Browsing Category

Mundo

Leia as últimas notícias do Mundo no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Mundo,

E agora? China detecta coronavírus em peixe importado do Brasil

O governo chinês disse ter encontrado coronavírus em um pacote de peixe congelado da empresa brasileira Monteiro Indústria de Pescados Ltda.

A Associação Brasileira das Indústrias de Pescados afirmou que o caso é isolado e que ainda carece de confirmação.

Segundo a alfândega chinesa, o país asiático deve suspender por uma semana a importação dos peixes congelados da empresa brasileira.

Por: O Antogonista

Destaques, Foz do Iguaçu, Mundo,

Ataques do 11 de setembro completam 19 anos. Lembra onde estava no momento em que tudo começou?

Os ataques ou atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, que derrubaram as torres gêmeas do World Trade Center, símbolo do capitalismo mundial em Nova Iorque (EUA), completa 19 anos nesta sexta-feira (11).

A série de ataques suicidas contra os Estados Unidos, que teria sido coordenados pela organização fundamentalista islâmica al-Qaeda, ocorreu em 11 de setembro de 2001.

Na manhã daquele dia, dezenove terroristas sequestraram quatro aviões comerciais de passageiros, dois atingiram as estruturas, que acabaram caindo em poucos minutos.

O terceiro avião de passageiros colidiu contra o Pentágono, a sede do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, no Condado de Arlington, Virgínia, nos arredores de Washington, D.C..

O quarto avião caiu em um campo aberto próximo de Shanksville, na Pensilvânia, depois de alguns de seus passageiros e tripulantes terem tentado retomar o controle da aeronave dos sequestradores.

Quase três mil pessoas morreram durante os ataques, incluindo os 227 civis e os 19 sequestradores a bordo dos aviões. A maioria das vítimas eram civis, incluindo cidadãos de mais de 70 países.

Bin Laden, apontado como mentor intelectual dos ataques, morreu no dia 2 de maio de 2011 após ser capturado e morto em um esconderijo na cidade paquistanesa de Abbottabad.

Será que o leitor lembra onde estava no momento em que começaram os ataques ao World Trade Center? Conte nos comentários abaixo!

Destaques, Foz do Iguaçu, Mundo,

Israel/Paraguai: Detalhes do acordo para enviar palestinos a América do Sul após revelação da guerra de seis dias

A Guerra dos Seis Dias, em 1967, transformou Israel em um império. O território sob seu controle se multiplicou, o orgulho nacional estava no auge, mas os problemas também.

Naquela guerra, “Israel ficou muito feliz em tomar sua pátria histórica, mas as Colinas de Golan, Jerusalém, Judéia e Samaria (Cisjordânia) e a Faixa de Gaza também trouxeram outro desafio”, diz um artigo publicado pela Rádio Nacional de Israel (Kan) que revela detalhes até hoje desconhecidos da história do Estado de Israel.

A população árabe sob controle israelense triplicou, acrescentando um milhão de novos residentes, alguns deles refugiados que fugiram ou foram deportados durante a Guerra da Independência.

O plano paraguaio foi concebido no gabinete do primeiro-ministro Levy Eshkol, e ele não foi o único que procurou dar uma solução para o “problema” que a população palestina representava para o Estado de Israel.

Israel trabalhou em uma série de planos particularmente malsucedidos para mover palestinos de Gaza para a Cisjordânia.

Leia mais em: Agência AJN

Destaques, Foz do Iguaçu, Mundo,

Tio de brasileira morta por carro-bomba em atentado em 2014 reviveu trauma com explosão no Líbano

Adolescente Malak Zahwe, nascida em Foz do Iguaçu, foi vítima de atentado terrorista em Beirute no ano de 2014; para os parentes, a tragédia desta semana trouxe de volta a lembrança da violência no país

Assim que ouviu o barulho da explosão na zona portuária de Beirute na última terça-feira (4), uma lembrança traumática veio à cabeça de Bahjat Zahwe, revela Alfredo Mergulhão, na Época.

O comerciante, de 49 anos, é tio da adolescente brasileira Malak Zahwe, morta em um atentado terrorista provocado por um carro-bomba na mesma cidade, em 2 de janeiro de 2014.

Explosões atingem a área portuária de Beirute

“Aconteceu com a gente, nós perdemos nossa sobrinha em uma explosão. Então sempre pensamos nisso. Sempre que qualquer coisa desse tipo acontece nós lembramos dela. É muito difícil perder alguém da família desse jeito”, disse Bahjat.

