Browsing Category

Turismo

Leia as últimas notícias sobre Turismo no CabezaNews, site de informação com reportagens exclusivas, fotos, vídeos e conteúdos sobre Foz do Iguaçu e sobre o Paraná.

O CabezaNews leva ao público notícias de utilidade pública, curiosidades, turismo, lazer, cultura. Sobretudo com um olhar voltado para a região da tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

Em Foz, nossa cobertura foca os principais acontecimentos da cidade, incluindo eleições 2020, o avanço da pandemia do novo coronavírus, as ações da Itaipu Binacional, bem como a administração do prefeito Chico Brasileiro.

O site não deixa de lado o que acontece no restante do estado do Paraná. Notas exclusivas dos bastidores da política, da Assembleia Legislativa, ações do governo do Paraná e da administração Ratinho Júnior. Assim como as principais notícias nacionais.

O CabezaNews é editado por Ronildo Pimentel, jornalista com mais de 30 anos de atuação em jornalismo impresso e digital.

Destaques, Foz do Iguaçu, Turismo,

Retomada é palavra de ordem na abertura do Festival das Cataratas em Foz do Iguaçu

Evento começou nesta quarta-feira (1), em Foz do Iguaçu, destino que tem 100% da população adulta totalmente imunizada contra a covid-19

O otimismo deu o tom dos discursos da solenidade de abertura do Festival das Cataratas, nesta quarta-feira (1º), em Foz do Iguaçu (PR). A expectativa do trade é que o avanço da vacinação contribua para que os números do turismo retomem ao período pré-pandemia, quando o setor respondia por 8% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil. Neste contexto, Foz se destaca como um destino seguro, ao ter 100% de sua população adulta já completamente imunizada.

O evento é considerado um dos maiores do turismo nacional e segue com uma intensa programação de palestras, oficinas, workshops, rodadas de negócios e a tradicional Feira de Turismo e Negócios, que este ano conta uma área de exposição de 7 mil metros quadrados, 40% a mais do que em 2020.

Durante a abertura, o idealizador do Festival das Cataratas e atual secretário de Turismo e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Paulo Angeli, destacou o momento como crucial para a retomada do turismo. “Temos observado uma alta ocupação na hotelaria e na visitação dos atrativos, mostrando que o nosso destino vem trabalhando com muita responsabilidade, sem abrir mão dos protocolos sanitários”. O prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, destacou a geração de emprego e renda na cidade, e o potencial do destino para receber voos internacionais na maior pista de aeroporto do Sul do Brasil.

As obras executadas na cidade, como a construção da segunda ponte entre Brasil e Paraguai, e a duplicação da Rodovia das Cataratas foram citadas pelo vice-governador do Paraná e presidente da Fecomércio PR, Darci Piana, que também lembrou da expansão da malha aérea da Azul Linhas Aéreas no Estado. Já o presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, classificou o turismo como uma ‘fênix’ que ressurgiu das cinzas. “Nesses quase dois anos nenhum outro segmento de atividades passou por tanta dificuldades, mas o trade não deixou em momento algum de acreditar na recuperação e no ressurgimento do setor”.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, não compareceu à cerimônia, em virtude de uma viagem à Madrid, onde está participando da Assembleia Geral da Organização Mundial do Turismo (OMT), mas enviou um vídeo para o evento, no qual lembrou que Foz do Iguaçu é um dos destinos mais procurados por viajantes nacionais e internacionais. Também participaram da abertura o presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, Alexandre Sampaio; o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general João Francisco Ferreira; o embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben; e a coordenadora nacional da Carteira de Turismo do Sebrae Nacional, Ana Luzia de Andrade Lopes.

A programação do Festival das Cataratas segue nesta quinta-feira (2), no Rafain Palace Hotel & Convention, com a abertura da Feira de Turismo e Negócios às 14h. A programação completa está disponível em https://festivaldascataratas.com/programacao-2021/.

Troféu “Amigos do Festival”

Como já é tradição, em reconhecimento ao trabalho desenvolvido no setor, a organização do Festival das Cataratas entregou o Troféu Amigos do Festival a algumas personalidades durante a abertura do evento. Eles receberam uma peça criada pela arquiteta Mira Momo Angeli, com a representação na qual uma cidade inteligente deve ser conectada e sustentável, baseada na transparência das ações. Nesta edição, foram homenageados o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general João Francisco Ferreira; o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro; o embaixador da Tanzânia, Emmanuel John Nchimbi; e a Diretora de Relacionamento do Festival das Cataratas, Renata Sakamoto.

