1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

Prefeitos do Oeste do Paraná se reúnem em Foz nesta sexta-feira (10), para dialogar sobre a sustentabilidade no Estado

O evento incentiva a participação dos municípios no compromisso global de cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), da Organização das Nações Unidas (ONU)

Nesta sexta-feira, 10, prefeitos e gestores que compõem a Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP), estarão em Foz do Iguaçu para debater a implementação dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas (ONU).

O encontro com o tema “Estratégias para o desenvolvimento local sustentável das cidades do Paraná”, irá tratar sobre ações desenvolvidas pelo Governo do Estado em prol dos ODS, com o objetivo de apoiar os municípios do Paraná no processo de construção de cidades mais justas, inclusivas e sustentáveis, por meio da implementação dos ODS.

O evento será no Centro de Educação Ambiental do Iguaçu (CEAI), Avenida República Argentina, nº 531, a partir das 10h. As atividades preveem ainda a oferta de novas ferramentas e metodologias para apoiar os municípios na aplicação da Agenda 2030, além da cerimônia de adesão ao Programa Cidades Sustentáveis.

No encontro, prefeitos e gestores municipais da Amop serão convidados a aderirem ao Programa Cidades Sustentáveis e à Estratégia ODS por meio da assinatura da carta compromisso. A partir da adesão,os municípios terão acesso gratuito a diversas ferramentas, metodologias e funcionalidades que integram a Plataforma Cidades Sustentáveis, contempladas em módulos como Planejamento Urbano Integrado, Colaborações do Setor Privado e da Academia, Financiamento e Gestão Orçamentária e Participação Cidadã, entre outros.

A organização é feita de forma integrada pela Prefeitura de Foz do Iguaçu; Frente Nacional de Prefeitos (FNP); Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social do Governo do Estado do Paraná (Cedes); Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Governo do Estado do Paraná (Sedu); Paranacidade; Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e Programa Cidades Sustentáveis (PCS).