Browsing Category

Geral

Busão Foz, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

União abre processo para privatização de parques nacionais, menos o do Iguaçu, onde estão as Cataratas

Avançando na agenda de concessões do Ministério do Meio Ambiente, o Presidente Jair Bolsonaro assinou decreto que inclui nove parques nacionais no Programa Nacional de Desestatização (PND) e os qualifica no âmbito do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI).

A lista não inclui o Parque Nacional do Iguaçu devido uma pendência judicial após a estadualização da área onde estão as Cataratas do Iguaçu, que pertence ao Governo do Paraná, conforme escritura de 1919, lavrada em cartório de Foz do Iguaçu (AQUI para relembrar).

O texto editado por Bolsonaro permite a concessão dos serviços públicos de apoio à visitação, conservação, proteção e gestão das unidades.

A Floresta Nacional de Brasília (DF) e os parques nacionais da Serra dos Órgãos (RJ), da Chapada dos Guimarães (MT), de Ubajara (CE), da Serra da Bocaina (RJ/SP), da Serra da Capivara (PI), da Serra da Bodoquena (MS), do Jaú (AM) e de Anavilhanas (AM) foram contemplados.

Além de fortalecer a preservação das Unidades de Conservação em todo o Brasil por meio de investimentos e empreendimentos privados em ecoturismo, os projetos de concessão possibilitam o fomento do turismo nos entornos dos parques, gerando emprego e renda para a população.

Com informações do Ministério do Meio Ambiente

Busão Foz, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

General Silva e Luna assume nesta segunda (19) presidência da Petrobras

Posse será transmitida on line e terá primeiro pronunciamento do general no novo cargo

Numa cerimônia reservada e simples, como é característica de seu estilo, o general Joaquim Silva e Luna toma posse como presidente da Petrobras, na segunda-feira, 19, na sede da estatal, no Rio de Janeiro. A solenidade, às 11 horas, terá a presença do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e de conselheiros e diretores da empresa. Haverá transmissão ao vivo pela página da Petrobras.

Na solenidade, Silva e Luna fará seu primeiro pronunciamento oficial como presidente da Petrobras. Ele assume o cargo com a missão de conduzir a estatal de forma a equalizar os interesses dos acionistas e da sociedade. A eleição de Silva e Luna, ex-diretor-geral brasileiro da usina de Itaipu e ex-ministro da Defesa, foi sacramentada na sexta-feira, 16.

Na usina hidrelétrica de Itaipu, em dois anos e um mês de gestão, o general Joaquim Silva e Luna conseguiu reordenar recursos economizados de convênios e patrocínios sem aderência à missão da empresa, na ordem de R$ 2,5 bilhões, aplicando-os em obras estruturantes, como uma segunda ponte entre o Brasil e o Paraguai e a ampliação da pista do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. Essas obras, que geraram mais de 2,5 mil empregos, vão estabelecer as bases para um novo ciclo econômico em Foz do Iguaçu e o Oeste do Paraná, área de influência da usina binacional. Com perfil conciliador, Silva e Luna deve repetir o mesmo desempenho na nova casa.

Assessoria

Busão Foz, Foz do Iguaçu, Geral,

VÍDEO: Delegacia de Homicídios de Foz do Iguaçu identifica segundo suspeito de assalto frustrado. Assista!

Na manhã desta sexta-feira (16), a Delegacia de Homicídios de Foz do Iguaçu divulgou que já foi identificado o suspeito de um roubo, ocorrido na última terça-feira (13), o qual vitimou e levou a óbito um dos suspeitos do crime, no bairro KLP.

O fato ocorreu na tarde da última terça-feira, quando o homem que veio a óbito, 54 anos de idade e seu parceiro, suspeito já identificado pela especializada, efetuaram o roubo de dois celulares. Os suspeitos estavam na posse de um revólver calibre 32 e uma motocicleta Honda CG/160 Start.