Destaques, Economia, Foz do Iguaçu, Turismo,

Marco das três Fronteiras tem o melhor mês de visitação do ano

No mês de novembro, o Marco das 3 Fronteiras, local mais charmoso de Foz do Iguaçu, recebeu 35.568 visitantes. É o melhor mês do ano e superou outubro, quando 34.646 pessoas contemplaram as Três Fronteiras.

A maior parte da visitação, como nos últimos registros, mantém-se de brasileiros, que representam 97% dos visitantes. Entre os estados que mais visitam estão: Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Ceará, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Paraíba.

Visite o Marco – Para visitar o local mais charmoso de Foz do Iguaçu, o visitante pode adquirir os ingressos de forma on-line pelo site do atrativo: www.marcodastresfronteiras.com.br. Os visitantes que não conseguirem fazer a compra on-line poderão adquirir o bilhete presencialmente, mediante disponibilidade na hora da visita.

Histórico de visitação do ano de 2021 (mês a mês)

  • Janeiro: 29.814
  • Fevereiro: 17.850
  • Março: 6.799
  • Abril: 8.859
  • Maio: 11.331
  • Junho: 14.495
  • Julho: 29.686
  • Agosto: 22.586
  • Setembro: 29.839
  • Outubro: 34.646
  • Novembro: 35.568

Créditos fotografia: Marcos Labanca

Redes Sociais

Instagram: instagram.com/marco3fronteiras
Facebook: facebook.com/marco3fronteiras.brasil
Twitter: twitter.com/marco3fronteira
Telegram: t.me/marco3ronteiras

Economia, Foz do Iguaçu, Paraná, Turismo,

Festival das Cataratas celebra novo momento do turismo em Foz do Iguaçu

Com 99,7% da população totalmente imunizada contra a covid-19, Foz do Iguaçu (PR) está ansiosa para receber o 16º Festival das Cataratas e celebrar a retomada do turismo. O evento é considerado um dos maiores do turismo nacional e começa nesta quarta-feira (1º), com uma solenidade restrita a convidados no Hotel Grand Carimã a partir das 18h. A cerimônia poderá ser acompanhada ao vivo pelo Youtube.

Entre as autoridades confirmadas estão o vice-governador do Paraná, Darci Piana; o secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo do Paraná, Márcio Nunes; o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro; o secretário de Turismo, Projetos Estratégicos e Inovação, Paulo Angeli; e o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general João Francisco Ferreira.

Na quinta-feira (2) e na sexta-feira (3), a programação segue no Rafain Palace Hotel & Convention com a tradicional Feira de Turismo e Negócios, que será aberta oficialmente às 14h, e segue até as 20h. Com 7 mil metros quadrados, a área de exposição está 40% maior do que 2020. No espaço, expositores do Brasil e do mundo apresentarão o que há de melhor em produtos e serviços relacionados aos diversos segmentos da cadeia turística.

Também faz parte da programação paralela o Fórum Internacional de Turismo do Iguassu – considerado o maior evento técnico-científico de turismo da América Latina – além de rodadas de negócios, o Salão MICE Cataratas, a Arena Gastronômica, palestras, mentorias e capacitações.

Outro propósito forte desta edição é o de conectar negócios, turismo e pessoas. Para isso, os organizadores vão promover uma série de atividades para empreendedores retornarem da “Terra das Cataratas” com boas parcerias na bagagem, que contam com o patrocínio do Sebrae, a Fecomércio PR e a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). A programação completa está disponível em https://festivaldascataratas.com/programacao-2021/.

Participantes poderão visitar atrativos de graça

Alguns atrativos da Terra das Cataratas irão oferecer isenções durante o período estendido do Festival das Cataratas, de 1º a 6 de dezembro, desde que o horário que não coincida com as atividades do Festival, ou seja, das 14h às 20h de quinta-feira (2) e sexta-feira (3).

