Browsing Category

Geral

Foz do Iguaçu, Geral,

Shopping Catuaí Palladium lança campanha “Compre e Ganhe” com taças de cristal

Para celebrar o Dia dos Namorados, o shopping preparou brinde especial. Com R$ 500,00 em compras é possível ganhar um par de taças, a partir desta quarta (02/06)

Para aquecer as vendas e o coração dos apaixonados, o Shopping Catuaí Palladium preparou um brinde especial para este Dia dos Namorados: par de cristais da renomada marca Oxford Porcelanas – responsável pela assinatura de diversos presentes do shopping, oferecidos em campanhas anteriores. A promoção no formato “Compre e Ganhe”, em que o cliente efetua compras nas lojas participantes do shopping, e troca os cupons fiscais pelo brinde, inicia nesta quarta-feira, dia 02 de junho.

Para levar o brinde para casa, basta acumular R$ 500,00 em compras nas lojas participantes. É possível escolher entre um par de taças para vinho, espumante ou champagne; ou lindos copos cerveja ou whisky – qualquer que seja a escolha, todos os duos de cristal são perfeitos para completar o lar do casal. São válidos para participação notas e cupons fiscais de compras efetuadas a partir de 02/06/21, sendo possível retirar um brinde por pessoa. Estrangeiros também podem participar.

Participe pelo Aplicativo Oficial do Shopping: App Podi

Além do atendimento presencial, o empreendimento investe em tecnologia e oferece mais praticidade aos consumidores com o Aplicativo Podi, disponível na Google Play e App Store. Para participar da campanha, basta fazer download do App, se cadastrar, selecionar o Shopping Catuaí Palladium e seguir as instruções para a leitura dos cupons fiscais – é necessário fotografar cada uma das notas individualmente, de forma legível, nítida e com o CNPJ da loja visível.

Após a conclusão do envio das notas, ao acumular R$ 500,00 em compras é possível escolher na hora seu par de taças ou copos. Para retirar, basta ir até o Balcão de Atendimento (localizado no Piso L1 do shopping, em frente à Polo Wear) e apresentar o QR Code gerado. O regulamento completo da campanha e as lojas participantes podem ser consultadas no site: www.catuaipalladium.com.br. Lembrando que o consumo de bebidas alcoólicas deve ser realizado com moderação, apenas por maiores de 18 anos.

Horário Especial no Feriado de Corpus Christi

Neste feriado de Corpus Christi, o Shopping Catuaí Palladium estará com horário de atendimento especial, seguindo as determinações municipais. A Praça de Alimentação, a Farmácia Preço Justo e as Lojas Âncoras (C&A, Cellshop Duty Free, Havan, Lojas Americanas, Polo Wear, Renner, Riachuelo e Studio Z), atenderão na quarta-feira, 03/06, das 11h às 20h. As demais lojas e quiosques abrirão no feriado das 14h às 20h. Dúvidas ou informações podem ser consultadas pelo telefone: (45) 3939-0000 ou nas as mídias sociais do shopping: @catuaipalladium.

Sobre o Catuaí Palladium Shopping Center

Inaugurado em 10 de junho de 2016, em Foz do Iguaçu (PR), na Avenida das Cataratas, principal corredor turístico da região, o Catuaí Palladium é um dos maiores shoppings do Estado, com 90 mil m² de área construída. O empreendimento do Grupo Tacla e Grupo Catuaí apresenta um mix especializado em moda, gastronomia, serviços e entretenimento, com destaque para lojas no formato duty free; além do multiplex Cinemark e Polícia Federal. A praça de alimentação é um dos diferenciais, pela bela vista panorâmica com iluminação natural. O projeto arquitetônico apresenta corredores amplos para um confortável passeio em família. Entre algumas das comodidades, oferece family room, bicicletário, caixas eletrônicos, concierge, guarda-volumes e ambiente pet-friendly. Para mais informações sobre lojas, serviços e novidades, consulte o site www.catuaipalladium.com.br e acompanhe as novidades pelas mídias sociais @catuaipalladium.

