Browsing Category

Turismo

Leia as últimas notícias sobre Turismo no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Paraná, Turismo,

Fórum Paraná Turístico 2026 acontece a partir de hoje (11)

Evento serve para monitoramento do Masterplan Paraná Turístico 2026: Pacto para um Destino Inteligente. Com o tema Retomada do Turismo: Inspirações para o novo normal, o Fórum será virtual e transmitido pelo canal do Youtube da Paraná Turismo.

A edição de 2020 do Fórum Paraná Turístico 2026 acontece a partir desta quarta-feira (11), das 9h às 11h30. Com a temática da “Retomada do Turismo: Inspirações para o novo normal”, o Fórum desse ano será totalmente virtual e transmitido pelo canal do Youtube da Paraná Turismo.

O Fórum foi criado em 2016, juntamente com o lançamento do Masterplan Paraná Turístico 2026: Pacto para um Destino Inteligente, que tem como objetivo principal o planejamento do turismo no Paraná até o ano de 2026. A perspectiva é do desenvolvimento do Turismo no Paraná no horizonte 2016-2026 orientado por três eixos estratégicos de ação – Governança e Sustentabilidade, Qualidade e Competitividade, Marketing e Inovação – definidos com base na Política Estadual de Turismo e na análise de diversos documentos relacionados ao tema.

Atualmente, o Masterplan Paraná Turístico 2026 encontra-se na fase de monitoramento das ações realizadas entre 2017 e 2019, para que seja possível saber se as ações nele previstas estão surtindo os resultados esperados ou se é necessário ir por outro caminho. Diante disso, o Fórum é uma das principais ferramentas para que esse monitoramento seja desenvolvido.

Além da programação de palestras, o evento terá a apresentação de quatro cases de sucesso de Instâncias de Governança Regional (IGR’s) do Paraná e também para apresentação dos resultados do monitoramento do período 2017-2019 do Masterplan.

Mudanças

De acordo com a assessora técnica da Paraná Turismo, Priscila Cazarin Braga, que apresentará os resultados do monitoramento, o ano de 2020 traz profundas mudanças para o planejamento e operacionalização do turismo como um todo. “Vamos precisar de muita criatividade na adversidade para superar esse ano tão difícil. Pensando nisso, a edição 2020 do Fórum Paraná Turístico 2026 traz uma proposta de inovação nas perspectivas sobre a gestão e operacionalização do turismo”, disse.

Monitoramento

Ainda de acordo com Priscila, a apresentação do monitoramento do período 2017-2019 servirá para entender em quais ações e macroações houve avanço e se as tendências estão se confirmando ou não. “Busca-se entender de que maneira que a partir desse novo momento podemos confiar e nos inspirar nessas tendências e ações propostas do Paraná Turístico para lidar com as adversidades que nos foram impostas”.

Aberto

O Fórum Paraná Turístico 2026 – Edição 2020 tem sua programação dividida em dois dias e é aberto a todo o trade turístico, estudantes e interessados no turismo de forma geral. A transmissão do primeiro dia acontece das 9h às 11h30 dessa quarta-feira (11), na quinta-feira (12) a transmissão também ocorre no mesmo horário.

Para participar do evento hoje basta acessar o link youtu.be/3E_7mEUxDn8. Para participar no dia 12/11 o link é youtu.be/5EfphT2xV8o.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Cataratas do Iguaçu integram a lista iG Turismo dos cinco lugares paradisíacos para conhecer sem sair do Brasil

Apesar dos turistas ainda estão receosos para viajar para fora, cresce o desejo de conhecer novos pontos turísticos dentro do Brasil. Veja cinco destinos por onde você pode começar

As belezas naturais do Parque Nacional do Iguaçu colocaram Foz do Iguaçu entre os cinco lugares paradisíacos para se conhecer no Brasil, ranking elaborado pelo iG Turismo para turismo interno durante a pandemia do novo coronavírus.

A intenção, explica o portal, é aproveitar este momento de indício de estabilização da doença, quando os turistas brasileiros já conseguem ganhar um pouco mais de confiança para viajar.

Com o receio de visitar outros países, expandem-se as possibilidades de conhecer novos locais dentro do Brasil. O país é conhecido por sua diversidade cultural e regional, sendo capaz de agradar a todos os gostos.

É tanta opção de passeio que é fácil se perder entre os destinos, informa o portal, que orienta os leitores: “planeje sua visita!”.

