Browsing Category

Cascavel

Leia as últimas notícias sobre Cascavel no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Cascavel, Coronavírus, Destaques, Saúde,

Covid-19: Cascavel vacina pessoas com comorbidades, mas suspende imunização da Educação

Município informou que doses reservadas para trabalhadores de instituições de ensino se esgotaram. Imunização de pessoas com comorbidades continua nesta sexta-feira (21)

A Prefeitura de Cascavel, no oeste do Paraná, suspendeu temporariamente a vacinação de trabalhadores da educação contra a Covid-19. As doses reservadas para este público se esgotaram na quinta-feira (20).

O município informou que imunização será retomada para profissionais com mais de 45 anos quando novas doses forem distribuídas pela Secretaria de Estado da Saúde.

Apesar disso, a prefeitura informou que continua a vacinação para as pessoas com comorbidades em unidades de saúde que ainda possuem doses da Pfizer disponíveis.

Nesta sexta-feira (21), a vacinação começa às 8h. Podem receber as doses os seguintes grupso:

Pessoas com 18 anos ou mais que possuem doenças crônicas;
Gestantes e mães que deram à luz recentemente que tenham comorbidades;
Pessoas com deficiência cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Continue lendo em G1 Globo

Cascavel, Coronavírus, Destaques, Paraná, Saúde,

Covid-19: Prefeito de Cascavel diz que população passa por ‘teste’ para decidir se decreta medidas restritivas

Grupo de 70 profissionais está avaliando, a partir desta quarta-feira (19), se moradores têm “maturidade” para evitar avanço da Covid-19 sem determinações como o decreto estadual

O Prefeito de Cascavel, no oeste do Paraná, Leonaldo Paranhos (PSC), disse que está testando se a população tem maturidade para agir a fim de evitar o aumento de casos da Covid-19 novamente.

Segundo o prefeito, o comportamento dos moradores está sendo avaliado desta quarta-feira (19) até domingo (23). Após essa análise, será decidido se o município precisa decretar medidas mais restritivas, como as determinadas pelo governo estadual.

“Nós vamos fazer aqui um teste com nós mesmos, vamos fazer um teste da nossa maturidade, da nossa responsabilidade. Vamos fazer um teste do nosso comprometimento com a nossa cidade. O que nós queremos? Chegar ao ponto de ter que tomar medidas drásticas? É muito incômodo”, disse o gestor.

Apesar do período de avaliação proposto, o gestor disse que pode decretar restrições a qualquer momento, caso seja necessário.

Paranhos disse que a responsabilidade sobre amenizar a pandemia não pode ser só do setor público, mas também do econômico e da população.

Sobre a fiscalização que teve início nesta quarta, o prefeito disse que a equipe é formada por 70 pessoas.

“Algumas pessoas vão estar à paisana, vão passar por esses lugares, vão fotografar o comportamento, porque daí, na segunda-feira, com esse documento na mão, nós não teremos nenhuma dificuldade de entender que tem alguns lugares que não querem cumprir, não estão preocupados”, disse o prefeito.

Em entrevista à RPC, o prefeito foi questionado sobre por que está confiando nas atitudes positivas da população para evitar a piora no cenário da Covid-19.

“Olha, eu aposto nisso, né? Apesar que sei que é muito difícil, mas eu acho que desde o início, nós temos tentado em Cascavel trazer o equilíbrio. Não ser um ditador, determinar, por mais necessidade que o momento exige.”

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, até esta quarta-feira, Cascavel registrou 33.594 casos confirmados do novo coronavírus e 687 mortes pela Covid-19.

A 10ª Regional de Saúde de Cascavel apresentou lotação de 97% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto, nesta quarta, conforme dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

“Se nós tivermos novamente o esgotamento da possibilidade de atendimento, quem é que vai estar lá na fila? Não existe milagre, nós temos mais capacidade de atender além daquilo que está aí”, destacou o prefeito sobre a importância da prevenção.

As informações são de G1 Globo

Cascavel, Coronavírus no Paraná, Saúde,

Covid-19: Cascavel vacina pessoas com comorbidades com 18 anos ou mais, na quinta (20)

Imunização será feita das 8h às 12h, nas 42 unidades de saúde do município. Vacinação também continua para gestantes e profissionais da educação

Pessoas com comorbidades que têm 18 anos ou mais serão vacinados contra a Covid-19, nesta quinta-feira (20), em Cascavel, na região oeste do Paraná. A vacinação também continua para gestantes e profissionais da educação.

