Prefeito de Foz sanciona projetos de lei que valorizam profissionais da educação

Professores, instrutores de Libras e secretários de escolas terão duas referências acrescidas ao salário, o que representa aumento de 6% no salário

O prefeito Chico Brasileiro sancionou, na tarde desta quinta-feira (07), os dois projetos de lei que acrescem duas referências ao plano de carreira de professores, instrutores de Libras e secretários de escolas. As propostas representam um aumento real de 6% no salário.

A assinatura dos projetos, aprovados hoje pela Câmara Municipal, foi acompanhada pela presidente do Sindicato dos Professores e Profissionais da Educação da Rede Pública Municipal de Foz do Iguaçu (Sinprefi), Marli Maraschin, e pela diretora de políticas sindicais do Sinprefi, Viviane Benitez; além do presidente do Legislativo, Ney Patrício, e da vereadora Anice Gazzaoui.

Veja também

O prefeito explicou que foi dada prioridade para a sanção dos projetos, a fim de que os benefícios entrem em vigor o quanto antes. Ele disse que já nesta sexta-feira (08) será feito o depósito referente às duas referências aos profissionais da educação contemplados, mas que, devido aos trâmites bancários, é possível que o valor não fique disponível no mesmo dia.

“A educação de Foz do Iguaçu tem recebido importantes investimentos, tanto em obras, com reformas e construções de novas unidades, como em aquisição de tecnologias, capacitações e valorização dos profissionais – ações fundamentais para que o ensino seja de cada vez mais qualidade”, disse o prefeito.

Prefeito de Foz sanciona projetos de lei que valorizam profissionais da educação

A aprovação dos dois projetos de lei beneficia mais de 3 mil profissionais da educação, entre servidores ativos e inativos.

A vereadora Yasmin Hachem foi relatora do projeto de lei 38/2021 e a vereadora Anice Gazzaoui foi relatora do projeto de lei 37/2022. As duas propostas sancionadas serão publicadas no Diário Oficial do Município nesta quinta-feira (07).