Browsing Category

Política

Leia as últimas notícias sobre Política no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Educação, Paraná, Política,

MP recebe denúncia para investigar afastamento de diretores

Profissionais estariam sendo forçados pela SEED a pressionar alunos pelo retorno precoce às aulas presenciais no Paraná

O Deputado Estadual Requião Filho encaminhou na última semana um pedido de providências ao Ministério Público do Paraná e outro ao Ministério Público do Trabalho, sobre a situação dos Diretores das Escolas Estaduais que estão sendo pressionados a aumentar o número de alunos presenciais em sala de aula.

Em ambos documentos, o Deputado relata o afastamento e abertura de PAD contra diretores que não teriam alcançado uma “meta” imposta pela SEED, de retorno ao ensino presencial. Muitos pais também têm relatado a Requião Filho, inclusive enviando prints de mensagens encaminhadas pelos diretores das escolas aos celulares das famílias, afirmando que o retorno seria obrigatório, com ressalva apenas para alunos com comorbidades e atestado médico, que poderiam permanecer com as aulas do Google Meet.

“Não se pode forçar o servidor, o diretor da escola, a obrigar o retorno presencial dessas crianças e adolescentes. Quem decide se o estudante acompanhará as aulas de forma presencial ou virtual são seus pais, não a SEED, que também não tem o direito de punir diretores por não estarem forçando seus alunos pelo retorno de maneira eficiente”, defendeu o deputado.

O Ministério Público recebeu o documento e encaminhou à Promotoria de Justiça da Educação para análise e providências legais.

Geral, Paraná, Política,

Filipe Barros pede reavaliação imediata da estimativa populacional de 20 municípios paranaenses

O deputado federal Filipe Barros encaminhou ofício ao presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Eduardo Luiz Neto, solicitando imediata reavaliação da estimativa populacional de 20 cidades paranaenses para que não sofram prejuízos na distribuição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) no ano que vem.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) divulgou, no mês passado, documento com as estimativas populacionais para 2022 baseadas em estudo do IBGE.

“A estimativa da população é um dos importantes parâmetros utilizados pela União para calcular o coeficiente de distribuição do recurso; por isso é fundamental que a cidade tenha o número de habitantes atualizado, evitando prejuízos futuros no recebimento da verba”, argumentou o deputado Filipe Barros.

O FPM é resultado de um rateio anual, proveniente de recursos arrecadados com impostos, e representa um mecanismo fundamental para amenizar as desigualdades entre municípios e estados.

As cidades que constam do ofício no.310/2021, assinado pelo deputado federal Filipe Barros, são: Nova Aurora , Capital Nacional do Pescado; Alto Piquiri, Balsa Nova, Campina Grande do Sul, Campo Magro, integrantes da Região Metropolitana de Curitiba; Imbaú ,polo nacional  de produção de papel e celulose; Loanda , capital nacional de produção de metais sanitários;  Mangueirinha,  sede de reserva indígena;  Manoel Ribas , sede de reserva indígena e polo de distribuição de energia da Itaipu e Eletrosul;  Realeza, campus da Universidade Federal Fronteira do Sul;  Rio Bonito do Iguaçu, sede de assentamento do Incra com 572 famílias aguardando para receberem documento de propriedade; e ainda os municípios de Santa Tereza do Oeste, São João do Ivaí,  São João, Iretama, Cantagalo, Catanduvas, Mandaguaçu, Nova Londrina, Planalto.

 “São municípios que comprovadamente estão com a estimativa populacional defasada. Imbaú, por exemplo, teve significativo crescimento com as novas plataformas industriais instaladas para produção de papel e celulose; os loteamentos aprovados pela prefeitura da cidade também comprovam que a população aumentou”, disse o deputado federal.

Além de servir de base para a distribuição do FPM, as estimativas populacionais são essenciais para o cálculo de outros indicadores econômicos e sociodemográficos.