Para ter acesso ao benefício, basta apresentar o crachá na visita. Confira a lista:

  • Cataratas do Iguaçu
  • Marco das Três Fronteiras
  • Dreams Park Show: cortesia para Museu de Cera, Maravilhas do Mundo, Vale dos Dinossauros e Dreams Motor Show. Para o Dreams Ice Bar, os ingressos custarão R$ 30;
  • Complexo Turístico Itaipu (Iluminação Monumental por meio de inscrições no estande e disponibilização de ônibus) e Passeio Panorâmico;
  • Movie Cars (visitação aberta para participantes do evento).

Festival das Cataratas

O Festival das Cataratas é organizado pela De Angeli Eventos & Empreendimentos, com patrocínio do Sebrae, CNC e Fecomércio PR, parceria estratégica da Brazoa, Visit Iguassu, COMTUR, ABEOC Brasil e Ministério do Turismo, e Governo do Paraná como estado anfitrião.
(Festival das Cataratas) 16º Festival das Cataratas começa nesta quarta-feira

Da assessoria

Destaques, Economia, Foz do Iguaçu, Turismo,

Mais de 85 mil visitaram o Parque Nacional do Iguaçu em novembro

Os números do turismo mantiveram em novembro a tendência de alta registrada a partir do segundo semestre do ano. No penúltimo mês de 2021, o Parque Nacional do Iguaçu recebeu 85.999 visitantes, crescimento de 9% se comparado com o mês anterior, quando 78.665 pessoas visitaram o maior conjunto de quedas d’água do mundo, as Cataratas do Iguaçu. O turismo da Itaipu repetiu o desempenho de outubro, melhor período ano até aqui.

De acordo com a estatística de acessos na unidade de conservação na fronteira do Brasil com a Argentina, a maioria dos visitantes do atrativo são brasileiros. Eles representam 91% da visitação total, representando ao todo 78.709 ingressos que vieram dos 26 estados do Brasil e Distrito Federal.

No ranking dos estados brasileiros que mais visitaram o parque, a lista é liderada por Paraná, São Paulo e Santa Catarina que fecham os top 3, seguido de Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Distrito Federal, Ceará e Mato Grosso do Sul.

Na listagem dos países com a maior quantidade de visitantes, o Paraguai lidera, seguido por Argentina, Estados Unidos, Alemanha, França, Peru, Colômbia, Espanha e México.

Ingressos on-line

Para visitar o Parque Nacional do Iguaçu é preciso adquirir o ingresso pelo site oficial, exclusivamente on-line (www.cataratasdoiguacu.com.br/ingressos), com escolha do dia e horário para o passeio. Os ingressos são limitados por horário.

Pela central de atendimento no WhatsApp, é possível receber dicas e informações sobre o Parque Nacional do Iguaçu. Para acessar o serviço, basta entrar em contato com a Central de Atendimento ao Visitante: +55 (45) 9137-3444 (wa.me/554591373444).

Itaipu

O circuito turístico no entorno e na barragem da usina binacional fechou novembro com 34.273 visitantes. O desempenho foi praticamente igualando ao resultado de outubro, com 34.597 ingressos, período que tinha sido o melhor mês do ano e o melhor depois do início da pandemia.

Lembrando que outubro teve um dia a mais, no comparativo com novembro, e um feriado prolongado importante – Dia das Crianças/Nossa Senhora Aparecida. A média diária de visitação no último mês foi de 1,3 mil turistas (com pico de 2,9 mil visitantes/dia). O carro-chefe do período foi novamente a Itaipu Panorâmica, passeio mais procurado, com 27.373 visitantes.

A totalização dos números do Marco das 3 Fronteiras só será divulgada nesta quarta-feira (1º de dezembro). Isso porque, o atrativo atende no período noturno, depois do fechamento da edição do GDia.

Histórico de visitação de 2021 (mês a mês)

  • Janeiro: 75.138
  • Fevereiro: 45.690
  • Março: 15.143
  • Abril: 20.018
  • Maio: 24.632
  • Junho: 27.739
  • Julho: 56.819
  • Agosto: 45.996
  • Setembro: 67.046
  • Outubro: 78.665
  • Novembro: 85.999

Foto: Alexandre Soto/EquipeCataratas

As informações são de GDia

Destaques, Foz do Iguaçu, Paraná, Turismo,

Roda-gigante de Foz do Iguaçu será inaugurada em dezembro, diz Gramado Parks

O investimento da empresa é de cerca de R$ 200 milhões, valor que engloba o projeto da roda-gigante e um resort com 360 apartamentos

A Gramado Parks, empresa de entretenimento e hospitalidade nascida nas Serra Gaúcha, expande suas operações para o Paraná, com o seu mais novo projeto de entretenimento: uma roda-gigante próxima ao Marco das Três Fronteiras, em Foz do Iguaçu.