Sobre o Grupo Tacla Shopping

Conglomerado com mais de 80 anos de tradição, experiência no varejo e referência no setor em todo país, o Grupo Tacla possui oito empreendimentos nos estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo, sendo eles: Catuaí Palladium Foz do Iguaçu (PR), Jockey Plaza Curitiba (PR), Palladium Curitiba (PR), Palladium Ponta Grossa (PR), Ventura Shopping Curitiba (PR), Itajaí Shopping (SC), Porto Belo Outlet Premium (SC) e Shopping Cidade Sorocaba (SP). Outras três operações estão em fase de construção no Paraná: CityCenter Outlet, em Campo Largo, Palladium Umuarama e Plaza Campos Gerais, em Ponta Grossa. Mais informações: www.taclashopping.com.br

Sobre o Grupo Catuaí

O Grupo Catuaí constituiu-se no fim dos anos 70, em Londrina, no Paraná, e atuou em diversas áreas, como construção civil, agronegócio, varejo, entretenimento, indústria têxtil, incorporação imobiliária e shopping centers. O Grupo tem como atividades principais a gestão patrimonial e o desenvolvimento imobiliário na área comercial. Há 30 anos no mercado de shopping centers, desenvolveu, construiu e administrou alguns dos mais importantes empreendimentos do Paraná, como Catuaí Londrina, Catuaí Maringá, Londrina Norte Shopping; além do Catuaí Palladium Foz do Iguaçu, e em construção, Catuaí Cascavel. Mais informações: www.catuai.com.br

Destaques, Geral, Paraná,

PRF inicia Operação Corpus Christi no Paraná de olho em ultrapassagens e embriaguez

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou à zero hora desta quarta-feira (2) a Operação Corpus Christi 2021 em todo o país. A operação, que segue até domingo (6), irá priorizar ações voltadas à segurança viária, prevenção e redução da gravidade dos acidentes de trânsito e à garantia da mobilidade nas rodovias do país.

Historicamente, o período de Corpus Christi, de forte tradição religiosa, é marcado pelo aumento do fluxo de veículos e usuários circulando pelas rodovias federais para os mais diversos destinos. Mesmo em um momento diferenciado com as restrições e medidas preventivas durante a pandemia, a PRF está preparada para um aumento do fluxo de veículos e para isso, os policiais reforçarão trechos estratégicos nos cerca de quatro mil quilômetros que cortam o estado.

Será dada atenção especial as ações de controle de velocidade, fiscalização de ultrapassagens em trechos de pista simples e a realização de exames de bafômetro, para combater a embriaguez ao volante.

O uso do cinto de segurança, do capacete e dos dispositivos de retenção para crianças, além de fiscalizações específicas de motocicletas e condições de conservação dos veículos, também estão entre os focos das equipes da PRF.

Também estão entre os alvos das equipes da PRF, fiscalizações específicas a veículos de carga. Em virtude do tamanho dos veículos e do peso relacionado às cargas transportadas por eles, os acidentes que envolvem veículos de carga geralmente têm maiores proporções e geram maior gravidade das lesões ou a morte dos envolvidos, o que faz com que haja uma maior preocupação com o estado de conservação destes veículos.

A PRF também intensificará sua atuação no combate ao crime, em especial realizando abordagens focadas nas informações do serviço de inteligência e a utilização de ferramentas de comunicação, para prender criminosos, recuperar veículos roubados e retirar armas ilegais, drogas e produtos contrabandeados de circulação.

Restrições de tráfego

A PRF também faz um alerta aos motoristas profissionais. De acordo com a Portaria nº 196, de 11 de dezembro de 2020, NÃO haverá restrição de tráfego no período da operação, de 2 à 6 de junho.