Até terça-feira (18), Cascavel vacinou 63.640 pessoas, sendo que 35.621 concluíram o esquema vacinal, com a aplicação das duas doses. O grupo das comorbidades deve procurar pela vacina contra a Covid-19, das 8h às 12h, em uma das 42 unidades de saúde do município.

Para receber a dose, é necessário apresentar CPF, documento pessoal com foto, comprovante de residência e laudo que comprove a doença pré-existente. Gestantes e mulheres que deram à luz recentemente com comorbidades também devem procurar pela vacina nas unidades de saúde, das 8h às 12h. Este grupo está recebendo o imunizante da Pfizer.

Deficiência permanente e BPC

Para pessoas com o deficiência permanente, com 30 anos e ou mais, e cadastradas no Beneficio de Prestação Continuada (BPC), a vacinação está sendo agendada pelo município.

A partir de sexta-feira (21), o grupo poderá procurar pelas doses nas unidades de saúde sem a necessidade de agendamento, das 8h às 12h, segundo a prefeitura.

Trabalhadores da educação

Trabalhadores da educação que atuam na rede municipal, estadual e particular, no ensino fundamental, e que tenham a partir de 45 anos, podem se vacinar até sexta-feira. A imunização dos profissionais está acontecendo no Centro de Eventos, das 8h às 17h.

As informações são de G1 Globo

Cascavel, Destaques, Saúde,

Covid-19: Cascavel vacina gestantes com comorbidades na quarta-feira (19)

Mulheres que deram à luz e gestantes com comorbidades serão vacinadas contra a Covid-19 na quarta-feira (19), em Cascavel, no oeste do paraná, segundo a prefeitura

De acordo com o município, pessoas com 45 anos e doenças preexistentes também serão imunizadas. A imunização nesta fase ocorre de forma escalonada por faixa etária, dos 59 até 18 anos. Veja o cronograma abaixo.

Ambos os grupos serão imunizados das 8h às 12h, nas 42 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades de Saúde da Família (USF).

A campanha teve continuidade após a chegada da vacina norte-americana Pfizer, produzida em parceria com o laboratório alemão BioNTech, segundo a prefeitura.

A Secretaria de Saúde de Cascavel informou que irá priorizar a aplicação da vacina americana por causa do vencimento mais curto, de cinco dias, em relação a AstraZeneca.

Conforme a disponibilidade de doses, o município ampliará a imunização nos próximos dias.

De acordo com a prefeitura, os grupos prioritários da vacina da Influenza e demais doses de rotina serão atendidos durante a tarde, na quarta-feira, nas unidades de saúde.

A secretaria informou ainda que a segunda dose contra a Covid-19 para idosos será aplicada no Centro de Eventos, no sistema drive-thru, a partir de segunda-feira (24). A central de vacinas na Unioeste será desinstalada.

Cronograma

Vacina contra a Covid para 45 anos ou mais com doenças crônicas

Horário: 8h e 12h
Dia: 19 maio
Local: nas UBSs e USFs

Vacina contra a Covid gestantes e puérperas com comorbidades:

Horário: 8h e 12h
Dia: 19 maio
Local: nas UBSs e USFs

Vacina contra a Covid para professores rede municipal, estadual e particular (ensino fundamental)

Dias: até 21 de maio
Local: Centro de Eventos
Horário: 8h e 17h (conforme a disponibilidade de doses).

Comorbidades

Para receber a imunização, os pacientes precisam apresentar um documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência e o laudo médico/prescrição com informações da doença preexistente.

Cascavel segue à risca a orientação do Ministério da Saúde e o grupo das pessoas com comorbidades será vacinado por idade.

O Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR) disponibiliza uma plataforma online para os médicos emitirem a declaração de comorbidades. Essa orientação é necessária para os pacientes com comorbidades atendidos pela rede privada.

Segundo a prefeitura, pacientes atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) a comorbidade pode ser comprovada pela unidade, mas é recomendável que seja levado o documento que comprove a situação.

As informações são de G1 Globo

Cascavel, Destaques, Paraná,

Policia Militar deflagra no Oeste operação de combate a crimes de maior risco

Equipes policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope), treinadas para dar suporte às unidades de área da PM nas ocorrências de maior periculosidade, estão na região de Cascavel nesta semana. A Operação Pronta Resposta IV foi lançada nesta terça-feira (18), no Centro da cidade, com a participação do subcomandante-geral da PM, coronel Rui Noé Barroso Torres.