 O ofício foi enviado ao IBGE no último dia 15, data final para o recebimento de contestações junto ao Instituto.

Economia, Paraná, Política, Saúde,

Bolsonaro cancela viagem ao Paraná depois de casos de Covid em comitiva

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) cancelou a viagem ao Paraná, prevista para a próxima sexta-feira (24). A informação foi comunicada pelo deputado Ricardo Barros, líder do governo na Câmara. “Cancelada a visita de Bolsonaro ao Paraná desta sexta feira. Aguardamos ansiosos a remarcação”, disse Barros.

Bolsonaro participaria de eventos em Ponta Grossa, Castro e Piraí do Sul, onde aconteceria a motociata com apoiadores. Essa seria a primeira manifestação em favor do presidente após os atos do 7 de setembro.

A partida da manifestação aconteceria às 10 horas, no Santuário Nossa Senhora das Brotas, em Piraí, com previsão de chegada às 13 horas no Centro de Eventos de Ponta Grossa, onde aconteceria “entregas do Governo Federal ao Estado do Paraná”. Não foi divulgada nova data para os eventos.

O presidente já retornou ao Brasil. O avião decolou dos Estados Unidos na noite de terça e pousou em Brasília no início da manhã de hoje. Bolsonaro seguiu para o Palácio da Alvorada e tem uma reunião por videoconferência prevista para o fim da tarde com o subchefe para assuntos jurídicos da Secretaria-Geral da Presidência, Pedro Cesar Sousa.

Anvisa orienta isolamento da comitiva de Bolsonaro que foi aos estados unidos

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recomendou o isolamento dos membros da comitiva que foi aos Estados Unidos. A viagem foi marcada pelo discurso de Jair Bolsonaro na Assembleia-Geral da ONU, realizada anualmente em Nova York, e pela confirmação de dois casos de covid-19.

O ministro da Saúde Marcelo Queiroga foi diagnosticado com coronavírus na noite de ontem após um diplomata também ter se infectado. Queiroga passará 14 dias de isolamento em Nova York antes de voltar ao Brasil.

O ministro ficou marcado pela cena em que mostrou o dedo do meio para manifestantes contra Bolsonaro em Nova York.

As informações são de Paraná Portal

Educação, Paraná, Política,

Escola do Legislativo promove II Semana Acadêmica da Assembleia do Paraná

A Escola do Legislativo convida para participar da II Semana Acadêmica da Escola do Legislativo da Alep (Assembleia Legislativa do Paraná), do dia 29 de setembro a 1º de outubro, em formato on-line.

A Mesa de Abertura do evento será sobre “O Desempenho das Casas Legislativas na pandemia de Covid-19”, e terá como palestrantes o Deputado Luiz Claudio Romanelli, 1º Secretário da Alep, e os cientistas políticos Isabele Mitozo, professora da Universidade Federal do Maranhão, e Leonardo Barbosa, pesquisador do Observatório do Legislativo Brasileiro.

Mesa de Abertura

Data: 29 de setembro (quarta-feira)
horário: 18:30 horas
Local: Ao vivo na Tv Assembleia, youtube e facebook da Alep
carga horária: 3 horas
Inscrições no link: https://bit.ly/2ZdOoSh

Seguindo a programação, nos dias 30 de setembro e 1º de outubro, ocorrerão os Seminários das pesquisas acadêmicas desenvolvidas por mestrandos e doutorandos na área de Ciência Política (PPGCP-UFPR), Políticas Públicas (PPPP-UFPR), Direito do Estado (PPGD-UFPR) e Gestão Urbana (PPGTU-PUC-PR), conforme a programação anexa.