Dicas para uma viagem segura

  • Vai pegar a estrada nesse período? Atente-se para algumas das principais orientações da PRF para reduzir o risco de acidentes e evitar multas desnecessárias.
  • Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Faróis acesos para ver e ser visto; pneus calibrados e em bom estado; motor revisado, com óleo e nível da água do radiador em dia. Não esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de para-brisa e luzes do veículo.
  • Não esquecer também da cadeirinha, no caso de transporte de crianças.
  • Observar as placas que indicam os limites de velocidade e as condições de ultrapassagem. Elas não foram colocadas naquele ponto da rodovia sem motivo. Nos trechos em obras, o motorista deve reduzir a velocidade e obedecer a sinalização local. Os condutores também devem redobrar a atenção em cruzamentos e áreas urbanas e jamais desviar a atenção do trânsito.
  • Se não possuir CNH ou estiver com o documento suspenso ou ainda se fez uso de bebida alcoólica, não dirija. Nestes casos, pense em utilizar transportes alternativos como os carros de aplicativos, táxis, ônibus.
  • Essas pequenas condutas, além de evitarem multas, podem salvar vidas e tornar a viagem ainda mais segura e tranquila.

Para os dias chuvosos

A PRF estará atenta ao comportamento dos motoristas em pista molhada. Dirigir nessa época do ano no estado, marcado por chuvas, exige cuidado redobrado.

Para os dias chuvosos, a PRF orienta aos motoristas transitar com velocidade moderada, sempre a direita da via, acender os faróis (baixo), manter distância segura do outro veículo que segue a sua frente, evitar manobras e freadas bruscas.

A Polícia Rodoviária Federal deseja um bom feriado a todos e reforça que o condutor deve manter atenção constante ao trafegar no trânsito. Muitos são os fatores que podem contribuir para acidentes graves e muitas vezes fatais. Um segundo de desatenção é o suficiente para acarretar graves consequências para condutores, passageiros e pedestres.

Para informações, denúncias, comunicação de crimes e acidentes a PRF dispõe do número de emergência 191. A ligação é gratuita e atende 24 horas em qualquer parte do País.

As informações são de Bem Paraná

Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

ANAC homologa resultado da 6ª rodada de leilões de aeroportos

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) aprovou, nesta terça-feira, 1, a proposta da Comissão Especial de Licitação (CEL) para homologação do resultado do processo licitatório da 6ª rodada de concessão. O leilão foi realizado no dia 7 de abril, em São Paulo.

Com a homologação, a ANAC oficializou o resultado do leilão:

A Companhia de Participações em Concessões (CPC) foi confirmada como vencedora de dois blocos de aeroportos. O Bloco Sul, formado pelos aeroportos de Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Navegantes (SC), Londrina (PR), Joinville (SC), Bacacheri (PR), Pelotas (RS), Uruguaiana (RS) e Bagé (RS), foi arrematado por R$ 2,1 bilhões, com ágio de 1.534,36% em relação ao lance mínimo inicial de R$ 130,2 milhões.

A empresa também administrará o Bloco Central, formado pelos aeroportos de Goiânia (GO), São Luís (MA), Teresina (PI), Palmas (TO), Petrolina (PE) e Imperatriz (MA). Esses aeroportos foram arrematados por R$ 754 milhões, valor que representou ágio de 9.156,01% sobre o lance mínimo inicial de R$ 8,1 milhão.

A Vinci Airports, que atualmente administra o Aeroporto de Salvador (BA) foi referendada como vencedora do Bloco Norte, integrado pelos aeroportos de Manaus (AM), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Cruzeiro do Sul (AC), Tabatinga (AM), Tefé (AM) e Boa Vista (RR). A empresa pagou R$ 420 milhões pelos sete aeroportos do bloco, com ágio de 777,47% em relação ao lance mínimo inicial de R$ 47,8 milhões.

A Diretoria Colegiada da ANAC definiu também as datas dos eventos finais do leilão. De acordo com o cronograma atualizado, a assinatura do contrato de concessão com as concessionárias vencedoras está prevista para 3 de setembro de 2021.

As informações são de Aeroin

Destaques, Geral, Paraná,

Com tecnologia e investimentos, Polícia Científica do Paraná é referência no País

No Paraná centenas de famílias vivem diariamente o drama de ter um parente, um amigo, um conhecido desaparecido. Como receber a notícia de que um corpo, ou mesmo restos mortais, pode ser da pessoa que você perdeu e não tinha, até então, ideia do que havia acontecido? Como cruzar todas as variáveis possíveis, peças de um quebra-cabeça complexo, por meio de provas, perícias, evidências e das novas tecnologias, na busca por um desfecho, um nome, um rosto, uma identidade? A resposta está na ciência, mais especificamente na Ciência Forense.