Foz do Iguaçu é o destaque do sul do País, por abrigar um dos patrimônios naturais mais conhecidos no mundo inteiro. “Trata-se das Cataratas do Iguaçu”, diz a reportagem.

Mesmo na pandemia, lembra o informativo, o Parque Nacional do Iguaçu voltou a funcionar seguindo todos os protocolos sanitários.

“Também atraem os turistas o Parque das Aves, em que turistas podem entrar nos viveiros; o Marco das Três Fronteiras, onde é possível ver o encontro de Brasil, Paraguai e Argentina, e a usina hidrelétrica de Itaipu”, completa o portal.

Integram ainda o roteiro Santarém no Pará, Caraíva na Bahia, Pirenópolis em Goiás e Cananéia em São Paulo.

Leia a íntegra do artigo no iG Turismo

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Cataratas Day 2020 terá limitação de público por conta da pandemia e do período eleitoral

Será permitida entrada de 300 pessoas por hora para fazer selfie e haverá também passeio ciclístico pela manhã e à tarde.

Para celebrar o nono aniversário da escolha das Cataratas do Iguaçu como uma das sete maravilhas mundiais da natureza, acontecerá mais uma edição do Cataratas Day, na próxima quarta-feira, 11 de novembro. A organização é da Secretaria de Turismo, Indústria, Comercio e Projetos Estratégicos, em parceria com o ICMBio, a concessionária Cataratas do Iguaçu S/A e entidades que compõem a Gestão Integrada do Turismo.

No dia 11 de novembro, como acontece todos os anos, moradores de Foz do Iguaçu e região e turistas de todas as nacionalidades são convidados a compartilhar fotos e vídeos das Cataratas do Iguaçu nas redes sociais copiando a hashtag #cataratasday2020.

Os moradores de Foz do Iguaçu e dos municípios lindeiros ao Parque Nacional do Iguaçu também são convidados a fazer selfie nas Cataratas do Iguaçu para marcar a data. Nesta edição, em razão da pandemia e das restrições do período eleitoral, não haverá transporte gratuito para condução dos moradores de Foz do Iguaçu, a exemplo dos anos anteriores.

Mas quem for por conta própria até o Centro de Visitantes do parque terá, além da gratuidade do ingresso, liberação do transporte interno para homenagear as Cataratas do Iguaçu. Acordo realizado com o ICMBio e a concessionária Cataratas do Iguaçu S/A vai permitir a entrada de até 300 pessoas por hora para participar do Cataratas Day.

Pedal de manhã e à tarde

Cataratas Day deste ano terá também um passeio ciclístico dividido em dois horários no dia 11 de novembro: um no amanhecer e outro no entardecer. De manhã, concentração às 6:30 e saída às 7 horas. E à tarde, concentração às 16:30 com saída às 17 horas. Uso obrigatório de máscara e capacete. Limitação de 150 por passeio. O ciclista deve ser maior de 18 anos e estar portando documento com foto e comprovante de residência. Pedal está sendo coordenado pela ACCI – Associação Ciclística Cataratas do Iguaçu. Inscrições podem ser feitas acessando o link.

Proibidas manifestações políticas

“Cataratas Day é sempre um momento inesquecível. Mesmo com as restrições da pandemia e do período eleitoral, decidimos fazer o evento, pois essa data não pode passar em branco. Contamos com o apoio de todos para compartilhar fotos e vídeos das Cataratas do Iguaçu nas redes sociais e gerarmos mídia positiva para o destino. Quem puder ir pessoalmente, pedimos que respeitem os protocolos sanitários de enfrentamento à COVID-19, usando máscara, higienizando as mãos constantemente e mantendo distanciamento social”, afirma o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla.

Ele pede também para que os participantes evitem manifestações políticas. Participantes estão proibidos de usar adesivos, bótons, bonés e camisetas de candidatos durante o Cataratas Day 2020.

Por: Rádio Cultura

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Paraná Turismo prepara novidades para o Festival das Cataratas

Estado vai apresentar ao público os potenciais atrativos de suas 14 regiões turísticas.

As Cataratas do Iguaçu e o Parque Estadual de Vila Velha são apenas alguns dos atrativos turísticos do estado que serão apresentados pela Paraná Turismo durante o Festival das Cataratas, que será realizado nos dias 2, 3 e 4 de dezembro, em Foz do Iguaçu (PR).