“Com este tipo de operação contamos com um reforço policial de unidades especializadas da Polícia Militar de modo a intensificar o policiamento ostensivo em todas as regiões do Estado para complementar o policiamento já existente, assim como ações de abordagem, bloqueios de vias, entre outras que contribuem para a redução da criminalidade”, disse o coronel.

Cerca de 140 policiais militares e 35 viaturas estarão atuando na região Oeste. Depois, conforme a análise criminal, as equipes serão deslocadas para outros pontos de atenção no Estado. “Esse efetivo vai percorrer todo o Paraná nos próximos 12 dias. Essa operação acontece nas cidades polo de Cascavel, Ponta Grossa, Maringá, Londrina e Pato Branco e depois nas cidades menores dessas regiões”, explicou Torres.

O lançamento da Operação foi acompanhada pelo comandante do 5° Comando Regional, tenente-coronel Sérgio Almir Teixeira, e pelo chefe do Estado-Maior do 5° CRPM, tenente-coronel Marcos Kamakawa. “É muito importante a visão do Comando-Geral da PM para nossa região. O reflexo disso para Oeste e Sudoeste e para os próprios policiais que aqui trabalham, no sentido de somar esforços, é de grande valia. Fortalece cada vez mais a Polícia Militar”, destacou o tenente-coronel Teixeira.

A operação Pronta Resposta foi criada em 2020 e está na sua quarta edição. É composta por policiais militares atuantes no serviço ostensivo preparados para prestar rápido atendimento em ocorrências de maior risco, como assaltos a agências bancárias e explosão de caixas eletrônicos, roubos e outros delitos. As ações têm foco nas regiões com maior índice criminal, de acordo com a análise da Corporação, e serão aplicadas no Paraná gradativamente.

As equipes policiais do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), treinadas para dar suporte às unidades de área da PM nas ocorrências de maior periculosidade estão na região de Cascavel nesta semana. A Operação Pronta Resposta. Confira vídeo que está repercutindo nas redes sociais.

Fotos: PMPR

As informações são de Agência de Notícias do Paraná

Cascavel, Paraná,

Criança é encontrada abandonada dentro de casa em Cascavel, diz Conselho Tutelar

Conforme conselho, pais da criança viajaram e deixaram menino sozinho e sem alimento; ele recebeu comida de uma vizinha que percebeu a situação. Criança foi resgatada nesta segunda (17)

Uma criança foi encontrada abandonada pela família em uma casa de Cascavel, no oeste do Paraná, na manhã desta segunda-feira (17), depois de denúncias para o Conselho Tutelar da cidade.

Segundo o conselho, os pais da criança viajaram para Santa Catarina na última semana e deixaram o menino. Eles não avisaram vizinhos nem deixaram alimentos para a criança comer.

Ao perceber a ausência da família, um casal passou a fornecer comida para a vítima. Eles moram na mesma rua da residência onde foi encontrada a criança, no Bairro Canadá.

O menino foi resgatado e deve ser encaminhado para o programa Família Acolhedora.

Até a publicação desta reportagem, o Conselho Tutelar não havia conseguido contato com os pais da vítima, e a idade da criança não tinha sido confirmada.

As informações são de G1 Globo

Cascavel, Saúde,

Idosos começam a ser vacinados contra a gripe em Cascavel, na segunda (17)

Imunização será feita em 42 unidades de saúde, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h45. Não é preciso agendar horário. Pessoas que se vacinaram contra a Covid-19 devem aguardar 14 dias.

Cascavel, no oeste do Paraná, começará a vacinar idosos contra a gripe, a partir de segunda-feira (17). Essa é a segunda fase da campanha de imunização, que agora chega para pessoas com mais de 60 anos.

As vacinas serão aplicadas nas 42 Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (USF), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h45. Não é necessário agendar horário.

A prefeitura informou que idosos que receberam a vacina contra a Covid-19 precisam aguardar intervalo de 14 dias para tomar o imunizante contra a gripe, seguindo a recomendação do Ministério da Saúde.

Pessoas que estiverem com sintomas gripais devem procurar a vacina apenas após a recuperação, de acordo com o município.

Para receber a vacina contra a gripe, basta apresentar um documento oficial com foto e a Carteira de Vacinação.

Crianças entre seis meses e seis anos incompletos, gestantes, mulheres que tiveram bebês recentemente e profissionais de saúde que ainda não foram vacinados contra a gripe também podem procurar pela dose.

As informações são de G1 Globo

Cascavel, Saúde,

Cascavel não registra óbito por covid nas últimas 24 horas

“Um dia histórico. Para sorrir e celebrar. E também para manter o foco! Se quisermos manter essa escrita, precisamos de responsabilidade, máscara no rosto e passos firmes.

