalho
Inclusão digital – Excel intermediário
Inclusão digital – informática básica: o computador e os dispositivos de hardware e software
Inclusão digital – informática básica: Windows
Inclusão digital – primeiros passos na internet
Inclusão digital – primeiros passos no Excel
Inclusão digital – primeiros passos no Word
Inclusão digital – Word intermediário
Matemática para a vida – estatística
Matemática para a vida – geometria analítica e fórmulas
Matemática para a vida – matemática financeira
Matemática para a vida – medidas de áreas e volumes
Matemática para a vida – porcentagem
Matemática para a vida – regra de três
Português sem complicação – clareza de expressão
Português sem complicação – memorandos, relatórios, planilhas e gráficos
Português sem complicação – parágrafo, pontuação, concordância verbal e nominal
Programa Agrinho – Todos contra a dengue

As informações são de G1 Globo