1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

Nascidas no Dia da Onça-Pintada, oncinhas de Itaipu são fêmeas e melânicas (pretas)

Filhotes nasceram com 908g e 980g e são herdeiros genéticos das onças Nena e Valente, do Programa de Reprodução de Onças-Pintadas da Itaipu

Nascidas no Dia Internacional da Onça-Pintada, celebrado em 29 de novembro, as duas oncinhas do Refúgio Biológico Bela Vista, da Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu (PR), passam bem. Nesta terça-feira (30), médicos-veterinários do Refúgio identificaram o sexo das recém-nascidas: são duas fêmeas melânicas (pretas), assim como a mamãe Nena.

Os filhotes nasceram com 908g e 980g, peso considerado bom, e estão saudáveis. Por serem fêmeas, as oncinhas podem ficar com a mãe mais tempo do que os filhotes machos, que precisam ser separados perto de um ano de idade. As bebês ainda não têm nome, mas são irmãs “de pai e mãe” das fêmeas Poty e Cacau e do macho Pytu, todos descendentes de Nena e Valente. A reprodução do casal começou em 2016.

Em alguns meses, as oncinhas poderão ser vistas pelos visitantes do Refúgio Biológico Bela Vista, em Foz do Iguaçu.