Seminários:
30 de setembro ( 9h30 às 12h e das 14h às 17h)
1º de outubro (9h30 às 13h)
Local: Ao vivo na Tv Assembleia, youtube e facebook da Alep
carga horária: 9 horas
Inscrições: https://www.assembleia.pr.leg.br/escoladolegislativo/palestras

Economia, Paraná, Política,

Demora na liberação de cargas no Aeroporto de Guarulhos e Viracopos causa transtornos para importadores e exportadores

Nas últimas semanas, a liberação de cargas e mercadorias nos aeroportos de Guarulhos e Viracopos em São Paulo tem preocupado os agentes do comércio exterior e profissionais que atuam na logística internacional. Segundo eles, o alto fluxo de cargas está causando demora na aprovação de cargas.

Para Vanderlei Alves, gerente de transporte rodoviário do Grupo Pinho, o tempo de espera tem sido predominante para mercadorias gerais. “O que era para sair no mesmo dia, está demorando mais de 24 horas.” “O sistema está com atraso intermitente”, concluiu.

Em um balanço divulgado pelo Aeroportos Brasil Viracopos, é possível observar um aumento no fluxo do modal. Foram recebidas 13.184 toneladas de mercadorias importadas, enquanto em julho o número foi de 12.640. Um aumento percentual equivalente a 4,3%.

Já nas exportações, o montante passou de 10.212 toneladas para 10.892 toneladas em um mês. O crescimento foi de 6,6%.

Além disso, no caso do Aeroporto de Viracopos, a grande movimentação no terminal está associada à pandemia, uma vez que ele tem sido usado na logística de produtos para enfrentamento à Covid-19, incluindo remessas de vacinas da Pfizer.

Economia, Paraná, Política,

Com 5G, o futuro já chegou

Nello Morlotti

É muito boa a convocatória dos deputados Luiz Claudio Romanelli (PSB) e Tião Medeiros (PTB) da audiência pública marcada para o dia 27 e discutir o impacto na implantação do sistema 5G no  Paraná. O debate pretende reunir representantes do setor produtivo, da Anatel e agentes públicos e, afinal, o Estado deve estar atento no controle regulatório, fomento, transparência e iniciativas concessionárias.

Mesmo que o edital de concorrência seja estabelecido pelo governo federal, é preciso destacar que dos 399 municípios paranaenses, a maioria deles tem leis obsoletas de utilização do solo, quando muito, decretos que não oferecem segurança jurídica.

O Investimento no ecossistema do 5G precisa estabelecer este laço entre as cidades e gestores municipais, as empresas de telecomunicação e de tecnologia e na ponta a comunidade atendida por essa revolução que vem aí. Os agentes públicos e os atores políticos são fundamentais! em toda essa discussão.

O 5G não apenas atualiza com velocidade o 2, 3, 4 ou 4.5 G, ele, além de velocidade superior a 20x vai entregar latência (tempo de resposta) entre as máquinas Para se ter um exemplo, enquanto o 3G entregava 56 milissegundos o 5G vai a 1 milissegundos …coisa fantástica. 

Será, como dizem os especialistas, uma revolução nos comportamentos. Teremos a aproximação dos sentidos – auditivos e visuais – em tempo real e com isso, uma sequência de novos negócios vão surgir. Imaginem as Cataratas em um programa de turismo com a utilização da realidade virtual sob a perspectiva de um guia local, tudo em tempo real, conectando japoneses e australianos, as águas que se precipitam no rio Iguaçu diretamente no óculos do atento turista.

A Avicultura de Cianorte, exemplo e orgulho nacional com mecanismos de controle analítico em todas as fases da cadeia de produção – da energia vital dos frangos aos bots de negociação internacional.

No capítulo das obrigações previstos no edital já aprovado pelo TCU e nas portarias da publicação pela Anatel, estão previstos 48 mil km de rodovias cabeadas – porta de acesso para transportadoras operarem veículos autônomos – o programa Norte conectado e uma rede de utilização no governo – com a premissa de trazer as smart cities, o controle de tráfego, a saúde com atendimento remoto e melhoria da transparência.