O evento

Que é considerado um dos principais do turismo nacional – vai marcar a retomada dos grandes eventos no Paraná, e deve seguir rigorosos protocolos sanitários durante a sua realização.

Durante a Feira, o público vai poder conhecer um pouco mais sobre as 14 regiões turísticas em que o Paraná está dividido, reunindo uma enorme variedade de atrativos, como belezas naturais, um riquíssimo acervo histórico e cultural, assim como alternativas de lazer e gastronomia para os diferentes perfis de turistas.

Entre os principais projetos desenvolvidos pelo estado no desenvolvimento do turismo local está o Plano de Retomada do Turismo, cujo objetivo é auxiliar na recuperação gradual do setor, iniciando pelo turismo regional, a partir de segmentos que envolvem o turismo em ambientes ao ar livre, como ecoturismo, turismo de aventura e turismo rural.

De acordo com a diretora técnica da Paraná Turismo, Isabella Tioqueta, o plano foi colocado em prática por conta da pandemia de covid-19 como uma forma de ampliar o apoio ao desenvolvimento do turismo, visando principalmente o período pós-pandemia. “Foi um trabalho feito a várias mãos, com o apoio de parceiros, do trade turístico e de representantes das 14 regiões turísticas do estado para que pudesse ter uma percepção local levando em consideração as necessidades de cada região durante o processo”, explica.

O idealizador e coordenador do Festival das Cataratas, Paulo Angeli, ressalta a importância da participação do Estado no evento. “O Festival é uma grande vitrine de produtos e serviços relacionados ao setor no Brasil e nas Américas. Nada mais justo do que apresentar os nossos atrativos para despertar o interesse do público do evento em retornar ao Paraná em breve”, destaca.

Mercados emissores

Na primeira fase do projeto, entre março e abril deste ano, foi realizado um levantamento de 11 mercados emissores dentro do Estado de onde, basicamente, partirá a maioria dos turistas que irão compor o fluxo de deslocamentos regionais previstos em um raio de 200 quilômetros a partir de cada um desses mercados. Os destinos emissores são: Curitiba, Ponta Grossa, Londrina, Maringá, Umuarama, Campo Mourão, Cascavel, Toledo, Foz do Iguaçu, Pato Branco e Guarapuava. A definição desses 11 polos ocorreu em função da densidade populacional e da capacidade de renda, embora a previsão seja de que os 217 municípios paranaenses que pertencem ao Mapa do Turismo sejam beneficiados pelo programa de retomada.

As fases seguintes se referem a construção de parcerias, organização dos produtos que vão ao mercado e a retomada dos negócios em si.

Festival das Cataratas

O Festival é considerado um dos maiores eventos de turismo do Brasil e segue em ritmo acelerado com os preparativos para a sua tradicional Feira de Turismo e Negócios. Ainda há estandes disponíveis para comercialização. Informações sobre valores e condições de pagamento podem ser obtidas pelo pelo e-mail comercial@festivaldascataratas.com ou pelos telefones (45) 3029-6603 e (45) 99958-0025.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Parque Nacional do Iguaçu abrirá uma hora mais tarde no domingo, dia 15

O Parque Nacional do Iguaçu terá horário de atendimento especial no dia 15 de novembro, quando ocorrerão as eleições municipais, abrindo às 10 horas para a visitação.

A medida é para garantir o direito do voto aos funcionários da unidade, na eleição municipal. O horário de fechamento será mantido às 16 horas.

Os visitantes que quiserem agilizar a compra do ingresso para visitar o parque podem adquiri-lo antecipadamente, com agendamento de horário, no site www.cataratasdoiguacu.com.br.

O PNI segue com a limitação de 525 pessoas por hora. A compra está sujeita à disponibilidade de vagas.

Serviço:

Atendimento do Parque Nacional do Iguaçu durante as eleições municipais
Data: 15 de novembro (domingo)
Horário de atendimento: das 10h às 16h
www.cataratasdoiguacu.com.br
Central de Atendimento ao Visitante no WhatsApp: +55 (45) 9137-3444 (wa.me/554591373444)

Fotos: Nilton Rolin

Foz do Iguaçu, Turismo,

Moradores de Foz do Iguaçu e municípios vizinhos do Parque Nacional do Iguaçu têm tarifa especial no Parque das Aves

O valor é de apenas R$ 10 por pessoa e visa incentivar o turismo na comunidade. É necessário apresentação de comprovante de residência em nome do visitante e documento oficial com foto

Com o objetivo de incentivar o turismo doméstico e novas medidas de segurança, moradores de Foz do Iguaçu e municípios vizinhos do Parque Nacional do Iguaçu terão tarifa especial de apenas 10 reais por pessoa. O desconto é de 83% comparada com a tarifa normal de R$ 60.