O investimento da empresa em Foz do Iguaçu é de cerca de R$ 200 milhões, valor que engloba o projeto da roda-gigante, que será inaugurada em dezembro de 2021, bem como um resort, o Aquan, já em construção, que conta com 360 apartamentos e previsão de inauguração para 2023, na modalidade de multipropriedade e que deve gerar cerca de 200 novos empregos.

As obras para construção da roda-gigante começaram há cerca de um ano. Com o lançamento da atração, a empresa estima contratar 60 colaboradores diretos e ter 40 parceiros indiretos, contribuindo para o desenvolvimento econômico do destino.

A nova roda-gigante do grupo oferece uma tematização especial. A Yup Star Foz está preparada para receber cerca de 500 mil pessoas por ano. A roda-gigante tem 88 metros de altura, acomoda 288 pessoas, distribuídas por 36 cabines totalmente climatizadas a cada volta e está instalada em uma área total de 5 mil metros quadrados. Sua visão panorâmica proporcionará ao visitante admirar as belezas naturais da região. Além disso, o local também contemplará um espaço dedicado para alimentação e uma loja de souvenirs.

Para o vice-presidente de Implantação da Gramado Parks, Fábio Bordin, Foz do Iguaçu será de fundamental importância para o portfólio do grupo. “São milhares de pessoas por ano que visitam o destino, o colocando como indutor do Turismo no Sul do Brasil. Uma cidade que vem crescendo ano a ano com novas atrações de entretenimento e hospitalidade, que possui uma das maravilhas do mundo – as Cataratas do Iguaçu – e a maior hidrelétrica do Brasil, sendo o destino certo para famílias contemplarem a natureza e fazerem compras, além de aproveitarem para relaxar e ter experiências gastronômicas. Agora, as famílias terão ainda mais motivos para se divertirem em Foz”, afirmou.

Assessoria

Destaques, Foz do Iguaçu, Mundo, Turismo,

Paraguai lança campanha para atrair brasileiros

A Secretaria Nacional de Turismo (Senatur) do Paraguai criou uma campanha internacional dirigida ao Brasil para aumentar o número de turistas brasileiros que vêm ao país vizinho

Com a reabertura a pós pandemia os técnicos do turismo notaram que o Brasil passou a ser o primeiro na lista de países emissores de turistas para o Paraguai. O aumento registrado foi de 40% de brasileiros que buscam novos destinos no Paraguai como Assunção e diferentes notas no País.

Segundo Gustado Riego, um dos diretores de área da SENATUR, disse que a meta é ver brasileiros chegando a mais cidades do país. “Queremos que o Brasileiro lembre que existe mais coisas além da experiência de compras na fronteira”, disse. No caso de Foz, isso significa além de Ciudad del Este.

A Campanha “Paraguay solo para vos” (Paraguai só para você) é a tradução desse esforço. Quatro agências de viagens e operadores de Foz do Iguaçu e uma de Curitiba, Grupo Tarobá, Poin Tur, Personal, Cassino Turismo, Rottero Viagens e uma de Ciudad del Este, Lleva Tur foram convidadas a participar de um workshop em Assunção no sábado, 27.

Para apresentar produtos paraguaios aos operadores brasileiros a organização convidou nove empresas paraguaias: DTP, Maral Operadora, Martin Travel, NSA – Nuestra Señora de Asunción, Discover Travel, La Misión, Leva Viajes (CDE), Terra Nova e Stay PY.

Iniciação à Observação de Pássaros

Nenhum dos operadores do Paraná tinham experiência qualquer com o hobby de observar aves e pássaros. Foi uma surpresa para todos que um resort apostasse em um produto como a observação de pássaros. O passeio estava marcado para as 6h da manhã.

O produto do hotel é uma parceria entre a operadora DTP, a empresa Paraguay Birding e o Resort Yacht y Golf Paraguayo. Os agentes brasileiros não só fizeram o passeio como voltaram apaixonados. “Podemos dizer que foi uma iniciação à observação de aves”, disse Gustado Riego.