A pandemia trouxe a necessidade e a importância de melhorias com o mundo online, inúmeras tarefas antes vistas como coisa do futuro passaram a fazer parte do dia a dia, que o setor da educação que ainda se debate frente às novas tecnologias. Os escritórios de diferentes segmentos estão na sala de casa e por óbvio que tem a diminuição de custos.

O 5G vai dar uma nova dinâmica nos negócios e abrir novos postos de trabalho. Vai precisar também da qualificação de uma gama considerável de trabalhadores. Teremos ainda a elevação do PIB  e inúmeras soluções para a vida cotidiana. 

Porém, é necessário que medidas políticas sejam tomadas, não apenas no quesito do ecossistema tecnológico, mas que haja compreensão sobre aspectos tarifários, da liberdade setorial e principalmente na burocracia administrativa das prefeituras no que se trata da instalação de equipamentos. Se o pacto pelo desenvolvimento, como eu chamo, for aceito, todos estaremos mais perto do futuro que já chegou.

Nello Morlotti é vice-presidente do SIITEP/FIEP ( Sindicato Patronal da indústria de Componentes de Telecom no Paraná ), e presidente da Abralivre (Associação em Defesa da Livre Concorrência).

Economia, Foz do Iguaçu, Paraná, Política,

Câmara aprova reforço de R$ 2 milhões da prefeitura para o Natal das Cataratas

Os vereadores aprovaram nesta terça-feira, 21 de setembro, por 13 votos a 1, o projeto de lei do Poder Executivo autorizando a suplementação de R$ 2 milhões ao orçamento da Fundação Cultural, destinados à promoção e realização do Natal das Cataratas. O único voto contrário foi do vereador Admilson Galhardo (Republicanos). O presidente Ney Patrício (PSD) só votaria em caso de empate. 

Durante a discussão, a vereadora Anice Gazzaoui (PL), presidente da Comissão de Turismo, disse que o projeto Natal das Cataratas vem sendo amplamente debatido e coordenado por uma comissão. “Todos os vereadores foram convidados para uma exposição. Recebemos convite onde o projeto nos foi apresentado pela Itaipu e terá apoio da Prefeitura e do empresariado. Da Itaipu serão R$ 8 milhões de investimentos e esse projeto em discussão é a contrapartida do Município. Foz do Iguaçu terá o melhor Natal de sua história”, destacou Anice.

Citou que o Natal de Gramado se tornou autossuficiente, mas no início demandou investimentos do Município. “Essa é a tendência. Investir no início, mas na sequência esse se consolida e se torna autopromocional porque tem um retorno muito grande”, comentou. Jairo Cardoso (DEM) complementou a fala de Anice afirmando que o Natal vai chegar também aos bairros, o que considera louvável. “Vejo que não é um gasto e sim um investimento que vai fomentar o comércio e movimentar a economia principalmente quando se trata de uma cidade turística”, afirmou Jairo.    

O vereador João Morales (DEM) também usou a palavra para dizer que não é contra a promoção do Natal das Cataratas, mas observou que no orçamento já existe uma previsão de R$ 800 mil para o evento e agora são mais R$ 2.050.000,00. “Junto com o projeto não tem uma planilha da distribuição desses recursos, mostrando de forma transparente onde serão aplicados”, ponderou. Afirmou que esse cuidado é necessário e que os vereadores vão acompanhar a aplicação para evitar “episódios como a surpresa com árvore de Natal custando meio milhão de reais”.  


O vereador Admilson Galhardo (Republicanos) disse que tem a mesma preocupação. Entende que sem uma planilha é um “cheque em branco” que a Câmara está concedendo ao prefeito e a aplicação deverá ser acompanhada com muito critério para que os vereadores não sejam crucificados se houver irregularidades ou aquisições em valores acima do mercado.

