1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

#dentrodalei: Campanha alerta sobre os prejuízos da ilegalidade e corrupção no país

Abrabar irá produzir adesivos e cartazes para os bares e restaurantes de Curitiba

O Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) lançou um manifesto nacional e conteúdos exclusivos para discutir segurança pública, ilegalidade, contrabando e corrupção no Brasil. A iniciativa quer alertar à população como estes crimes afetam o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

“Estamos apoiando os nossos parceiros e referência nacional na luta e combate à ilegalidade, insegurança e corrupção”, afirma o presidente da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar/SindiAbrabar), Fábio Aguayo. “Vamos fazer adesivos e cartazes e colocar nos bares e restaurantes de Curitiba, que reconhecidamente sempre andam dentro da lei”, ressaltou.

Os conteúdos da campanha #dentrodalei, lembra Aguayo, serão produzidos por uma equipe  de jornalistas qualificados e formadores de opinião que farão entrevistas, matérias investigativas, eventos com a presença de autoridades e especialistas e vídeos. Tudo isso para informar os brasileiros sobre o combate ao crime organizado no país.

Abaixo a íntegra da primeira ação:

MANIFESTO

O Brasil vive um momento delicado na área da segurança pública. Em anos recentes, a criminalidade avançou de forma quase descontrolada em todo o território nacional, e hoje é possível afirmar que a ilegalidade se transformou num dos principais motores da economia brasileira, assumindo inclusive parte das atribuições do estado e, desta forma, transformando a população em refém de um ciclo perverso. O cidadão que compra um produto ilegal financia o crime organizado que se fortalece e utiliza a corrupção para garantir sua impunidade, esvaziando os recursos públicos necessários para a implementação de ações efetivas de enfrentamento da ilegalidade.

Somente em 2018 o país perdeu R$ 193 bilhões para o mercado ilegal, o que pode ser atribuído, em boa medida, ao desempenho do país no Ranking de Competitividade Global do Fórum Econômico Mundial, estudo em que o Brasil apresenta um dos piores desempenhos globais em áreas como: prevalência do crime organizado (124 entre 140 nações); confiabilidade dos serviços de segurança (111 entre 140 nações); eficiência do marco regulatório (113 entre 140 nações); e incidência de corrupção (80 entre 140 nações).

ESSA É UMA INVERSÃO DE VALORES QUE NENHUM BRASILEIRO PODE MAIS ACEITAR!

É com essa realidade em mente que o Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) cria o projeto Dentro da Lei, uma campanha nacional de conscientização e engajamento que tem como objetivo promover a defesa dos interesses nacionais por meio da luta contra todas as formas de ilegalidade como a corrupção, contrabando, falsificação e outros desvios.

A partir desta semana, e durante todo o ano de 2019, os leitores da Gazeta do Povo terão acesso a conteúdo exclusivo produzido por uma equipe formada por alguns dos mais renomados e qualificados jornalistas e formadores de opinião do Brasil. Serão entrevistas, matérias investigativas, ações no ambiente digital, eventos com a presença de autoridades e especialistas, estudos, vídeos e muito mais, que vão formar um rico acervo de ideias e propostas para o combate ao crime organizado no Brasil.

O compromisso com a defesa dos interesses nacionais e a luta contra toda a forma de ilegalidade são elementos fundamentais para a garantia e para a manutenção do estado democrático de direito. Somente seguindo esses preceitos conseguiremos promover o respeito à dignidade das pessoas e a defesa da vida, do bem-estar das famílias e de um ambiente propício para o empreendedorismo, para a geração de emprego e de renda, que vão garantir o avanço da sociedade brasileira.

TODOS JUNTOS, #DENTRODALEI

ETCO

Foto: Gazeta do Povo Imagem