Ligada à Secretaria de Segurança Pública do Paraná, a Polícia Científica comanda as perícias de criminalística e o Instituto Médico-Legal. A PCP atende todo o sistema de Justiça, como o Ministério Público, Tribunal de Justiça, Justiça Federal, Polícia Federal, Secretaria de Justiça, Trabalho e Família do Estado, dentre outros órgãos, prestando aproximadamente 100 mil serviços de Criminalística e Medicina Legal por ano.

De acordo com o secretário de Estado da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, o desenvolvimento constante da Polícia Científica beneficia, além da instituição, toda a sociedade e, por isso, é uma das prioridades da pasta. “Nós estamos trabalhando para que a Polícia Científica do Paraná seja a melhor do Brasil”, afirma.

“A Polícia Científica do Paraná ilumina o caminho daqueles que buscam a verdade e a justiça pela ciência. A PCP foi cunhada pelas mãos dos mesmos fundadores da Universidade Federal do Paraná, portanto ela tem um cunho extremamente científico desde seus primórdios, com o perito e fundador da UFPR, doutor Victor Ferreira do Amaral”, explica o diretor-geral da Polícia Científica do Paraná, Luiz Rodrigo Grochocki.

Ele afirma que o trabalho é feito totalmente em cima de provas objetivas e métodos científicos. “Não tem dado subjetivo, o que dá robustez à prova. Nós fazemos pesquisas com instituições de ensino e pesquisas nacionais e internacionais, buscando sempre o que existe de mais atual de método científico. Nossas próximas sedes estarão dentro das universidades porque nós entendemos que a nossa origem e fonte de conhecimento é Academia, em todas as áreas da ciência”, ressalta o diretor-geral.

A técnica forense age nos processos de modo científico, utilizando métodos reconhecidos mundialmente na busca da resolução de atos criminosos. São da alçada das Ciências Forenses a Antropologia Forense, a Toxicologia Forense, a Química Forense, a Engenharia Forense, a Psicologia Forense, dentre outras.

“A atividade da Polícia Científica traz luz à investigação, desnuda provas ocultas ao olhar do leigo em ciências forenses. Torna visíveis vestígios humanamente impossíveis de se enxergar sem o olhar atento do perito criminal, traduz os sinais cadavéricos pela medicina legal”, reforça Grochocki.

O secretário da Segurança Pública ratifica que o trabalho da Polícia Científica é essencial na elucidação de crimes. “A Polícia Científica do Paraná assume o papel fundamental na resolução de crimes por meio de diversas formas e técnicas de identificação de criminosos. Nosso Estado está em destaque nesta área, nossa Científica é referência nacional. A Secretaria de Segurança Pública do Estado pretende continuar investindo em tecnologia e em pessoal a fim de aumentar a excelência do trabalho, essencial para sociedade”, acrescenta.

Instituto Médico Legal – O trabalho do Instituto Médico Legal, um dos braços da Polícia Científica, consiste em fornecer laudos técnicos, embasados na medicina legal, com a finalidade de contribuir para o julgamento de causas criminais. Além do trabalho de necropsia, popularmente conhecido como autópsia, o IML do Paraná conta com diversos laboratórios científicos no trabalho de identificação de corpo, por meio das ciências forenses.

O IML é composto hoje por 18 sedes em todo o Estado e cada uma delas tem uma equipe de médicos legistas que atua no exame de necropsia para o apontamento da causa da morte. O exame é indispensável para o entendimento da circunstância do crime ocorrido.

“A medicina legal coleta vestígios que estão no corpo da vítima. Essa coleta pode levar a uma evidência, ou a identidade do acusado. O caso da Rachel Genofre é um exemplo. A solução veio anos depois, por meio do banco de DNA, mas graças também ao trabalho feito pelo perito na coleta dos vestígios no corpo da vítima”, explica o diretor do Instituto Médico Legal do Paraná, André Ribeiro Langowiski.

Criminalística – Assim como o trabalho do IML é essencial no funcionamento da Polícia Científica, o Instituto de Criminalística é um braço imprescindível no trabalho integrado.