Para o presidente da Câmara, Ney Patrício (PSD) “é um investimento necessário diante da importância da data e o fator da economia. “Um Natal digno, grandioso, como está sendo projetado por meio da Itaipu com apoio dos empresários e do Poder Público, é impulso para a retomada do desenvolvimento econômico, além de elevar a autoestima do iguaçuense”.

O líder do prefeito, Kalito Stoeckl (PSD), explicou que se trata de uma suplementação passando previsão orçamentária de uma rubrica para outra dentro da própria Fundação Cultural. “A questão da planilha não ocorre nesse momento e sim na fase da licitação, o que poderá ser tranquilamente acompanhado e fiscalizado pela Câmara e por qualquer cidadão. Essa é uma garantia da Lei da Transparência.

O vereador Alex Meyer (PL) lembrou que o plenário já aprovou um requerimento dele em que pede oficialmente informações sobre o planejamento do Natal das Cataratas. “Aprovamos esse requerimento e o Executivo é obrigado a nos informar dentro do prazo legal. Em cima disso, faremos todo o acompanhamento e a o propósito de todos é promover um evento a altura da cidade turística, buscando inspiração em cidades como Gramado”, afirmou Meyer.
Por fim, o vereador Rogério Quadros  (PTB) que presidiu a casa por dois anos, disse que em 2017 a Câmara, após a realização do Natal, convocou o presidente da Fundação Cultural a comparecer ao Legislativo e fazer a prestação de contas. “Essa é uma forma de fiscalizar e dar transparência”, disse.

Audiência para profissionais de enfermagem vai debater a Jornada de 30 Horas Semanais

A vereadora Anice Gazzaoui (PL) propôs requerimento e o plenário aprovou a realização de audiência pública para debate e encaminhamentos sobre a Jornada de 30 horas para profissionais de enfermagem em Foz do Iguaçu. O evento acontece nesta quinta-feira, 23 de setembro, a partir das 9h, no plenário da Câmara Municipal.

Anice soma forças com a categoria e esteve em Brasília no mês passado, a convite de enfermeiros de todo o Brasil, na marcha em defesa da categoria! “Para conhecer a causa, a motivação e os direitos é preciso participar e eu estou nessa luta com eles. Por isso esse convite para ouvirmos os profissionais de Foz do Iguaçu”, disse a vereadora.

De acordo com Anice, “a audiência quer dar voz e condições para que os profissionais possam vir à Casa de Leis, usar a tribuna, trazer anseios e propostas. Trabalhamos neste tema desde 2007”, lembrou.

Como participar

Devido à pandemia, o evento ocorrerá em formato híbrido, presencial (com limitação de público) e por videoconferência. O público poderá participar também de forma virtual durante a transmissão ao vivo, pelas redes sociais oficiais da Câmara (Facebook, YouTube e Plenário Online). Quem quiser se inscrever previamente para fazer uso da palavra, pode fazê-lo até o dia anterior, pelo link: https://bit.ly/3tXTXzC.

A vereadora Anice reforçou que hoje, em situação ainda pandêmica os profissionais da saúde estão em plena atenção em seus postos de serviço. “É importantíssimo tratarmos das condições de trabalho e adoção da jornada de 30 horas semanais para a categoria. A enfermagem é uma das profissões de maior desgaste físico e mental da área da saúde, sendo o maior corpo profissional da área e o segundo maior entre todas as profissões”, afirmou.

Na opinião de Anice, caso haja apreciação e aprovação da modificação da carga horária de trabalho, pode haver melhoria para a qualidade de vida dessa população oportunizando postos de trabalho e diminuição de doenças ocupacionais.

AS informações são de GDia

Justiça, Paraná, Política,

Brasil precisa de segurança, equilíbrio e tranquilidade

O médico André Luis Neves Leite também escreveu um artigo sobre os motivos para apoiar a candidatura do ex-juiz Sergio Moro a presidente da República nas eleições de 2022. Ele faz parte da parcela da população que nunca foi filiada a partido e não tem parente político que apoia Moro por acreditar que é o mais preparado para iniciar a transformação que o país necessita.