O responsável pelo milagre foi Oscar Rodriguez e a companheira Stefania Alderete. “O segredo é não ser somente um guia para observadores profissionais. É mais ser facilitador entre o turista comum e a natureza. Todos estamos ávidos de experiências naturais”, disse Rodríguez.

Novo Kattamaran

Nos próximos 40 ou 60 dias, o barco Kattamaran começará a funcionar a partir de instalações no lado paraguaio. A informação foi dada pelo gerente Carlos Segovia. No anúncio ele estava acompanhado do fundador do Kattamaran pelo lado brasileiro Ademir Fenandes dos Santos.

Segundo Ademir já está tudo pronto para que o Paraguai tenha seu próprio Kattamaran partindo de uma estrutura na área naval de Ciudad del Este. “A empresa é paraguaia e a ideia é que a população possa não só fazer a navegação turística como também alugar para festas, comemorações e eventos”.

As campanhas estão dirigidas ao Sul do Brasil, por enquanto. Na lista estão Curitiba, Porto Alegre e cidades Maringá, Londrina, Cascavel e Foz do Iguaçu.

As informações são de GDia

Destaques, Economia, Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional, Turismo,

Natal de Águas e Luzes de Foz do Iguaçu será abraçado por todos, diz chefe de Comunicação da Itaipu

Nesta quarta-feira (1°), começa a programação de final de ano de Foz do Iguaçu, com a abertura oficial do Natal de Águas e Luzes. Serão 35 dias de programação e decoração em dez pontos da cidade, com projeções mapeadas no Colégio Mitre e Matriz São João Batista, iluminação cênica da Ponte da Amizade e da Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, paradas (desfiles) e autos de Natal.

No Gramadão, está marcado o show do cantor Daniel e show missa com o Padre Reginaldo Manzotti. Todas as atrações são gratuitas, com iniciativa da Itaipu Binacional, Prefeitura e Fundo Iguaçu, destaca a Rádio Cultura.

Patrícia Iunovich, chefe de Comunicação de Itaipu, ressalta que esse será um Natal para ser “abraçado” pelos empresários, que poderão agregar produtos para serem vendidos para o turismo. “Esse ano a gente está dando esse start, mas a partir do ano que vem aos poucos o empresariado também possa dar sua parte”, disse.

– Patrícia Iunovich, chefe de Comunicação da Itaipu

“Tem muita coisa bacana, mas o mais importante é que conseguimos criar um circuito de Natal. As pessoas vão se emocionar e muito com o Natal que estamos preparando para nossa população e os turistas que estarão nos visitando nessa época do ano”, ressaltou Iunovich.

Ouça a entrevista na Rádio Cultura

Destaques, Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional, Paraná, Turismo,

Natal de Águas e Luzes de Foz do Iguaçu será aberto oficialmente nesta quarta-feira, 1º

Programação inclui projeções mapeadas inéditas no Colégio Mitre e Matriz São João Batista, iluminação cênica da Ponte da Amizade e da Catedral Nossa Senhora de Guadalupe e shows com Daniel e Padre Manzotti

A fronteira do Brasil com o Paraguai e a Argentina vive uma grande expectativa. Nesta quarta-feira, 1º, será aberto oficialmente o Natal de Águas e Luzes de Foz do Iguaçu. Serão 35 dias de decoração em dez pontos da cidade. A programação cultural inclui projeções mapeadas inéditas no Colégio Mitre e Matriz São João Batista, iluminação cênica da Ponte da Amizade e da Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, paradas (desfiles) e autos de Natal de renome.

Também estão programadas apresentações do cantor Daniel e show missa com o Padre Reginaldo Manzotti. Todas as atrações são gratuitas. A iniciativa é da Itaipu Binacional, Prefeitura, Fundo Iguaçu e demais parceiros.

A abertura será na Praça da Paz e contará com a participação do diretor-geral brasileiro da Itaipu, general João Francisco Ferreira, o prefeito de Foz, Chico Brasileiro, o presidente do Fundo Iguaçu, Ênio Eidt. Também serão convidados o bispo Sérgio de Deus e o padre Carlão, entre outros. E claro, o Papai Noel.

Haverá contagem regressiva e acendimento sincronizado das luzes de Natal de todos os espaços decorados e iluminados com a temática. Todos os elementos decorativos usam tecnologia com baixo uso de energia.

Esse ano, o evento ganhou o um conceito que faz alusão às Cataratas do Iguaçu, maior atração turística de Foz, aos rios que banham à região e à própria usina, maior geradora de energia limpa e renovável do planeta.