Parabéns aos nossos profissionais da saúde!”, disse o prefeito Leonaldo Paranhos (PSC) ao destacar que Cascavel não registrou nenhum óbito por Covid-19 nas últimas 24 horas.

A cidade já vacinou 54.026 pessoas na primeira dose e 31.986 pessoas na segunda dose.

Cascavel, Justiça,

Justiça absolve ex-vice-prefeito de Cascavel Maurício Theodoro

O juiz de Direito Eduardo Villa Coimbra Campos, titular da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Cascavel, julgou improcedente a ação de improbidade administrativa número 0026937-70.2017.8.16.0021, movida pelo Ministério Público do Paraná contra o ex-vice-prefeito de Cascavel, Maurício Querino Theodoro, e mais duas empresas de telefonia, a AJPF Telecomunicações Eireli ME e a IP COM Comércio de Equipamentos de Telefonia Ltda, por suposto dano ao erário público.

O argumento do MP, derrubado pelo Judiciário, era de que Theodoro e as empresas haviam praticado condutas vedadas em licitações para contratação de serviços de telefonia por parte de entes públicos. O magistrado acolheu defesa impetrada pelo escritório de advocacia Boschirolli & Gallio, de Cascavel, especialista em Direito Público, que provou a inocência de seus clientes e demonstrou inconsistência nas acusações. O B&G atuou em favor da IP COM e de Theodoro, enquanto a AJPF foi representada pelo advogado Everton Seidler.

O MP tentou estabelecer elo entre as duas empresas, sustentando a tese de que Maurício seria artífice de um conluio para driblar a legislação que impede a contratação de empresas vinculadas a gestores públicos e seus parentes diretos, no caso seus filhos. Todavia, ficou provado que ambas as empresas possuem vida própria, são independentes entre si e jamais praticaram qualquer ilegalidade, bem como não existe qualquer elo entre elas ou favorecimento mútuo. A AJPF pertence a Aristides Januário Pereira Filho, enquanto a IP COM tem como donos os dois filhos do ex-vice-prefeito, Fábio Fernandes Theodoro e Heitor Fernandes Theodoro.

Quando apresentou a denúncia à Justiça, o MP supunha que saques de valores financeiros da primeira empresa favoreceriam a segunda, o que foi categoricamente rejeitado durante as diligências do processo. Ficou constatado também que ambas atuam em segmentos distintos no ambiente comercial da telefonia e jamais dividiram clientela, ou participaram de certames licitatórios simultaneamente.

“Restou ao Judiciário reparar uma injustiça que vinha sendo cometida e que causou prejuízos políticos e financeiros a Maurício, seus filhos e à empresa deles, porque, à época, parte da imprensa local e regional embarcou em uma história totalmente fantasiosa e sem o menor fundamento, que buscava criar elos inexistentes e imputar um crime que jamais cometeram”, destacou o advogado Marcos Boschirolli, sócio do escritório de advocacia, diante da sentença publicada no ultimo dia 27 de abril.

Cascavel, Destaques, Economia, Paraná,

Empresas de pedágio receberam R$ 9,9 bilhões a mais por erro de cálculo

A sete meses do m da concessão, as seis concessionárias que administram o Anel de Integração do Paraná podem sair “devendo” quase R$ 10 bilhões aos paranaenses, além de todas as obras não realizadas que foram suprimidas dos contratos assinados em 1997.

Adianta O Paraná que há dez meses cobrando informações sobre o erro de cálculo identicado pela Agepar (Agência Reguladora do Paraná), o deputado estadual Requião Filho (MDB) finalmente descobriu os valores devidos. São exatos R$ 9.930.366.468,74, em valores atuais.

Para se ter ideia do rombo, isso representa 22,5% do total faturado pelas seis pedageiras do início da concessão até dezembro do ano passado, que somou R$ 44 bilhões, em valores corrigidos.

Desse valor, quem mais cobrou além foram a Rodonorte, mais de R$ 6,4 bilhões, o que representa 42,9% do que ela faturou em 23 anos no Paraná (R$ 14,921 bilhões), e a Ecocatatas, quase R$ 1,5 bilhão, equivalente a 23,5% do faturado nesse período, de R$ 6,132 bilhões.

As falhas foram observadas pela própria Agepar, e tratam-se, especialmente, sobre degrau de pista dupla e depreciação, itens que compõem a revisão tarifária anual das concessionárias. Muitas cobraram degrau tarifário sem haver a duplicação.

Continue lendo em O Paraná