Malak morreu aos 17 anos no ataque terrorista a um centro comercial situado na área controlada pelo Hezbollah, no subúrbio de Beirute.

A jovem provava roupas em uma loja com a madrasta, também morta na ocasião.

Além das duas, outras cinco pessoas morreram no atentado cuja autoria foi reivindicada pelo Estado Islâmico.

Continue lendo na Época

Foz do Iguaçu, Mundo,

Líbano ordena prisão domiciliar para autoridades do porto de Beirute, onde ocorreu a explosão

Tragédia teria ocorrido porque material químico foi armazenado de modo incorreto por anos

O governo libanês determinou nesta quarta (5) que as autoridades do porto de Beirute responsáveis pelas operações de armazenamento e segurança sejam colocados em prisão domiciliar. Diz a Folha de S.Paulo que não foi informado quantas pessoas serão alvo dessa medida.

A suspeita é de que a negligência dessas autoridades tenha contribuído para a megaexplosão ocorrida em Beirute na terça (4), que matou ao menos 135 e feriu mais de 5.000 pessoas.

O número de vítimas deve aumentar, pois são feitas buscas em meio aos
escombros e há suspeitas de que corpos foram lançados ao mar.

O governo atribuiu a tragédia ao armazenamento incorreto de 2.750 toneladas de nitrato de amônio, um fertilizante com alto poder explosivo.

O Brasil abriga uma grande número de cidadãos e descendentes de países árabes, especialmente do Líbano.

Foz do Iguaçu, na fronteira do Brasil com Paraguai e Argentina, tem a segunda maior concentração de árabes do país.

Continue lendo na Folha de São Paulo

Destaques, Foz do Iguaçu, Mundo,

Bolsonaro presta solidariedade às vítimas das explosões na área portuária de Beirute, no Líbano

Profundamente triste com as cenas da explosão em Beirute. O Brasil abriga a maior comunidade de libaneses do mundo e, deste modo, sentimos essa tragédia como se fosse em nosso território. Manifesto minha solidariedade às famílias das vítimas fatais e aos feridos.

Do presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais. A série de explosões no início da tarde desta terça-feira (04), deixou dezenas de mortos e apreensiva a comunidade árabe de Foz do Iguaçu, a segunda maior do Brasil, atrás apenas de São Paulo.

Destaques, Mundo,

Grandes explosões atingem a área portuária de Beirute e deixam ao menos 10 mortos. VEJA VÍDEOS!

Origem teria sido armazém de explosivos; ainda não se sabe o que o que motivou o incidente

Duas grandes explosões atingiram na tarde desta terça-feira (4) a cidade de Beirute, capital do Líbano. Segundo as autoridades locais, ao menos dez pessoas morreram e um grande número de pessoas ficou ferido.

Ainda não há detalhes sobre o que motivou o incidente. As explosões ocorreram na área portuária da cidade, onde ficam diversos armazéns.

Duas fontes de segurança e a agência de notícias estatal NNA afirmam que a origem da explosão foi justamente um armazém de explosivos na região, que antes estava pegando fogo — não há informação se o incêndio foi proposital e qual o tipo de explosivo que havia no local.

Vídeos nas redes sociais mostram uma grande nuvem de fumaça na capital e imagens de prédios destruídos.

De acordo com a rede de TV Al Arabiya, as explosões foram ouvidas por toda a cidade e ao menos uma delas teria ocorrido nas proximidades da residência do ex-premiê Saad Hariri. A informação não foi confirmada oficialmente.

Ele postou uma foto em uma rede social logo após as explosões, indicando que está bem e que não ficou ferido na ação.

Segundo testemunhas ouvidas pelo canal, construções que ficam a quilômetros de distância da explosão foram atingidas.

“Vi uma bola de fogo e fumaça sobre a cidade. As pessoas gritavam e corriam, sangrando. Varandas foram arrancadas dos prédios. Vidros de prédios altos caíram nas ruas”, disse uma testemunha à Reuters.

A fragata brasileira Independência, nau capitânia da Unifil (Força Interina das Nações Unidas no Líbano), não estava no porto de Beirute na hora daexplosão. Ela está no Mediterrâneo, patrulhando a região.

A embarcação leva cerca de 200 marinheiros. A Unifil foi criada em 2006 para verificar a retirada israelense do sul do Líbano e evitar o contrabando de armas por via marítima, após um dos inúmeros embates entre as duas partes nas últimas décadas.

Ela foi a primeira força da ONU a contar com uma missão naval, que é comandada pelo Brasil desde 2011.