“O objetivo do trabalho do Instituto de Criminalística consiste em explicar o que aconteceu, ou seja, a materialidade do crime, bem como quem o cometeu, a autoria”, explica o diretor do Instituto de Criminalística, Mariano Schaffka Netto.

O perito reforça ainda que é gratificante utilizar o conhecimento científico para permitir que o Poder Judiciário faça justiça no caso concreto. “É através de nossos laudos que o Juiz não só decide se a pessoa deve ser punida ou não, mas também o quantum de pena que a conduta praticada merece, após a reconstrução da mesma através da ciência”, explica.

Com profissionais preparados, estruturas sempre em atualização e métodos reconhecidos mundialmente, o trabalho dos peritos criminais da Polícia Científica do Paraná é hoje reconhecido no País e tornou-se referência na área da Ciência Forense.

Em abril de 2021, quatro unidades da Polícia Científica que prestavam atendimentos somente de medicina legal passaram a contar com os serviços do Instituto de Criminalística. Os serviços estão nas sedes de Jacarezinho, União da Vitória e Paranavaí e Apucarana. Um avanço na resolução de crimes nessas regiões que necessitavam de perícia técnica.

O Governo do Estado fez também investimentos equipamentos e na contratação de profissionais especializados. Os peritos atuam no atendimento em locais de morte, perícias em objetos e veículos envolvidos em crimes, entre outros.

Outra iniciativa recente é a possibilidade de compartilhamento do laboratório multiusuário de patologia forense do IML com o Complexo Hospitalar do Trabalhador (CHT). O local é responsável, entre outros exames, pelo apontamento da causa ou momento da morte de uma pessoa, muito importante para elucidação de casos de homicídios.

O acordo inclui a disponibilização do espaço físico e dos equipamentos cedidos pela Polícia Científica e, em contrapartida, o CHT vai ceder quatro patologistas e um técnico de laboratório de patologia para realização dos exames anatomopatológicos, tanto do Instituto Médico Legal (IML) quanto do CHT.

As informações são de Agência de Notícias do Paraná

Destaques, Geral, Paraná,

Chuvas voltam de forma irregular no Paraná após abril mais seco da história

Depois do abril mais seco da série histórica, o mapa de chuvas do Paraná retomou o ciclo esperado em maio, com precipitações irregulares e pouco abaixo da média em boa parte dos municípios, marcas registradas do inverno paranaense. Nas 13 cidades analisadas pelo Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar), a pedido da Agência Estadual de Notícias (AEN), a chuva acumulada no mês passado foi de 1.119,4 milímetros (mm) – 72,4% do previsto para o período (1.546 mm).

Ainda assim, o volume é 203% superior ao registrado em abril, considerando o mesmo conjunto de cidades (369 mm). “Voltamos à tradicional irregularidade, na espera da entrada de uma frente fria que traga chuva. Aí vem uma massa de ar seco e bagunça tudo”, afirma o meteorologista do Simepar, Lizandro Jacóbsen.

Ele explica que, em maio, a precipitação ficou mais concentrada nas regiões Leste e Norte do Estado. Cidades como Curitiba, Guaratuba, Cambará, Londrina e Maringá conseguiram superar a média. Ponta Grossa ficou bem perto da marca. As regiões mais a Oeste, Sudoeste e Noroeste, porém, conviveram com dias mais secos. Em Cascavel, por exemplo, choveu apenas 18% do esperado – 27 mm ante uma expectativa de 150 mm.

“O período é tão irregular que algumas cidades só conseguiram atingir ou chegar perto da média com as chuvas do último fim de semana, como foram casos de Londrina e Maringá. A maior parte do mês foi de tempo seco”, destaca o meteorologista.

Como consequência da estiagem, o Governo do Estado decretou no mês passado nova situação de emergência hídrica na Região Metropolitana de Curitiba e no Sudoeste do Estado. O decreto 7.554/21 tem validade de 90 dias e é assinado um ano após medidas semelhantes terem sido adotadas para minimizar os impactos da crise hídrica, que se estende há pelo menos dois anos.