O que aconteceu é que, logo após o crime, a dupla empreendeu fuga do local utilizando a motocicleta, entretanto, após questões de segundos, a arma utilizada por um deles acabou disparando e veio a ferir um dos suspeitos que acabou ficando ferido no local e veio a óbito, enquanto o seu parceiro empreendia fuga a pé, deixando para trás a arma, os objetos roubados e a motocicleta.

A priori, a delegada da especializada está tratando o caso como homicídio culposo e informa que a investigação será remetida à 6 SDP, visando finalização das investigações quanto aos crimes de roubo e homicídio culposo.

Assessoria

Geral, Paraná,

Condutores de veículos devem ficar atentos aos pontos na CNH e ao exame toxicológico, alerta advogado

Os motoristas de categorias C, D e E com idade inferior a 70 anos, deverão renovar o exame toxicológico a cada dois anos e meio, mesmo se a CNH não estiver vencida. O alerta é do advogado Gilmar Cardoso, que recorda as recentes mudanças na legislação de trânsito, que entraram em vigor no último dia 12 de abril.

Gilmar Cardoso destaca que através da Lei nº 14.071, de 13 de outubro de 2020, foram introduzidas novidades para caminhoneiros, motoristas de ônibus e outros profissionais de atuam no setor de transportes. Em especial, anoto as atualizações em relação ao exame toxicológico e na Carteira Nacional de Habilitação – CNH, disse o advogado.

A partir de agora passa a ser 40 (quarenta) pontos, independente do tipo de infração o limite que anteriormente era de 20 (vinte) pontos. Além disso, a CNH passa a ter validade estendida para 10 (dez) anos para os motoristas que tem até 50 (cinqüenta) anos. Antes, esse prazo era de 05 (cinco) anos. O advogado Gilmar Cardoso reitera que para os condutores que tem mais de 50 anos e até 70 de idade a validade da CNH continua sendo de 05 anos.

Antes, para os que tinham mais de 65 anos de idade o prazo era de apenas 03 (três) anos; agora com as alterações vigentes o prazo de 3 anos passa para os que possuem mais de 70 anos, dependendo da avaliação e critérios médicos sobre o estado de saúde dos condutores.

Gilmar Cardoso alerta, também, que o prazo dos exames toxicológicos também mudou e passa a ser obrigatório para quem vai mudar de categoria e/ou renovar a CNH. Essa regra vale para os motoristas habilitados nas categorias C, D e E; frisa o advogado.

Para os que tem até 70 anos o exame deve ser feito em até 2,5 anos (dois anos e meio). Se der positivo, a CNH será suspensa por três meses. Já quem tem mais de 70 anos, só precisa renovar o exame no vencimento da CNH, disse.

Gilmar Cardoso explicou que antes das novas leis de trânsito, para a CNH válida por 5 anos o exame deveria ser feito a cada 2,6 anos e no caso de CNH com validade para 3 anos o exame era a cada 1,6 ano.

O advogado pede atenção ao fato de que agora, o motorista que for pego dirigindo com o exame toxicológico vencido há mais de 30 dias estará cometendo uma infração gravíssima e no caso, a multa poderá chegar até à R$ 1.467,35, além de ter a CNH suspensa por três meses.

Portanto, atenção aos motoristas, a partir do dia 12 de abril de 2021, a lei entrou em vigor, e os motoristas de categorias C, D e E, com idade inferior a 70 anos, deverão obrigatoriamente realizar o exame toxicológico neste período, independente da validade da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

De acordo com a determinação do novo código de trânsito brasileiro (CTB); caso o motorista da categoria C, D ou E conduzir o veículo sem ter realizado o exame toxicológico, previsto após 30 dias do vencimento do prazo de 2 anos e 6 meses, sofrerá uma infração gravíssima (segundo art. 165-B), adverte Gilmar Cardoso.

Além disso, o condutor também receberá uma multa multiplicada 5 vezes (R$ 1.467,35), e terá a suspensão do direito de dirigir por 3 meses, condicionado o levantamento da suspensão à inclusão no Renach de resultado negativo em novo exame; ou seja, só poderá dirigir novamente com um novo resultado negativo do exame toxicológico.