Veja mais em: Folha de São Paulo

Mundo, Saúde,

Ciudad del Este registra 704 casos confirmados de Covid-19

O departamento paraguaio de Alto Paraná registrou 929 casos confirmados de Covid-19, segundo o boletim do Ministério da Saúde divulgado na noite de segunda-feira (29).

Destes, 704 são de Ciudad del Este, sendo 57 nas últimas 24 horas.

O número na cidade aumentou após a confirmação de casos da doença dentro da Penitenciária Regional. Em sete dias, 573 casos foram confirmados em duas penitenciárias.

Do total de casos nas cidades do departamento de Alto Paraná, 691 estão ativos, sendo 151 contágios importados e e 778 comunitários.

As informações são da Rádio Cultura

Destaques, Eleições 2020 em Foz do Iguaçu, Mundo,

Aumento de casos de Covid-19 na fronteira com Brasil deixa Paraguai em alerta

O Paraguai estava em alerta após um aumento do número de casos de Covid-19 – coincidindo com a chegada do inverno -, com dois mortos e mais de duas centenas de infectados em um dia, a maioria em Ciudad del Este, na fronteira com o Brasil.

“Estes números representam uma bandeira vermelha para todos”, disse neste domingo o ministro da Saúde, Julio Mazzoleni. O Paraguai é o país com menor número de vítimas fatais da pandemia, totalizando 15. O número de infectados chega a cerca de 2 mil.

Mazzolino alertou para o desinteresse paulatino da população em manter os protocolos: “Ao vir para meu gabinete hoje, reparei que metade das pessoas não usavam máscara.”

As aglomerações são a principal forma de contágio, segundo autoridades sanitárias, que anunciaram 231 casos nas últimas 24 horas. A Igreja Católica (80% da população) celebrou missas hoje com as pessoas dentro de seus carros, para preservar o distanciamento.

“Queremos dar uma resposta à necessidade dos fiéis de comunhão direta, o que não conseguem há 100 dias devido à pandemia”, disse o arcebispo de Assunção, monsenhor Edmundo Valenzuela. Os interessados em comungar acenderam os faróis de seus carros e padres se aproximaram dos veículos, reunidos em um estacionamento do aeroporto internacional Silvio Pettirossi para uma missa.

Por: Istoé

Destaques, Mundo,

Comércio de Ciudad del Este perdeu 95% das vendas com a pandemia da Covid-19

O volume de vendas no centro comercial de Ciudad del Este é de aproximadamente 5% da média mensal de US$ 400 milhões (cerca de R$ 2,2 bilhões) comercializada antes da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). O prejuízo neste ano já é superior a US$ 1 bilhão.

A estimativa é do presidente da Câmara de Comércio, Juan Vicente Ramirez, ao dimensionar o prejuízo do setor. A reabertura foi autorizada no final de maio, mas apenas para consumidores locais, uma vez que as fronteiras permanecem fechadas. 

O centro comercial de Ciudad del Este, um dos mais importantes do Paraguai, é formado por aproximadamente 4,7 mil estabelecimentos comerciais constituídos. Aproximadamente 60% permanece com as instalações físicas fechadas, índice que pode chegar a 80%, avalia Ramirez. “Tem shopping inteiro fechado, o Paris e o Del Este continuam totalmente fechados, uma tristeza”.

“Na verdade, é enorme o prejuízo que está dando esse fechamento de fronteira”, contou o dirigente classista. De acordo com ele, antes da pandemia, em março, o setor mantinha uma venda mensal de aproximadamente US$ 400 milhões. Hoje, “5% dessa venda conseguimos mandar para o interior do Paraguai. 5% dessa venda, o resto foi perdido”.

Na avaliação do presidente da Câmara de Comércio, o movimento financeiro praticamente esgotou a capacidade de consumo do Paraguai. “Não compensa para muitas empresas abrirem as portas dessa maneira”, analisa.

O alto índice de lojas ainda fechadas e o volume de vendas tão baixo reflete no índice de postos de trabalho fechados em Ciudad del Este. A estimativa é de 75% de aproximadamente 100 mil pessoas que buscavam a região central em busca de renda todos os dias.

“Sem contar hotéis que não estão habilitados ainda, somente funcionam aqueles para saúde, para fazer a quarentena, daí os que não entraram nesse modo não estão trabalhando”. Juan Ramirez lembrou ainda que os restaurantes começaram a trabalhar essa semana, “mas não tem movimento”.

Por: GDia