“Estes últimos dias têm sido de muito trabalho e ensaios para deixar tudo redondinho”, explica o diretor da Fundação Cultural, Juca Rodrigues. Alguns testes de luzes estão sendo feitos para possíveis ajustes. “Queremos que tudo saia perfeito e quem as pessoas se encantem com o nosso Natal”, diz. Para a equipe coordenadora, formada pela superintendente de Comunicação Social e de Turismo da Itaipu, Patrícia Iunovich, a gerente de Relações Públicas da binacional, Rebecca Montanheiro e a assessora de Turismo, Aline Teigão, a proposta é proporcionar um Natal inovador que traga muita emoção para quem vive e visita Foz do Iguaçu e a fronteira como um todo.

“E mais que é isso é possibilitar um novo produto turístico no calendário internacional, com geração de renda e bem-estar para toda a economia de Foz e cidades-irmãs”. Na corrida contra o tempo – faltam três dias para tudo começar-, o presidente do Fundo Iguaçu reforça: vai ser mágico e um marco para a cidade. “O começo de um grande evento que vai se consolidar ano a ano”.

O diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Ferreira, explica a importância do evento. “Vivemos tempos muito difíceis, que esperamos tenham terminado e fiquem apenas na memória. Perdemos entes queridos, que agora são estrelas que nos iluminam de onde estão. E hoje a felicidade estará aqui, em nossa volta. Nessas luzes, nessas cores, nessa infinita magia natalina”. E acrescenta: “É tempo de recomeço e dar nova esperança para todos com um Natal que representa esperança e também ganho pão para muita gente”.

O prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, é um dos maiores entusiastas do Natal. “Pela primeira vez, teremos um circuito de Natal agregado aos nossos atrativos conhecidos mundialmente que poderá ser aproveitado pelos moradores e turistas”.

E o prefeito tem razão. Agências e vários estabelecimentos da cidade estão se preparando para essa nova demanda. Pacotes de turismos estão incluindo o circuito de Natal de Águas e Luzes em suas vendas. De dia os passeios tradicionais, à noite o evento natalino e logo depois, jantares temáticos. Tudo ao gosto de quem quer aproveitar ao máximo o que a tríplice fronteira tem a oferecer.

Neste domingo, 28, o padre Carlão, da Matriz São João Batista, já fez o convite para os fiéis ao vivo e pelas redes sociais durante a transmissão da missa dominical. “Todos os dias de dezembro teremos uma projeção linda do nascimento de Jesus na nossa Igreja. Tragam suas cadeiras, coloquem aqui na frente e venham prestigiar”, convidou.

Em vídeo, o cantor Daniel fez um convite: “No dia 19 de dezembro, vou participar de um evento incrível em Foz do Iguaçu, o Natal de Aguas e Luzes. Venha participar você também. E se você vier, vou fazer um pedido especial: Traga um quilo de alimento não perecível, pois ainda tem muitas pessoas que precisam de você. Deixe o espírito de Natal de Águas e Luzes invadir seu coração”.

Programação

De 1º de dezembro a 5 de janeiro, o Gramadão da Vila A e a Praça da Paz vão receber grandes espetáculos musicais. O mais esperado é o do cantor Daniel, astro da música pop sertaneja, no dia 19 de dezembro. No dia 22, o padre Reginaldo Manzotti fará uma missa seguida de show no Gramadão.

Nos dias 1º e 2 de dezembro, a Cia Sorriso com Arte fará o espetáculo “Um encanto de Natal”; nos dias 4 e 5, a Banda Sinfônica do Exército se apresenta no Gramadão. O espetáculo de encerramento, no dia 23, será com a Cia Arte & Manhas.

A partir do dia 3 e até o dia 22 de dezembro, a população poderá acompanhar o show diário de acendimento das luzes de Natal, chamado “Encantamento”, como um anúncio da magia do Natal, no Gramadão e na Praça da Paz.

Grupos locais e regionais de cultura popular, dança, bandas e corais também se apresentarão nos dois palcos principais, mas a festa se espalhará pela cidade. “Teremos apresentações nos bairros e na carreta-palco que vai circular pelos bairros”, explica o diretor da Fundação Cultural de Foz do Iguaçu, Juca Rodrigues.