O advogado reitera que o utra mudança que merece destaque é o novo prazo para apresentação de condutor que cometeu a infração; que agora é de até 30 dias e antes o prazo máximo era de 15 dias.

Para transferência de veículo, a nova regra de trânsito determina o prazo máximo de 30 dias. Caso contrário o motorista fica sujeito à multa de R$ 130,16 e ainda terá o veículo apreendido até que o documento seja regularizado.

Gilmar Cardoso também comentou sobre a obrigatoriedade de utilizar a luz baixa durante o dia nas rodovias, onde a regra passa a valer e ser obrigatória apenas para as vias de pistas simples. Além disso, os faróis devem ser ligados dentro de túneis e em situações de baixa visibilidade, como nos casos de chuvas ou neblina, explica.

O advogado disse ainda que sobre a pontuação e suspensão do direito de dirigir, no caso de cometimento de infrações leves ou médias, as mesmas devem ser substituídas por advertência, caso não haja nenhuma reincidência nos últimos 12 meses.

Caso o condutor tenha duas ou mais infrações gravíssimas no período de 12 meses, o limite será de 20 pontos. Se possuir apenas uma infração gravíssima, a carteira será suspensa ao atingir 30 pontos. Caso o condutor não tenha nenhuma infração gravíssima neste período, o valor limite será de 40 pontos, esclareceu Gilmar Cardoso.

Geral, Saúde,

Ministério da Saúde do Paraguai recebeu suprimentos e medicamentos da cooperação dos Estados Unidos

O Ministério da Saúde Pública e Previdência Social do Paraguai recebeu uma remessa de insumos e remédios da cooperação dos Estados Unidos para enfrentar a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

De acordo com o diretor de Insumos Estratégicos para Saúde, Derlis León, os produtos recebidos serão enviados para diferentes hospitais públicos do país.

Entre os medicamentos recebidos estão Atracurio e Midazolam; bem como suprimentos para uso hospitalar. Essa entrega fornecerá oxigênio por 20 dias ao sistema nacional de saúde para atendimento aos pacientes com coronavírus.

“Para o nosso nível de consumo atual, a doação de Atracurio dura cerca de 20 dias; então, qualquer iniciativa que ajude tem que ser bem-vinda e deve ser promovida. Isso vai ser rápido”, frisou.

Continue lendo na Agencia IP

Destaques, Geral, Política,

Silva e Luna assume comando da Petrobras; Veja os novos diretores

O Conselho de Administração da Petrobras nomeou o general Joaquim Silva e Luna novo presidente da estatal. A reunião começou às 10h e acabou às 15. No encontro, o Conselho também aprovou a nova diretoria executiva da compahia. O conselheiro eleito Marcelo Gasparino, indicado pelos acionistas minoritários, renunciou durante a reunião, disse uma fonte.

Silva e Luna escolheu quatro novos diretores entre os funcionários tidos como os mais qualificados na empresa. Esses novos executivos estão na estatal entre 13 anos e 38 anos. De acordo com fontes que acompanharam o processo de perto, a decisão foi pautada também em uma análise detalhada do histórico do desempenho profissional de cada um deles.

A intenção do general foi valorizar as “pratas da casa sem indicações políticas” de forma a fazer uma transição tranquila. Os diretores dessas áreas colocaram os cargos à disposição em meio ao processo de demissão de Roberto Castello Branco, que foi destituído do cargo de presidente da estatal na última segunda-feira em assembleia de acionistas. A escolha dos novos diretores marca uma mudança em relação a Castello Branco, que trouxe do mercado quase todos os diretores durante seua gestão.