Na semana passada, por sua vez, o Conselho de Monitoramento do Setor Elétrico recomendou à Agência Nacional da Água (ANA) que seja reconhecida a situação de escassez hídrica na Bacia do Rio Paraná. Em nota, o Conselho informa que é crítica a situação hidrológica da bacia com estiagem prevista para os próximos meses.

No setor de abastecimento público, essa previsão também afeta a região Sudoeste. Atualmente, Pranchita e Santo Antônio do Sudoeste estão com rodízio no sistema de abastecimento de água.

Previsão – Ainda de acordo com o Simepar, a expectativa é que em junho a precipitação também siga irregular, acompanhando o desempenho de maio. Ou seja, abaixo da média histórica na maior parte do Estado. “A tendência de entrada de frente fria, com possibilidade de chuva, é mais para domingo ou segunda-feira, dias 6 e 7”, destaca o meteorologista.

Busão Foz, Cascavel, Destaques, Foz do Iguaçu, Geral,

Policiais apreendem pistolas, carregadores e munição dentro de ônibus de linha, em Cascavel

Arsenal foi encontrado na noite desta segunda-feira (31), após abordagem ao ônibus, que saiu de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, com destino a São Paulo (SP)

A Policia Rodoviária Federal (PRF), durante operação em conjunto com a Polícia Civil, apreendeu, na noite dessa segunda (31), pistolas, carregadores e munição dentro de um ônibus, em Cascavel, no oeste do Paraná.

De acordo com a PRF, o arsenal foi localizado após abordagem ao ônibus de linha, que saiu de Foz do Iguaçu com destino a São Paulo (SP).

Dentro do banheiro do ônibus, foram encontradas quatro bolsas escondidas, contendo:

2 pistolas semi-automáticas de origem turca;
11 carregadores para fuzil;
4 carregadores para pistola;
mais de 700 cápsulas de munição utilizadas em armas de grosso calibre, como fuzis automáticos e carabinas.
Segundo a PRF, os passageiros foram identificados, e a lista foi encaminhada à Polícia Civil de Cascavel para investigação dos proprietários.

Veja mais em G1 Globo

Geral, Paraná,

3 mil famílias de Araucária Recebem Cartões Alimentação

A GERAR (Geração de Emprego, Renda e Apoio ao Desenvolvimento Regional) atenderá cerca de 3.000 famílias vulneráveis de Araucária, na região metropolitana de Curitiba, com a entrega de cartões alimentação no valor de R$ 120 por mês. O objetivo é o combate à fome, tendo em vista os problemas sociais e econômicos agravados com a pandemia do coronavírus.

A ação acontece nesta terça-feira, dia 1° de junho, com recursos provenientes de doação da Petrobras SA, que atua em Araucária com a REPAR (Refinaria Presidente Getúlio Vargas).

Os cartões serão entregues às famílias de Araucária em situação de extrema vulnerabilidade e risco social. Cada família beneficiada receberá o benefício por três meses.

As famílias foram identificadas pela Secretaria de Assistência Social do município por meio do CadÚnico. A Secretaria, em parceria com a GERAR, fará o chamamento e a entrega dos cartões aos beneficiados nos CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) das comunidades onde as famílias residem e já são acompanhadas.

Ainda serão atendidos cerca de 155 ex-participantes do Projeto Alvorocer II, realizado pela GERAR até o fim de 2019 com patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental. O programa qualificou jovens e adolescentes do município no curso de Auxiliar de Gastronomia.

O presidente do Conselho Diretor da GERAR, Francisco Essert, destaca a sensibilidade da Petrobras em atuar no combate à fome, com o aporte de recursos para o desenvolvimento da ação. Segundo ele, iniciativas como essa são imprescindíveis em um momento tão difícil. “É uma satisfação muito grande ajudar neste momento de pandemia e minimizar os impactos às famílias. Optamos pelos cartões alimentação para dar a possibilidade de as pessoas escolherem os itens que irão compor sua alimentação. Assim, também haverá fomento do comércio local das comunidades onde vivem”.

De acordo com Essert, para que a ação pudesse ser realizada, além dos recursos da Petrobras, foi fundamental a parceria com a Prefeitura e Secretaria de Assistência Social.

