1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

Empresários sobem ao palco e agridem músico em Foz do Iguaçu

Dois rapazes, identificados como empresários do ramo de lazer e entretenimento, subiram ao palco de um conhecido bar em Foz do Iguaçu, no último final de semana, e simplesmente agrediram o músico Douglas Brito, que se apresentava com a banda Raul Seixas Cover.

Os clientes reprovaram a cena deplorável que assistiram e espalharam nas redes sociais.

Na página do estabelecimento, os proprietários expressaram “repúdio” à agressão e anunciaram as providências: “Já registramos o ocorrido na delegacia e estamos tomando as medidas legais cabíveis”.

O blog é contra todas as formas de agressões.

A seguir a íntegra da nota:

Gostaríamos de expressar nosso repúdio ao acontecimento deste final de semana em nossa casa, onde dois empresários, proprietários de um bar e hambúrgueria bem conhecidos em nossa cidade, aparentemente sem motivo algum, subiram ao palco e agrediram o músico que aqui se apresentava, Douglas Brito (Raul Seixas Cover). Já registramos o ocorrido na delegacia e estamos tomando as medidas legais cabíveis.

Desde o primeiro dia de portas abertas, há quase dois anos, trabalhamos incansavelmente para que nossa casa seja um lugar seguro, agradável e acolhedor, somando com as demais casas de Foz do Iguaçu e sendo mais uma opção de lazer em nossa cidade para moradores e visitantes que curtem o bom e velho Rock N’ Roll. Nossa casa é um ambiente familiar que prioriza o respeito, o bem estar e a harmonia entre todos. Não somos a favor da violência em hipótese alguma, portanto pessoas intolerantes e que não respeitam nossa casa e o nosso público não são bem vindas aqui – caso sua intenção seja sair de casa para brigar ou causar confusão, faça isso bem longe do nosso bar.

Pedimos desculpas aos nossos amigos e clientes, em especial ao nosso músico e parceiro Douglas Brito, pelo ocorrido e informamos que, visando aumentar a segurança e tranquilidade em nossa casa, teremos seguranças devidamente preparados todos os finais de semana.

“A gente se dá bem, não desejamos mal a quase ninguém, a gente vai a luta e conhece a dor, consideramos justa toda forma de amor!”