Veja quais são os novos diretores eleitos

  • Fernando Borges, há 38 anos na companhia, assume a diretoria executiva de Exploração e Produção (no lugar de Carlos Alberto Pereira de Oliveira);
  • João Henrique Rittershaussen, 34 anos de casa, é novo diretor de Desenvolvimento de Produção e Tecnologia (em substituição a Rudimar Lorenzatto);
  • Claudio Mastella, 34 anos na estatal, vai liderar a diretoria de Comercialização e Logística (no lugar de André Chiarini);
  • Rodrigo Araújo, 13 anos na petroleira, vai comandar a diretoria de Finanças e Relações com Investidores (que era locupada por Andrea Almeida). Os demais diretores que seguem nos cargos
  • Nicolás Simone (Transformação Digital e Inovação);
  • Rodrigo Costa Lima e Silva (Refino e gás natural);
  • Roberto Ardenghy (Relacionamento Institucional e Sustentabilidade);
  • Salvador Dahan: aporovado em março pelo Conselho para o cargo de diretor de Governança e Conformidade.
  • A diretoria executiva da estatal é composto por oito membros, além do presidente Silva e Luna.

A intenção do general é adotar na estatal um modelo de gestão profissional assim como foi feito em Itaipu, onde esteve nos últimos dois anos. Eleitos, presidente e os novos diretores deverão fazer uma cerimônia de posse interna entre esta sexta-feira e segunda-feira.

As informações são de Fábio Campana

Busão Foz, Coronavírus, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

Em Foz do Iguaçu, morre o Pastor Josias por complicações da Covid

Faleceu nesta sexta-feira (16) em Foz do Iguaçu, por complicações do novo Covoronavírus (Covid-19), o Pastor Josias Florencio. Ele era presidente da Associação Cristã de Deficientes Físicos (ACDD), pastor da Comunidade CEIM, além de responsável por eventos importantes.

Abaixo notas de condolência da família e da Câmara de Vereadores:

Nota de falecimento

É com muita dor que informamos que Pastor Josias Florencio voltou para casa… Pastor da Comunidade CEIM e presidente da ACDD – Associação Cristã de Deficientes Físicos e Lar Esperança – Casa de Passagem 3.

Neste momento de dor pedimos a Deus que dê conforto à sua família e amigos para que possam enfrentar esta imensurável dor com serenidade e fé. Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado em nossos corações.

Devemos sempre lembrar que ele era tão íntimo de Deus e andavam lado a lado. Tão perto que Deus quis ele lá em cima junto d’Ele. Nós cremos na vida eterna e com certeza acreditamos que Josias já está ao lado do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo em sua nova vida.

Lucas 1:23 “E sucedeu que, terminados os dias de seu ministério, voltou para sua casa.”

Família Florencio.

Legislativo Iguaçuense lamenta falecimento do Pastor Josias

A Câmara Municipal de Foz do Iguaçu lamenta o falecimento do Pastor Josias Florencio da Silva. Ele estava internado no Hospital Ministro Costa Cavalcanti e veio a óbito nesta sexta-feira (16/04), aos 53 anos, em decorrência da covid-19.

Pastor Josias Florencio da Silva era da Comunidade CEIM e presidente da ACDD – Associação Cristã de Deficientes Físicos e Lar Esperança – Casa de Passagem 3.

A Câmara deseja a todos os familiares e amigos enlutados força e consolo neste momento de dor e tristeza.

Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

Exércitos do Brasil e Paraguai estudam ações de cooperação em segurança de fronteira

Representantes dos Exércitos do Paraguai e Brasil se reuniram em Foz do Iguaçu para estudar e definir ações de cooperação na área de segurança de fronteira. A XXIX Reunião Regional de Intercâmbio Militar (RRIM) foi realizada na sede do 34° Batalhão de Infantaria Mecanizado (34° BIMec) e contou com a presença de autoridades. Ao final do encontro foi assinado o termo de entendimento entre os militares de ambos os países envolvidos.

A atividade faz parte da agenda de relacionamento internacional do Exército Brasileiro com países fronteiriços. O principal objetivo é promover a troca de experiências e conhecimentos de interesse comum, diretamente ligados ao controle e a segurança na faixa de fronteira, estreitando os laços de amizade entre os comandos.