Essert destaca que a GERAR atua há anos em Araucária, com diferentes projetos e com o programa Aprendiz Legal e estágios, capacitando e inserindo jovens no mercado de trabalho.

Gerar
A GERAR é uma entidade sem fins lucrativos criada em 2003, com sede em Curitiba-PR e subsedes e polos em diversas cidades do Paraná e Santa Catarina, que atua com o programa Aprendiz Legal e estágios, capacitando e inserindo jovens no mercado de trabalho. Além disso, desenvolve diferentes projetos voltados à geração de emprego e renda e ao combate de problemas sociais.

Serviço

Quando: Hoje, dia 1° de junho
Horário: 13h30
Local: Associações de Moradores do Jardim alvorada –  Rua Aleixo Traucnzk n14

Coronavírus em Foz do Iguaçu, Foz do Iguaçu, Geral,

Veículos estrangeiros burlam barreiras sanitárias na Vila Portes

Na semana passada o Foztrans mudou de lugar as barreiras sanitárias de concreto instaladas na Vila Portes, para impedir que veículos estrangeiros entrem em Foz do Iguaçu se passar pela fiscalização. No início da manhã desta terça-feira, veículos com placas paraguaias foram flagrados burlando essas barreiras.

Na tentativa de entrar na cidade, paraguaios estão passando pelo canteiro central na rua marginal à BR 277. As barreira também foram alvo vandalismo, com fogo e pichação.

O concreto instalado na Avenida Beira Rio e Rua Fagundes Varela, impedem que os veículos vindos do Paraguai acessem o município sem passar pela fiscalização do Foztrans e Guarda Municipal.

Já moradores e comerciantes do Jardim Jupira devem fazer o retorno pelo Viaduto da Avenida Juscelino Kubitschek para sair do bairro.

A Guarda Municipal informou que faz fiscalizações volantes e que motoristas que estão infringindo o decreto poderão ser penalizados com as sansões previstas no Código de Trânsito Brasileiro.

As informações são de Radio Cultura

Brasil, Destaques, Geral,

1° de junho, Dia da Imprensa

Nesta terça-feira, 1° de junho, é comemorado o Dia Nacional da Imprensa. Até 1999, a data era lembrada em 10 de setembro, dia em que começou a circular “A Gazeta”, primeiro jornal publicado no Brasil.

A celebração teve a data alterada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que definiu como 1°de junho o Dia da Imprensa, pois foi nessa data que se publicou o “Correio Braziliense”, jornal editado na França e com circulação no Brasil que visava informar a população brasileira sobre os acontecimentos na Europa.

O time Cabeza News deseja tudo de bom aos profissionais da imprensa.

Brasil, Destaques, Geral,

Mulheres: Já nascemos corajosas!

Lydia Luyza Gandolfi Cardoso

Somos todas Bertha Lutz, Simone de Beauvoir, Carlota Pereira de Queiroz (eleita a primeira deputada do Brasil)… Dentre tantas!

Em 1827, por meio de uma lei, as mulheres brasileiras foram autorizadas a frequentar a escola. No entanto, a lei garantiu acesso apenas às escolas elementares. O mundo era dos homens…

No mundo, o movimento feminista surgiu como uma forma de reivindicar o acesso à educação e muitos outros direitos básicos. As origens do movimento estão atreladas aos acontecimentos da década de 1960. Nesta época, com o surgimento da pílula anticoncepcional, as mulheres conquistaram maior autonomia sexual.

Escritoras como Simone de Beauvoir e Betty Friedan ganharam espaço por buscarem desconstruir o papel então convencionado para a mulher na sociedade. O mundo ainda era dos homens…

Um caso emblemático desse período aconteceu no dia 7 de setembro de 1968, quando centenas de mulheres de várias partes dos Estados Unidos saíram às ruas de Atlantic City e protestaram contra os estereótipos femininos e a “ditadura da beleza”. A ideia era fazer uma queima coletiva de sutiãs. No entanto, o plano não foi concretizado. O mundo ainda era dos homens…

Em 1961, a comercialização da pílula anticoncepcional causou uma revolução de costumes e liberdade sexual. A pílula foi desenvolvida por dois médicos americanos, Gregory Pincus e Carl Djarassi, com incentivo da feminista e ativista social Margaret Sanger e financiamento de Katharine McCormick, uma rica herdeira industrial. O mundo ainda era dos homens…

O histórico da maioria das sociedades que nos antecederam restringe o papel da mulher como reprodutora e cuidadora do lar, sempre sendo “protegida” pelo homem. Como a mulher nunca trabalhava por estar sempre cuidando dos filhos e das responsabilidades da casa, o homem, por sua natureza maior fisicamente e mais forte, assumiu o papel de provedor e protetor da família.