O Natal de Águas e Luzes de Foz do Iguaçu é uma iniciativa da Prefeitura, Itaipu, Fundo Iguaçu e outros parceiros. Outro destaque será a iluminação cênica da Ponte da Amizade, que liga o Brasil ao Paraguai.

Economia, Geral, Paraná, Turismo,

Praça de pedágio mais cara do País é uma das primeiras a ter a cobrança encerrada no Paraná

A virada do dia 26 para o dia 27 de novembro marcou o “início do fim” dos atuais contratos de concessão de rodovias no Paraná. À meia-noite, as cancelas de 14 praças de pedágio dos lotes 1, 2 e 3 (Econorte, Viapar e Ecocataratas) foram levantadas, e os motoristas deixaram de pagar as tarifas. Na passagem deste sábado (27) para domingo o mesmo vai acontecer em outras 13 praças, dos lotes 4, 5 e 6 (Caminhos do Paraná, Rodonorte e Ecovia).

O encerramento dos atuais contratos foi bastante simbólico, especialmente na região Norte do Paraná, nas proximidades de Londrina. Isso porque a praça de pedágio de Jataizinho possuía as tarifas mais caras do Brasil. O custo partia de R$ 26,40 podendo chegar a R$ 150,50, nos casos de caminhões com 7 eixos. Uma operação foi coordenada no local pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio da Polícia Militar do Paraná. Durante o final da noite e começo da madrugada, quem passava pela praça de pedágio celebrava o fim de uma cobrança considerada por muitos abusiva.

“Estou no sexto ano de Medicina, e durante quatro anos eu me deslocava de Cornélio Procópio para Londrina para estudar, passando por essa praça na ida e na volta”, contou o enfermeiro Fagner da Costa. “Gastei uma quantia incalculável de dinheiro pagando a tarifa aqui”.

Já o contador Samuel Rodrigues de Jesus Júnior salientou que esta é uma chance de realizar a concessão com tarifas menores. “O fim desses contratos é um marco para que o Governo do Estado consiga fazer um novo contrato com um valor justo para a população”, disse.

Houve até quem foi pego de surpresa pelo fim da cobrança. O casal Giovane Gross e Heloísa Cristina chegou às proximidades da praça pouco antes da meia-noite e se surpreendeu com o movimento. “Sabíamos que o contrato estava para acabar, mas não lembramos que era justamente hoje”, contou a autônoma.

O marido, que trabalha como bancário, ressaltou o impacto das cancelas abertas no local. “Nós moramos em Cornélio Procópio, e já gastamos muito dinheiro com pedágio nessa praça e em Cambará. E o problema nem é pagar uma tarifa, pelos serviços que o pedágio oferece, mas tem que ser um valor justo. Como está, gastamos mais com pedágio até do que com o combustível”, lembrou Giovane.

Já o caminhoneiro Ronaldo de Oliveira Sales, que passou conduzindo um caminhão-tanque transportando óleo vegetal, citou que a passagem pelas praças mais caras sempre pesou no orçamento de trabalho. “Com eixo erguido, pagando dois eixos, são R$ 43 só aqui. Com todos os eixos dá mais de R$ 60”, comentou. “A esperança é que, na próxima concessão, a gente pague uma tarifa baixa e que caiba no bolso”.

Operação – Com o fim das concessões rodoviárias no Paraná, uma verdadeira força-tarefa foi formada pelas secretarias de Estado da Infraestrutura e Logística, da Saúde e da Segurança Pública, juntamente com a PRF, para a continuidade dos principais serviços que até então eram prestados pelas concessionárias.

As praças fechadas na madrugada deste sábado foram as de Jacarezinho, Jataizinho e Sertaneja (relativas à Econorte); Arapongas, Mandaguari, Presidente Castelo Branco, Floresta, Campo Mourão e Corbélia (relativas à Viapar) e São Miguel do Iguaçu, Céu Azul, Cascavel, Laranjeiras do Sul e Candói (relativas à EcoCataratas).

Para evitar acidentes nas praças de pedágio, um novo fluxo foi organizado, com o tráfego canalizado pelas vias laterais, enquanto as centrais foram bloqueadas. O novo desenho de tráfego foi direcionado pelas PRF e Polícia Rodoviária Estadual (PRE). Após decisão judicial, a sinalização desse desvio ficou sob responsabilidade das concessionárias.