A delegação do Exército Brasileiro foi chefiada pelo comandante 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, General Cláudio Henrique da Silva Plácido; e a delegação do Exército Paraguaio foi chefiada pelo comandante da 3ª Divisão de Infantaria, General Juan Ramon Mendoza Otaño. Também participaram do evento representantes do Gabinete do Comandante do Exército, do Comando Militar do Sul e do Comando Militar do Oeste.

Busão Foz, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

Motoristas reclamam de “tachões” na Avenida Beira Rio; Foztrans diz que problema é excesso de velocidade

Após motoristas reclamarem dos segregadores, “tachões”, colocados para separar a ciclofaixa da pista da Avenida Beira Rio, o Foztrans explicou que o sinalizador é regulamentado e respeita a legislação de trânsito, servindo para orientar o motorista e proteger o ciclista.

O diretor de Trânsito, Ademilton Araújo, disse que um um motorista que respeita o limite de velocidade da via, que é de 60 km/h, dificilmente subiria no segregador. O tachão tem ainda faixas refletoras nas laterais dos dois lados.

“O que deve estar errado nesse momento é a velocidade do condutor que ali passa. O primeiro acidente que aconteceu ali foi com uma BMW, você imagina a velocidade que deveria estar passando por ali”, disse.

Araújo contou que a ciclofaixa foi instalada para atender e trazer segurança ao trabalhador que utiliza bicicleta para ir e volta do trabalho, principalmente vindo do Paraguai.

Continue lendo na Radio Cultura

Geral, Paraná,

No Dia do Café, Romanelli destaca importância da cultura para a economia

O Norte Pioneiro é a única região do Paraná a participar do projeto “Adote uma Microtorrefação”, que busca recursos para aquisição de cafés especiais por pequenas empresas do setor e garantir a comercialização da safra de 2020 que começa neste mês. O produto da região tem o selo de origem de IG (Indicação Geográfica), que consolida e promove os melhores cafés especiais do Brasil. A campanha do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio à Pequena e Microempresa) acontece em todo o Brasil.

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) destacou nesta terça-feira, 14, Dia do Café, a importância da cultura que cada vez mais ganha admiradores, incentiva a economia e gera milhares de empregos diretos e indiretos. “O café do Norte Pioneiro é considerado uma das melhores bebidas no Brasil e conquista mercado também em outros estados, como Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo. O Paraná conquista espaço entre grandes produtores renomados, o que mostra que a bebida produzida no Norte Pioneiro tem qualidade e competitividade nacional”, aponta.

Cadeia produtiva —
 A inserção do café do Norte Pioneiro na cadeia produtiva nacional, diz Romanelli, mostra a qualidade da produção regional e o compromisso dos produtores com o aperfeiçoamento do cultivo da planta. Cidades como Congonhinhas, Ribeirão do Pinhal, Ribeirão Claro, Salto do Itararé e Carlópolis, dentre outras da região, comumente estão entre finalistas do concurso Café Qualidade do Paraná e Brasil.

Romanelli reafirma que o Norte Pioneiro contribui para que o Brasil seja considerado hoje o maior produtor de cafés especiais do mundo. “O selo de origem de indicação geográfica atesta que o café do Norte Pioneiro é de alta qualidade e facilita com que o produto chegue até as pequenas torrefações e clientes que apreciam a bebida, em vários estados brasileiros”, explica o deputado.

O deputado destaca ainda o apoio do Sebrae/PR, que atua não apenas na divulgação do produto, como também na orientação e consultoria para que os produtores melhorem a qualidade a cada nova safra. Para isso, baristas e mestres de torra visitam fazendas e participam da escolha das variedades de cafés, assim como dos processos de colheita e pós-colheita, e dão feedback aos produtores sobre a reação dos consumidores para cada produto.

Para Odemir Capello, consultor do Sebrae, a divulgação dos cafés especiais do Norte Pioneiro deve resultar numa melhora da remuneração dos produtores e trará mais visibilidade para as IG no Brasil todo. As vendas para cafeterias cresceram no último ano e, atualmente, o café especial do Norte Pioneiro do Paraná já pode ser degustado em várias partes do Brasil. Com previsão de boa safra e demanda crescente, produtores estão otimistas com as vendas.