Com a evolução dessas sociedades sendo baseada no núcleo familiar dito patriarcal, o homem alcançou posições mais privilegiadas e papéis mais importantes do que a mulher, com isso as mulheres foram ficando cada vez mais diminuídas no que diz respeito a posição que ocupavam na sociedade, sendo submetidas a mero objeto de posse masculina, a criação da mulher era baseada em sempre respeitar um “macho alfa” dentro do núcleo familiar, primeiro pai, depois o marido e, se caso enviuvassem, o filho mais velho,que tomaria as rédeas da família.

As mulheres, na política, representam hoje 5,7% do total dos prefeitos eleitos, e 11,61% dos vereadores. No Congresso Nacional, a bancada feminina é composta por cinco senadoras e trinta e quatro deputadas federais. No poder Judiciário, uma mulher passa, pela primeira vez, a ocupar uma vaga de ministra do STF (Supremo Tribunal Federal). Ainda é MUITO pouco, e entender a evolução histórica do papel feminino, explica tudo!

Hoje, as mulheres representam 44% do mercado de trabalho, mas recebem remuneração 41,3% menor que a dos homens. E isso se dá apesar de 42% delas já terem concluído o 2º grau; esse índice, entre os homens, é de 26%, segundo dados do DIEESE. Na área rural, as mulheres conquistaram o direito ao título da terra, antes destinado apenas ao homem.

Temos mais um milhão de mulheres jovens grávidas todos os anos e uma mulher sofre uma agressão a cada quatro minutos. Apavorante não é? Mas é tão “simples” deixar o lar… Como dizem por ai em páginas falsas sobre empoderamento… A realidade não é, e nunca será a mesma para toda a população feminina.

São dados da CPI da Violência Contra a Mulher, do Congresso Nacional. E, segundo dados da Sociedade Mundial de Vitimologia, 23% das mulheres brasileiras estão sujeitas a algum tipo de violência doméstica 2021, ainda somos questionadas diariamente sobre nossa capacidade para exercer funções de chefia, ainda ouvimos comentários como “saiu com quem para estar sentada ai”, ou “ onde está o seu chefe?”, o mundo ainda é dos homens. . Algumas mulheres por idolatria a vida de conforto e riqueza abrem mão de sua própria identidade. Não raras vezes apresentam-se, simplesmente, como esposa do senhor fulano de tal sem, sequer, mencionar o próprio nome.

Em pleno século XXI, ainda não é possível dizer que a mulher encontra-se socialmente em igualdade de condições com o homem. É inegável que houveram inúmeras conquistas e que a situação de jugo do homem sobre a mulher diminuiu consideravelmente. Atualmente há meninas estudando no Colégio Militar, como em minha cidade, Curitiba PR, reduto tradicionalmente masculino, mas ainda há escolas, como o Colégio São Bento, que não as admitem em suas salas de aula, a despeito do que preceitua nossa lei maior. Dá pra acreditar?

Há mulheres nas forças armadas, mas suas carreiras não atingem os postos mais elevados. Elas estão competindo, em todas as carreiras, com os homens, por um lugar ao sol no mercado de trabalho, mas a média de salários das mulheres é bastante inferior à dos homens, ainda que ocupantes dos mesmos cargos.

Fica a reflexão para iniciarmos a segunda feira, motivadas. Corajosas já somos de nascença! Herdamos de nossas mães, mulheres muito mais corajosas do que nós!

• LYDIA LUYZA GANDOLFI CARDOSO, 23, é Acadêmica de Direito e atua no ramo de mídias sociais na Capital do Estado.