Em Jataizinho, a operação foi coordenada pela PRF. Segundo o agente Renato Alves, que participou da operação desta sexta-feira, o objetivo é garantir segurança e tranquilidade aos motoristas e evitar transtornos nessa mudança de rotina no local. “Estamos dando um suporte no local. A situação aqui é um pouco distinta, porque a Econorte permanece com o trabalho de guincho e atendimento médico, devido a um acordo judicial. Nosso objetivo aqui é ajudar para que não ocorram acidentes ou incidentes”, explicou o policial rodoviário federal. “Temos recomendado que os motoristas passem por esses locais respeitando os limites de velocidade e as sinalizações de desvios, o que será importante para que tudo corra com tranquilidade”.

No começo deste domingo, a mesma ação será realizada nas praças de Prudentópolis/Relógio, Irati, Porto Amazonas, Imbituva e Lapa (relativos à Caminhos do Paraná), Balsa Nova, Palmeira, Carambeí, Jaguariaíva, Tibagi, Imbaú e Ortigueira (Rodonorte) e de São José dos Pinhais (Ecovia).

Tráfego – Com o fim da prestação de serviços por parte das concessionárias, eventuais interrupções na pista por causa de acidentes terão suporte da Polícia Militar do Paraná para desobstrução das vias. Neste primeiro momento, serão utilizados os guinchos da PM, mas o DER/PR já lançou um edital de licitação para contratação do serviço de guincho mecânico, leves e pesados, até o início das novas concessões.

Importante ressaltar que a PM fará apenas a desobstrução da pista, para manter o fluxo das rodovias. A retirada do veículo do local será de responsabilidade dos usuários. Em casos de falhas elétricas ou mecânicas, o motorista também deverá fazer a sinalização e afastamento do veículo para não atrapalhar o tráfego.

Em caso de acidente ou emergência médica, o usuário deverá direcionar a chamada segundo sua ocorrência. Em caso de problemas na pista, motoristas que estiverem em rodovias federais (BR) podem ligar diretamente para o número 191, atendido pela PRF. Já os usuários que circularem pelas rodovias estaduais (PR e PRC) poderão discar 198, que direciona para a PRE. Para casos de interrupção de pista e outras ocorrências, o recomendado é ligar para o 190, da Polícia Militar, que tem capilaridade para transferir as ocorrências para as instituições correspondentes.

Em situações de acidentes com vítimas, o usuário deve ligar para o número 193, do Corpo de Bombeiros, tanto em rodovia federal quanto em rodovia estadual. Os atendimentos serão realizados em parceria com a rede de Samu. Vale lembrar que o usuário deve buscar um local seguro para fazer a ligação.

As únicas rodovias que continuarão recebendo o atendimento da concessionária são as do Lote 1 e do Lote 4, cobertas pela Econorte e Caminhos do Paraná. A exceção é consequência de um acordo firmado entre as empresas e o DER/PR. Com isso, continuarão realizando os serviços de guincho mecânico, de ambulâncias para atendimento pré-hospitalar, mantendo o centro de controle de operações e telefone para emergências 0800. A medida terá validade por 365 dias, devendo atender a todo o intervalo entre concessões.

PRF – A maior parte do Anel de Integração – 1,8 mil dos 2,5 mil quilômetros de rodovias – é federal. Nesses trechos, o patrulhamento é feito pela Polícia Rodoviária Federal, que também reforçou a sua estrutura para atendimento após o fim das concessões. O efetivo será de 40% a 100% maior, com presença estratégica nos trechos que demandam maior atenção — tais como praças de pedágio e locais onde acontecem mais ocorrências.

As informações são de AEN

Destaques, Foz do Iguaçu, Saúde, Turismo,

Foz do Iguaçu é destino de férias em família, diz portal de São Paulo

Palco de um dos maiores espetáculos naturais, a cidade do oeste paranaense também guarda outros tesouros

Presenciar as volumosas quedas d’água de Foz do Iguaçu é um dos principais atrativos para viajar até a fronteira com a Argentina.

Mas se engana quem pensa que o turismo da cidade está concentrado apenas no Parque Nacional do Iguaçu.

O roteiro da viagem pode ser ainda mais rico visitando o templo budista, fazendo um passeio pela maior geradora de energia hidrelétrica do mundo e até se divertindo em um bar todo de gelo.

Continue lendo em Sistema Costa Norte