A iniciativa existe há mais de 10 anos sem alteração no valor, porém muitas pessoas não sabem do benefício aos moradores da região. É necessário apresentar comprovante de residência recente, em nome do visitante, acompanhado de documento de identificação. Menores de 18 anos podem apresentar comprovante em nome dos pais.

Para Carmel Croukamp, a medida visa a incentivar a população da região a conhecer as maravilhas da Mata Atlântica como forma de incentivar o lazer, a cultura e o conhecimento. “Desde que o Parque foi inaugurado, em 1994, fomos muito bem acolhidos por essa comunidade. Nada mais justo do que retribuir a essa gente que tanto nos apoiou em todos os momentos de nossa história”, diz.

Os municípios contemplados são Capanema, Capitão Leônidas Marques, Céu Azul, Lindoeste, Matelândia, Medianeira, Ramilândia, Santa Lúcia, Santa Tereza do Oeste, Santa Terezinha, São Miguel do Iguaçu, Serranópolis do Iguaçu e Vera Cruz do Oeste. O uso de máscaras, a aferição da temperatura dos visitantes logo na chegada, sinalizações sobre o distanciamento e uso de álcool 70% são parte das medidas sanitárias comuns para o atrativo.

Venda online

A fim de facilitar a entrada no Parque, evitar filas e manter o distanciamento social, o atrativo recomenda que o visitante adquira seu ingresso pelo site ingressos.parquedasaves.com.br. Lá ele escolhe a data e hora do passeio.

Não é concedido desconto para serviços extras e os benefícios não são cumulativos.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Mais de 5 mil pessoas visitaram o Marco das 3 Fronteiras no feriadão

O Marco recebeu 5.379 visitantes de sábado (31 de outubro) a segunda-feira (2 de novembro).

A expectativa era de receber 4 mil pessoas durante todo o feriadão de Finados.

A visitação apresentou um crescimento de 25% em relação ao último feriado prolongado.

Visitação detalhada – Feriadão de Finados

31 de outubro (sábado): 1.882 visitantes
1° de novembro (domingo): 2.821 visitantes
2 de novembro (segunda-feira): 676 visitantes

Últimos feriadões pós-reabertura

Feriadão da Padroeira do Brasil: 4.275 visitantes, de 10 a 12 de outubro
Feriado da Independência: 2.692 visitantes, de 5 a 7 de setembro

Créditos fotografia: Nilton Rolin / Cataratas

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Parque Nacional do Iguaçu registra boa visitação com cuidados redobrados no feriadão

O parque recebeu 12.999 visitantes de sábado (31 de outubro) a segunda-feira (2 de novembro).

A expectativa era de receber 10 mil pessoas durante todo o feriadão de Finados.

A visitação apresentou um crescimento de 9% em relação ao último feriado prolongado.

Visitação detalhada – Feriadão de Finados

31 de outubro (sábado): 4.132 visitantes
1° de novembro (domingo): 5.245 visitantes
2 de novembro (segunda): 3.622 visitantes

Últimos feriadões pós-reabertura

Feriadão da Padroeira do Brasil: 11.844 visitantes, de 10 a 12 de outubro
Feriadão da Independência: 7.289 visitantes, de 5 a 7 de setembro

Créditos das fotografias: Nilton Rolin / Cataratas

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Foz do Iguaçu tem o melhor feriadão desde a reabertura do turismo

O feriado prolongado do Dia de Finados (de 31 de outubro a 02 de novembro) registrou o melhor desempenho da visitação no Parque Nacional do Iguaçu, após a reabertura no início de agosto. De acordo com dados da concessionária Cataratas do Iguaçu SA, 12.999 pessoas foram até o atrativo nos três dias do feriadão. Em outubro, o atrativo recebeu quase 43 mil turistas, quase o dobro do registrado no mês de setembro.

De acordo com o ranking da visitação, no sábado (primeiro dia do feriado), 4.132 pessoas foram até o atrativo. No domingo, dia de maior movimento, foram 5.245 acessos, bem próximo dos 5.250 permitidos ao dia. Nesta segunda, Dia de Finados, foram registrados mais 3.622 ingressos, totalizando 12.999 nos três dias.

