1 cabeza 2022 (150 px × 50 px) (1)

Saúde de Foz do Iguaçu descartou dois óbitos suspeitos e investiga um terceiro caso por Covid-19

Foz do Iguaçu completou ontem três dias sem a incidência de novos casos confirmados de Coronavírus

A Secretaria Municipal de Saúde já descartou, nos últimos dias, dois óbitos suspeitos pela Covid-19, infecção provocada pelo novo Coronavírus, e investiga mais um. A informação foi confirmada nesta terça-feira (21) pelo vice-prefeito e titular da pasta, Nilton Bobato. A cidade completou ontem, três dias sem a confirmação de mais pacientes com a doença.

O sepultamento do corpo de um homem ontem, no cemitério do bairro Três Lagoas, chamou a atenção, principalmente após ganhar as redes sociais. Nas imagens, os responsáveis pelo enterro aparecem vestidos de Equipamento de Proteção Individual (EPI), que inclui entre outros macacão descartável, tocas com máscaras, óculos, tênis e luvas, vestimentas descartáveis para proteção contra o Coronavírus. No entorno, poucos familiares acompanham a cerimônia.

De acordo com informações apuradas pelo GDia, o corpo é de um paciente idoso diabético com doenças cardíacas e histórico de AVC (Acidente Vascular Cerebral). Ele procurou atendimento na central Covid-19, foi orientado a permanecer em casa, em isolamento, porque o quadro não era grave. 

Nos últimos dias ele voltou a procurar a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Morumbi, devido a um quadro respiratório mais grave. Ao chegar no local, ficou em sistema fechado. Os servidores adotaram os protocolos e fizeram uso dos EPI’s necessários. O homem foi então para o respirador e permaneceu todo tempo isolado.

Procedimento
Enquanto estava na UPA, foram coletados todos os exames dele, encaminhados para o Hospital Municipal Padre Germano Lauck, para fazer a verificação do material. O falecimento ocorreu na manhã de ontem, momento em que foram adotados todos os procedimentos exigidos no protocolo – fechamento das cavidades e o corpo é envolto em três camadas. Não é permitido o velório. 

A Vigilância Epidemiológica não recebeu a notificação como suspeito, que só será incluído após a confirmação dos exames, que deve ser realizado em Curitiba no Laboratório Central (Lacen). Com a morte do paciente, na internet surgiu o questionamento de que seria o terceiro óbito com suspeita de Covid-19.

“Não procede”, garantiu Bobato à reportagem. “Já tivemos duas (mortes), que foram descartadas. Temos uma ocorrida esta madrugada, que assim como as demais, segue o protocolo de suspeita, pelo protocolo de doença respiratória, mas deve ser descartada também”, ressaltou o secretário de Saúde.

Ronildo Pimentel
Por Gdia