Veja abaixo a íntegra da manifestação:

“Brasil precisa de segurança, equilíbrio e tranquilidade

André Luis Neves Leite

Não conheço Sergio Moro pessoalmente, mas por sua história e biografia, também quero Moro candidato.

Principalmente em de virtude dele nunca ter sido político de fato. Acredito que, se eleito, será um presidente sem vícios, honesto, moralmente impecável e capaz de compor uma equipe técnica de alto nível.

Moro tem todas as credenciais para fazer as mudanças que o Brasil precisa para voltar a crescer e se desenvolver.

Outro motivo fundamental que me faz apoiar Sergio Moro, é seu currículo. Acredito no poder transformador da educação e, quando se compara o currículo, percebemos um abismo eparando ele dos principais adversários da extrema esquerda e extrema direita.

O preparo acadêmico, cultural, técnico e, principalmente, psicológico, coloca Moro anos luz a frente dos demais candidatos.

O Brasil precisa de um presidente que passe segurança, confiança, equilíbrio e tranquilidade, tanto ao mercado interno quanto ao externo.

Acredito que Sergio Moro presidente, colocará o Brasil em um caminho novo em direção ao desenvolvimento pleno de toda população.

André Luis Neves Leite é fundador do grupo de Médicos com Sergio Moro, que reúne profissionais da saúde de vários estados e regiões do Brasil em apoio a possível candidatura do ex-juiz.

Economia, Paraná, Política,

CCJ da Assembleia aprova projeto de transferência de renda para famílias paranaenses mais vulneráveis

Por unanimidade, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou hoje projeto de lei que torna o Cartão Comida Boa uma política de Estado e pode beneficiar até 100 mil famílias no Paraná.

A proposta do Governador Ratinho Junior cria o Programa Estadual de Transferência de Renda, que prevê o repasse de R$ 80 mensais, por residência, para famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, com prioridade para aquelas que não são atendidas pelo Bolsa Família.

O valor deverá ser utilizado para a compra de itens básicos de alimentação em estabelecimentos comerciais previamente fixados pelo Poder Executivo.

O programa funcionará nos mesmos moldes do Cartão Comida Boa, implantado emergencialmente no ano passado para atender famílias afetadas pela pandemia da Covid-19.

“Esse é um instrumento forte e importante para atender as famílias mais carentes do Estado. Alguns até podem questionar o valor do benefício, mas talvez não saibam o que isso representa na vida de paranaenses que estão passando necessidade e até fome.

Por isso, peço o apoio dos colegas para a rápida tramitação desse projeto”, afirmou o deputado Hussein Bakri, Líder do Governo e relator da matéria.

Após ser aprovada e virar lei, a proposta terá 60 dias para ser regulamentada pelo Governo do Estado e, então, colocada em prática.

Economia, Foz do Iguaçu, Paraná, Política, Saúde,

Audiência pública debate jornada de 30 horas para profissionais de enfermagem em Foz

A jornada de 30 horas de trabalho para profissionais de enfermagem em Foz será tema de audiência pública no Legislativo Iguaçuense nesta quinta-feira, 23 de setembro, às 9h. O debate foi proposto pela vereadora Anice Gazzaoui (PL), por meio do requerimento nº 323/2021.

“A audiência quer dar voz e condições para que os profissionais possam vir à Casa, usar a tribuna, trazer anseios e propostas. Trabalhamos neste tema desde 2007”, destacou Anice.

Devido à pandemia, o evento ocorrerá em formato híbrido, presencial e videoconferência. O público poderá participar também de forma virtual durante a transmissão ao vivo, pelas redes sociais oficiais da Câmara (Facebook, YouTube e Plenário Online). Quem quiser se inscrever previamente para fazer uso da palavra, pode fazê-lo até o dia anterior, pelo link: https://bit.ly/3tXTXzC.