O desempenho do feriado de Finados ficou acima do feriadão da Padroeira, de 10 a 12 de outubro, quando o atrativo fechou com 11.844 ingressos e do feriadão da Independência, de 5 a 7 de setembro, quando 7.289 pessoas visitaram as Cataratas do Iguaçu, na fronteira do Brasil com a Argentina.

Campanha

A retomada do turismo do Destino Iguaçu conta com o reforço da campanha “Vem pra Foz“, promovida pela Itaipu com apoio do trade turístico local. O complexo turístico da binacional também registrou boa movimentação de turistas no feriadão de Finados.

De acordo com uma parcial divulgada pelo Complexo Turístico de Itaipu nesta segunda-feira (02), 3.817 pessoas de 19 diferentes estados, mais o Distrito Federal e de dois diferentes países, visitaram os atrativos. No sábado foram 1.337 ingressos e 2.480 acessos no domingo.

Números de outubro

No mês de outubro, o Parque Nacional do Iguaçu recebeu 42.906 visitantes, quase o dobro dos 26 mil acessos registrados no mês de setembro. De acordo com o balanço da Cataratas do Iguaçu SA, foram 42.293 visitantes brasileiros dos 26 estados do país, mais do Distrito Federal (Brasília). 

Os turistas do Paraná, com 23.411 ingressos respondem pela maior fatia de visitantes brasileiros da unidade de conservação, no trecho onde estão as Cataratas do Iguaçu. Em segundo aparece os paulistas com 7.590, seguidos de moradores de Santa Catarina (2.659 acessos), Rio de Janeiro (1.85), Rio Grande do Sul (1.677), Mato Grosso do Sul (1.111) e Minas Gerais (1.061).

Mesmo com as restrições impostas pela pandemia do novo Coronavírus, o Parque Nacional do Iguaçu recebeu no último mês visitantes de 35 diferentes países. O Paraguai responde pela maioria dos visitantes estrangeiros do atrativo. 

Foram 140 paraguaios que acessaram o atrativo no período, sendo que a fronteira com o Brasil só foi reaberta no dia 15 de outubro. Na sequência aparecem visitantes da Alemanha, Estados Unidos, Argentina, França e outros países.

3 Fronteiras

O complexo turístico do Marco das 3 Fronteiras também registrou índices da retomada do turismo do Destino Iguaçu. De acordo com a estatística da visitação, em outubro foram 18.286 ingressos na estrutura, que fica próxima ao ponto exato onde se encontram Brasil, Paraguai e Argentina.

Os brasileiros, com 18.162 ingressos, respondem pela maioria dos visitantes do período no Marco. O atrativo recebeu ainda visitantes do Paraguai, Colômbia, Estados Unidos, Itália, México e outros 15 países.

Por: GDia

Foz do Iguaçu, Turismo,

Parque das Aves de Foz do Iguaçu supera as expectativas e recebe 8.061 visitantes no Feriadão de Finados

O movimento foi 34% maior do que o esperado

Durante o feriado prolongado do Dia de Finados, o Parque das Aves recebeu 8.061 turistas, superando a previsão inicial de 6 mil visitantes em três dias. O número é 34% superior ao esperado e demonstra uma tendência de retomada das atividades turísticas respeitando as regras de distanciamento físico.

A crescente demanda se repete a cada feriadão. No Dia das Crianças e da Padroeira, o movimento no Parque das Aves foi 75% superior ao feriado da Independência. Agora no Dia de Finados, o Parque seguiu a mesma tendência de alta, registrando 7,3% mais visitantes que o feriado passado.

Segundo Jurema Fernandes, diretora administrativa do Parque das Aves, o local seguiu todos os protocolos sanitários para evitar a propagação da Covid-19. “O Parque está todo sinalizado com o distanciamento necessário entre as pessoas, há álcool em gel em diversos pontos espalhados pela trilha, monitores orientando e o uso de máscara é obrigatório durante toda permanência dos visitantes”.

Jurema acrescenta ainda que os bons números sinalizam uma gradativa e consistente retomada da atividade turística na região, que, aos poucos, começa a superar os efeitos da pandemia do novo Coronavírus.

“A cada feriado temos superado o número de visitantes, mesmo com todas as restrições. Nesse novo normal, o ecoturismo tende a se sobressair porque em momentos de crise as pessoas buscam se reconectar com a natureza e o que há de mais essencial na vida”, ressaltou.